sexta-feira, 31 de julho de 2009

AGU envia ao Supremo parecer em defesa das cotas

O presidente do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes, analisa ação do Democratas (DEM) contra o sistema de cotas na Universidade de Brasília (UnB). Para a AGU, a política de cotas é uma obrigação do Estado, respaldada na Constituição e fundamental para a redução das desigualdades no país.
Compartilhar:

quinta-feira, 30 de julho de 2009

Parceria

A Prefeita de Santarém Maria do Carmo prestigiou na terça-feira, a abertura da 32ª Exposição Feira Agropecuária do Baixo Amazonas. Maria destacou a importância do setor produtivo para o desenvolvimento de Santarém. Disse que enquanto for prefeita, fará o que for possível para fortalecer esse segmento.
Compartilhar:

PM fecha mais um 'Disque Drogas'

A equipe de policiais do Núcleo Regional de Inteligência do Comando de Policiamento Regional I e da 16ª zona de policiamento já investigava a ação do elemento já havia algum tempo, mas só ontem (29/07) foi possível prendê-lo em flagrante por volta das 23 horas. O homem Francisco de Amorim Diniz, vulgo Pático, 30 anos, estava em uma motocicleta e ao ser abordado foram encontrados com o mesmo 11 papelotes de pasta de cocaína, uma quantia em dinheiro e um aparelho celular. No momento da prisão o homem conhecido como “Patico” e que já tem passagem pela polícia também por tráfico de drogas estava acompanhado de uma adolescente.

A polícia militar tem intensificado o combate ao trafico da drogas em Santarém e esse já é o terceiro homem preso por comercializar a droga no chamado “disque drogas”, o usuário tem o telefone do traficante que entrega a droga no local indicado sem precisar de identificação.

A moto encontrada com o elemento também foi apreendida e encaminhada para a delegacia da polícia civil onde o homem foi autuado em flagrante pelo crime de tráfico de drogas o procedimento está sendo instaurado pelo delegado Herbert Farias.

O comandante da 16ª zona de policiamento major João Carlos Costa de Souza, afirma que esse trabalho de combate ao tráfico é essencial, pois através dele diversos outros crimes podem ser evitados, “Esse é o trabalho da policia militar, realizar o policiamento ostensivo e preventivo e tirar de circulação pessoas nocivas a sociedade e nesse sentido temos um enorme apoio da população que colabora denunciado os crimes que por conseqüência podem ser apurados pelo serviço de inteligência”, afirma o major Costa.
Compartilhar:

quarta-feira, 29 de julho de 2009

Ibama prende 13 tartarugas gigantes da Amazônia caçadas

Operação Bajara, do Ibama prende 13 tartarugas gigantes da Amazônia (Podocnemis Expansa) e um tracajá (Podocnemis Unifilis) caçados no rio Tapajós. Os animais, alguns mortos, pesavam de um e meio a três quilos e eram caçados por espinhel (petrechos de caça que usam anzóis ligados a linhas sustentadas em longos barbantes de polímero) no entorno do Tabuleiro de Monte Cristo, em Aveiro/PA.

O Setor de Fauna da Gerência Executiva, Gerex do Ibama em Santarém levantou informações de que havia caça na região, tendo em vista que os animais estão no período de reprodução, que vai da segunda quinzena de julho até o final de agosto, e se aproxima o período de desova, que ocorre em novembro. Tabuleiros são localidades da região amazônica onde ocorre a desova de quelônios e o Ibama é o responsável pela segurança desses locais no período da desova até a eclosão dos filhotes. O maior tabuleiro do país é o de Monte Cristo, onde ocorre a maior produção de filhotes.

Dentro da Operação Bajara, os fiscais que fazem o patrulhamento dos rios amazônicos de competência da Gerex/STM, entre eles o Tapajós, recolheram 25 espinhéis que chegavam a 300 metros, na medida em que retiravam os petrechos do rio, encontravam os animais, alguns mortos. “Os que engolem os anzóis, geralmente morrem”, disse o analista ambiental do Ibama, Bruno Iespa, que acompanhou a ação.

Iguaria muito apreciada na Região Norte, as tartarugas gigantes do Amazônia são oferecidas como pratos sofisticados em restaurantes de Manaus, que adquirem os animais de criadores legalizados. Segundo Iespa, na região do tabuleiro, as tartarugas vivas são comercializadas por valores entre 30 e 50 reais, as mortas são consumidas pelos próprios caçadores.

O Ibama alerta que a caça de animais silvestres é considerada crime ambiental, passível de multa e, em alguns casos, prisão. (Ascom/Ibama)
Compartilhar:

Sancionada lei que regulamenta profissão de mototaxista

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sancionou nesta quarta-feira (29) a lei que regulamenta a profissão de mototaxista no Brasil. Segundo o ministro das Cidades, Márcio Fortes, que se reuniu com o presidente para tratar do tema, foi feito um único veto, em um artigo que descrevia as obrigações dos seguranças motorizados que usam motos para trabalhar.

Segundo Fortes, o artigo foi vetado porque tratava de temas que devem constar do contrato privado entre a empresa de segurança e os moradores, como, por exemplo, a obrigatoriedade de esperar os moradores em casa e avisar a polícia sobre movimentações suspeitas.

Segundo o ministro, as tarifas a serem cobradas pelos mototaxistas serão definidas pelas prefeituras e pelos Estados. O governo vai criar um curso especializado que deverá ser feito por todos os motoqueiros que queiram continuar exercendo a profissão. Ainda não há prazo para início do curso, mas a previsão do governo é de que, dentro de um ano, todos os mototaxistas deverão ter concluído esse treinamento.
Compartilhar:

terça-feira, 28 de julho de 2009

Ibama solta 100 jabutis em Belterra/

Fiscais do Ibama, em parceria com o jardim zoológico das Faculdades Integradas do Tapajós – ZOOFIT, soltaram 100 jabutis na Floresta Nacional do Tapajós, em Belterra/PA esta manhã. Dos animais soltos, 60 eram da espécie pata vermelha (Chelonoidis Carbonária) e 40, da espécie pata amarela (Chelonoidis Enticulata).

Esses animais são produto de entrega voluntária e de apreensões do Ibama, em suas operações ao longo dos últimos 18 meses. Segundo o analista ambiental Marcelo Eickhoff, fiscal do Ibama, coordenador dessa ação, alguns animais foram encontrados em vias públicas, em estradas, outros começaram a dar muito trabalho a quem os mantinha sob cativeiro, que, em alguns casos, foram abandonados.

No grupo de animais soltos, havia indivíduos de três a 15 anos, que pesavam entre um e três quilos. Os animais passaram por período de adaptação e estavam prontos para serem reintegrados à natureza. Alguns chegaram machucados e outros com seus instintos naturais muito comprometidos. De acordo com o biólogo Sidcley Matos, gerente do jardim zoológico, a readaptação se deu isolando os animais e alimentando-os com frutos da região.

Vários fatores foram considerados para que os jabutis fossem soltos na Floresta Nacional do Tapajós, entre eles por ser área protegida, oferecendo segurança aos animais em relação à ação do homem e a abundância de alimentação, o que permite vida longa à espécie.

O chefe da Divisão de Controle e Fiscalização da Gerência Executiva do Ibama em Santarém, Gustavo Podestá, informa que manter animais silvestres em cativeiro é crime passível de multa. “Mesmo a pessoa tendo o animal há muitos anos, não é permitido mantê-lo em cativeiro, a menos que seja animal adquirido de criadores certificados pelo Ibama. Por outro lado, se houver a entrega voluntária, quem o fizer estará livre de qualquer punição.”

Denúncias de animais silvestres mantidos em cativeiro ou quaisquer outras irregularidades envolvendo o meio ambiente podem ser feitas através da Linha Verde 0800 61 8080, a ligação é gratuita e o denunciante terá seu sigilo garantido, pois não há necessidade de se identificar. (Ascom/Ibama)
Compartilhar:

Instrução

O Diário Oficial da União (DOU) publicou ontem (27) a Instrução Normativa (IN) 54, que fixa os valores e as normas gerais para a implementação das diversas modalidades de crédito oferecidas pela Incra.

A principal novidade da IN, assinada pelo presidente da Autarquia, Rolf Hackbart, é o aumento de 50% no valor do Crédito Aquisição de Material de Construção, que passa de R$ 10 mil para R$ 15 mil.

O material é destinado à construção de casas a famílias assentadas.
Compartilhar:

Oi e Claro poderão ter que pagar multa de R$ 300 milhões

As empresas terão de responder na Justiça a uma ação por descumprimento às regras da Lei do Call Center. O valor é cem vezes maior do que a multa máxima prevista no Código de Defesa do Consumidor. A ação foi ajuizada pelo Sistema Nacional de Defesa do Consumidor do Ministério da Justiça.
Compartilhar:

segunda-feira, 27 de julho de 2009

Comércio de DVDs piratas na Câmara de Santarém

O blog Quarto Poder flagrou uma cena um tanto quanto, digamos, incomum, nos corredores da Câmara Municipal de Santarém. Há vários dias, o comércio de produtos piratas ocorre livremente naquela Casa. Funcionários do legislativo são fregueses dos vendedores de DVDs e CDs piratas, que tem trânsito livre inclusive nos gabinetes de alguns parlamentares, onde as vendas são feitas “para fugir dos abelhudos”, completou uma senhora, que é pioneira na venda de produtos falsificados na Câmara de Vereadores.

Quando se percebe um caso de ilegalidade nas dependências do legislativo obviamente que se imagina que há conivência dos próprios vereadores, que deveriam ser os primeiros a coibir essa prática criminosa. O comércio de produtos falsificados é ilegal com pena prevista em lei, portanto, nossos nobres parlamentares mais uma vez pisam na bola quando o assunto é o cumprimento da lei em todas as suas circunstâncias.
Compartilhar:

Ibama lacra madeireira em Santarém

Em ação conjunta da Gerência Executiva do Ibama em Santarém, e da Polícia Federal, com o apoio da Secretaria do Meio Ambiente do Pará – Sema, madeireira que agia de forma irregular no oeste do Pará foi lacrada, sexta-feira (24), e será multada em aproximadamente 57 mil reais.

A partir de informações de que a madeira extraída ilegalmente era escoada através da Rodovia Curuaúna, que liga Santarém à Uruará, na Amazônia Brasileira, durante a noite, o serviço de inteligência do Ibama e da Polícia Federal foi acionado.

“Tínhamos a informação de que os caminhões passavam pelo local por volta da 20 horas, então fizemos um mapeamento da região, observamos a movimentação e desde às 16 horas ficamos de campana até às 21h e 24min, quando o caminhão passou e fizemos a epreenção.” , disse Severiano Farias Lopes Jr., fiscal do Ibama.

O caminhão apreendido era escoltado por dois motoqueiros, que verificavam se a área estava sem a fiscalização do Ibama, contudo, os agentes do Ibama e da PF foram mais ágeis e conseguiram interceptar o veículo, que estava carregado de madeira extraída ilegalmente. Os infratores levaram os agentes ao local de onde faziam a extração, uma área há quatro km da madeireira, onde havia outro caminhão, que estava abandonado.

De acordo com Severiano, a extração era feita em pequena escala, que logo era transportada, tornando o processo mais “seguro”, imaginando que passariam despercebidos pela fiscalização do Ibama.

A madeireira DDID Agro florestal, que trabalhava com 100% de madeira ilegal, foi lacrada, e será instaurado Processo Criminal, por parte da Polícia Federal. Da parte do Ibama, serão lavrados dois autos de infração: por não ter Licença de Operação – LO e por ter estoque de madeira serrada e madeira em tora sem cobertura de documento comprobatório de saldo no Sistema de Comercialização e Transporte de Produtos Florestais – Sisflora, do Pará. Havia madeira serrada e em toras de diversas essências, como maçaranduba, ipê, tauari e fava. A madeireira tem 20 dias para recurso, após a ciência da autuação.

O caminhoneiro vai responder criminalmente na Polícia Federal, com pena prevista de seis meses a um ano de detenção e administrativamente no Ibama, que lavrou auto de infração por transporte sem Guia Florestal – GF, o que gera multa de 3.722,40 reais.
A secretaria do Meio Ambiente do Pará, Sema, fará a identificação e quantificação de toda a madeira apreendida.

O chefe da Divisão de Controle e Fiscalização - Dicof, da Gerência Executiva do Ibama em Santarém, Gustavo Podestá, solicita que os cidadãos utilizem a Linha Verde para denunciar quaisquer irregularidades de que tenham conhecimento, através do número 0800 61 8080, a ligação é gratuita e é assegurado absoluto sigilo ao cidadão.

Fonte: Ibama
Compartilhar:

Arte na Escola

A equipe de arte-educadores do projeto Arte na Escola da Gente está participando nesta semana de um encontro pedagógico como parte do processo de formação continuada. A capacitação envolve temas ligados à diversidade e à educação ambiental. O encontro está sendo realizado no auditório do Colégio Batista pela manhã, das 8h às 11h, e pela tarde, das 14h às 17h30.
Compartilhar:

Prefeita vai efetivar agentes comunitários de saúde

Na noite desta segunda-feira, a partir das 19 horas, no Comercial Atlético Cearense, será realizada a cerimônia de assinatura do decreto de efetivação de 372 agentes comunitários de saúde (ACS) pela prefeita Maria do Carmo.

Desses, 182 atuam na zona urbana; 129 na região do planalto santareno; e 61 na região de rios. O Agente Comunitário de Saúde tem como atribuição o exercício de atividades de prevenção de doenças e promoção da saúde, mediante ações domiciliares ou comunitárias, individuais e coletivas, desenvolvidas em conformidade com as diretrizes do Sistema Único de Saúde e sob supervisão do gestor municipal, distrital, estadual ou federal.

O ACS em sua área de atuação, utiliza instrumentos para diagnóstico demográfico e sociocultural da comunidade; promove também ações individuais para a saúde individual e coletiva; registra, para fins exclusivos de controle e planejamento das ações de saúde, de nascimentos, óbitos, doenças e outros agravos à saúde; estimula a participação da comunidade nas políticas públicas voltadas para a área da saúde; realiza visitas domiciliares periódicas para monitoramento de situações de risco à família; e participa de ações que fortaleçam os elos entre o setor saúde e outras políticas que promovam a qualidade de vida.
Compartilhar:

Sem energia

A Rede Celpa encaminha nota informando sobre o desligamento na manhã (9h37) desta segunda-feira, 27, que deixou sem energia as cidades de Santarém, Altamira, Itaituba, Uruará e Ruropólis por quase uma hora. De acordo com a Celpa, o apagão ocorreu devido um problema técnico na subestação da Eletronorte em Altamira. O fornecimento elétrico foi restabelecido às 10h29.
Compartilhar:

Bolsa Família

O Bolsa Família começa a ser pago em setembro. O governo, porém, ainda não divulgou qual será o percentual de reajuste. Atualmente, o Bolsa Família beneficia cerca de 11 milhões de famílias.

A estimativa é que, até o final do ano, mais de 12 milhões de famílias sejam atendidas.
Compartilhar:

UFPA realiza operação salvamento de sítios arqueológicos

Visando a preservação de todos os sítios arqueológicos ao longo da Rodovia Transamazônica, que esta em fase de iniciação de obras para sua pavimentação, o Núcleo de Pesquisas e Ensino da universidade Federal do Pará, realiza processo de escavação em um sitio arqueológico encontrado no Km 30, sentido Itaituba Ruropólis, denominado sitio arqueológico Trombetas.

O trabalho desenvolvido num trecho da área de 100 hectares, teve início no Dia 6 de julho e irá até o dia 14 de agosto deste ano. O trabalho que vem sendo feito pela UFPA por solicitação do governo federal, objetiva a preservação de todos os sítios existentes ao longo da rodovia, já que no inicio das obras já foram destruídos dois sítios históricos importantes no sentido Ruropólis-Santarém, pelos tratores que estão trabalhando na pavimentação da rodovia.

O projeto denominado” Salvamento arqueológico, enviou 9 técnicos,entre geógrafos ,arqueólogos e pessoal de apoio. De acordo com a geografa Cristiane Martins, coordenadora de campo da UFPA, no local onde está sendo feita a escavação foram encontradas diversas peças de cerâmicas indígenas.

Todo o matéria coletado será levado para Belém para estudos técnicos, mas preliminarmente Cristina pelas características do material encontrado, supõe que o mesmo seja cerâmica tapajônica. Já foram encontras vasilhas(de vários formatos) machadinhas e diversos fragmentos para serem analisados.

A diretora de cultura do município de Itaituba professora Regina Lucirene Macedo esteve presente no local dos trabalhos conversando com a geografa da UFPA que garantiu que é possível que todo o material pesquisado retorne para Itaituba, mas somente na condição de que tenhamos um museu tecnicamente bem montado com área apropriada para preservação das peças.

Quanto à estratégia de trabalhos a equipe técnica de arqueologia a UFPA, vem utilizando um IGSP que localiza com precisão a presença de todo material na superfície, que mesmo após ter sido retirado ainda submete toda a areia escavado ao serviço de peneiramento para que os fragmentos sejam descobertos e aproveitados.

A sondagem está sendo feita com escala 599(Norte) e 371(leste) com quatro camadas de escavação que atingiu nível de até 1.26 metros nos buracos escavados para retirada das peças. As peças em Belém serão analisadas em laboratório com Amostra de carvão, carbono 14 num perfil pré-histórico tardio.

O técnico santareno Márcio Amaral que está fazendo parceria nos trabalhos pelas características já encontradas acredita que haja uma probabilidade delas datarem cerca de mil e seiscentos anos remontando ainda a época chegada dos Portugueses ao Brasil

O trabalho de salvamento de sítios arqueológicos terá que ser concluído ante do inicio das obras da pavimentação a Rodovia, sendo que desde o ano passado às prospecções já estão ocorrendo na região. Quanto ao sitio arqueológico de Itaituba a geografa disse que ele é um dos mais interessantes e está exigindo um trabalho paciente e rigoroso na retirada das peças, que existem em grande quantidade na área.

Fonte: Coordenadoria de Comunicação Social da PMI
Compartilhar:

Opinião* Episódios relevantes que mudaram a história do Brasil!

A historicidade é tão indispensável para o homem, que o livro de história mais antigo, a Bíblia, a partir de um de seus escritores insigne, o apóstolo Paulo, falou inspiradamente: “Porque todas as coisas escritas outrora foram escritas para nossa instrução, para que, por intermédio da nossa perseverança e por intermédio do consolo das escrituras, tivéssemos esperança”. (Romanos 15: 4) Ninguém ousaria contestar a veracidade descrita acima, pois os fatos históricos têm gerado interesse genuíno de estudiosos de todas as áreas: científica, geológica, cultural e política, norteando um aprimoramento em nível de conceitos, abrindo novos horizontes. No período de 12 a 17 de Julho de 2009, Fortaleza, a capital do Ceará, sediou o XXV Simpósio Nacional de História, e a UFC – Universidade Federal do Ceará abriu as suas dependências para a promoção de um debate do mais alto nível, com o tema: “História e Ética”. O número de participantes esperados de todos os estados do Brasil impressionou - cerca de 8.000, entre professores, pesquisadores e estudantes.

A história do Brasil, em algum aspecto, iniciada pelo Ceará, certamente, nos conduzirá a uma séria reflexão sobre os problemas contemporâneos. Memoravelmente, podemos destacar alguns acontecimentos que ficaram registrados, para pensarmos o impensável e transpor o impossível. Um dos eventos marcantes considera-se a constituição da Lei Maria da Penha. Essa destemida cearense ousou em denunciar o seu marido que tentou por duas vezes eliminá-la. Na primeira com arma de fogo, deixando-a paraplégica, na segunda por eletrocução e afogamento. O seu caso chegou à Comissão Interamericana dos Direitos Humanos da Organização dos Estados Americanos (OEA), que acatou, pela primeira vez, a denúncia de um crime de violência doméstica.

A lei nº 11.340, batizada com o nome da vítima, Maria da Penha, contemplou as mulheres não apenas do Ceará, mas de todo o Brasil. Lembram-se, da primeira prefeita de capital eleita por voto popular? Foi um fato inédito para a história do nosso Ceará e para o Brasil. O coronelismo ditatorial que mandava e desmandava no Ceará, não aceitou pacificamente, que Fortaleza fosse administrada por uma mulher, muito menos por pertencer a um partido de esquerda que estava dando os primeiros passos.

Além de tantas dívidas e problemas monumentais, a prefeita Maria Luiza Fontenele, sofreu boicote econômico durante toda a sua gestão, e mesmo assim, priorizou-se o atendimento aos excluídos sociais. Já ouviram falar da Padaria Espiritual? Outro movimento inovador, formado por jovens intelectuais e cidadãos comuns. Estes produziram pão espiritual “cultural”, abundantemente, para aqueles carentes de informação, porque a elite, dominante, intelectual, se apropriou de todo o pão acadêmico. Resultado: A Padaria Espiritual deixou um riquíssimo legado, e influenciou a criação da Academia Cearense de Letras, uma das pioneiras do Brasil. O Ceará também foi uma das primeiras províncias a abolir a escravidão, trazendo repercussão positiva para as demais províncias do país, e conseqüentemente, a constituição da Lei Áurea, assinada pela Princesa Isabel, dando por encerrado a escravidão no Brasil.

Em vista de todo esse histórico de busca de liberdades e igualdades sociais, mais uma vez os cearenses detectam uma nova forma de escravidão, ainda não plenamente exposta à luz, que é um tipo de excomunhão praticada por um grupo religioso específico, a saber, as Testemunhas de Jeová. Se não fosse pelas suas cruéis consequências psicológicas, e gritos de socorro vindo de toda a parte do Brasil, esse não seria hoje um fato relevante. Vale lembrar que o Ceará, pelas páginas virtuais e via impressão, denunciou, tal prática danosa, em um artigo recente publicado com o tema: Quem Tem Autoridade Para Excomungar? Além disso, o grupo Crítico Radical se manifestou solidariamente, pelo fim de tal prática "inquisitória" praticada às portas fechadas, onde lideres montam verdadeiros tribunais de julgamento, determinando o fim do convívio social do "réu", julgado indigno de ter associação com ex-membros ou anteriores amigos da religião, incluso, pasmem, parentes diretos.

Em vista do caráter medieval, e de exclusão social, silenciosamente caminhando na contra-mão de uma democracia plena, tão sonhada por nós brasileiros, é de se esperar, que as entidades representativas de direitos humanos, impetrem juridicamente ações contra a desassociação para que seja restabelecida as relações familiares que forma grande parte da sociedade, onde esse grupo atua. Visto isso, observem, por favor, o que diz o artigo XVIII sobre diversidade religiosa e direitos humanos: “Toda pessoa tem o direito à liberdade de pensamento, consciência e religião; este direito inclui a liberdade de mudar de religião ou crença...” Não precisaria concluir este parágrafo para detectarmos que os líderes da organização das Testemunhas de Jeová violam flagrantemente o direito constitucional, deixando a pessoa garroteada, sem poder se dissociar da crença, ou optar por outra denominação, pois, será tratada persecutoriamente, igualmente a uma pessoa que foi desassociada. Por coincidência, um professor universitário se expressou: "Quer dizer que eu posso me associar a uma organização e depois não posso mais me desassociar? Brincadeira! É sério..." Concluiu: "Eu prefiro não acreditar neste despropósito!”

Diante da maldade cometida em pleno século XXI, propomos aos participantes do “Simpósio de História e Ética”, a unir as nossas vozes, contra a desassociação, pois é inaceitável que uma só organização religiosa continue atrocidando, sem precedente igual, mentalmente, mulheres, homens, jovens e pessoas idosas. Além disso, essa subparcela da sociedade, que não tem a quem recorrer, o qual o único "pecado" na maioria das vezes foi um dia discordar de ensinos e a sua impiedosa desassociação. Portanto, assim como Deus usou Ciro, rei persa, para libertar o seu povo do cativeiro babilônico, poderá usar as autoridades competentes para libertar todas as vítimas da opressão e do tratamento que é dispensado aos desassociados, amigos e familiares. Temos hoje, governantes dispostos a ouvir vozes silenciosas dos que clamam por socorro às escondidas?

*Sebastião Ramos, funcionário público federal na UFC, sebastianramos7@gmail.com
Compartilhar:

MPE promove congresso estadual

Acontece em Belém, de 10 a 12 de agosto, o V Congresso Estadual do Ministério Público do Estado, com o tema "O Ministério Público e os Direitos Humanos: uma abordagem institucional". As inscrições são limitadas, e estão abertas até o dia 07 de agosto, pelo site www.mp.pa.gov.br. As vagas são limitadas e serão preenchidas por ordem de chegada. O evento é voltado para os membros do Ministério Público, servidores, estagiários e estudantes de Direito.
Compartilhar:

Vice-presidente da Alcoa assume as áreas de Sustentabilidade e Saúde, Segurança e Meio Ambiente

O engenheiro químico Nilson P. Souza, 55, paulista, acaba de assumir as áreas de Sustentabilidade e Saúde, Segurança e Meio Ambiente da Alcoa. O executivo é vice-presidente de Produtos Primários para a América Latina e Caribe, unidade que concentra os principais negócios da Alcoa no Brasil e no mundo, responsável pelas operações de mineração de bauxita, refino de alumina e redução de alumínio.

Nilson Souza terá o desafio de integrar ainda mais a Sustentabilidade na estratégia operacional dos principais negócios da Companhia. Para completar sua equipe e reportando-se a ele, a Alcoa nomeou Domingos Campos para a Gerência de Saúde, Segurança e Meio Ambiente e Thais Magalhães para a área de Sustentabilidade.

"Essa nova estrutura organizacional marca uma importante distinção entre outras empresas - que atrelam a gestão da Sustentabilidade a setores como Marketing ou Comunicação - e a Alcoa, que considera o conceito de Sustentabilidade como ingrediente fundamental do próprio dia-a-dia operacional da empresa", afirma Souza.

Nilson Souza começou a trabalhar na Alcoa em 1976, como engenheiro de processos da área de Alumínio Primário na fábrica de Poços de Caldas-MG. Sua experiência como gestor na empresa abrange um período no exterior, passagens pelas áreas de Manufatura, Qualidade e Recursos Humanos. Foi ainda o gerente de Operações da fábrica de Poços de Caldas e diretor do Consórcio Alumar, em São Luis-MA. Em 2006 assumiu a Diretoria de Produtos Primários e, em 2007, também a Diretoria de Construção do Projeto de Mineração de Bauxita de Juruti-PA, que entrará em operação ainda neste ano.

Domingos Campos, que assumiu a Gerência de Saúde, Segurança e Meio Ambiente da Alcoa para a América Latina e Caribe, será responsável pela organização e processos dessas áreas, além de fornecer suporte e serviços a todas as unidades de negócios da Companhia no País. "A eliminação de todos os desperdícios, aliada ao nosso integral comprometimento com os Valores e Princípios da Alcoa, é o que validará a nossa licença para operar", sintetiza Domingos.

Formado em Engenharia Florestal pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, pós-graduado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina e com MBA executivo pelo IBMEC-SP, Domingos Campos ingressou na Alumar, em São Luis-MA, em 1991, como engenheiro de Meio Ambiente. Em 2001 foi promovido a superintendente e, em 2006, nomeado para assumir a Gerência de Meio Ambiente, Saúde e Segurança do Trabalho.

Para comandar a área de Sustentabilidade, a Empresa designou Thais Magalhães, que será responsável pelo aprofundamento ainda maior do tema na Companhia. "Pretendo continuar avançando com a agenda de Sustentabilidade e Responsabilidade Social Empresarial da Alcoa, apoiando todas as áreas na definição e implementação de estratégias", afirma.

Thais está na Alcoa desde 2007, tendo atuado anteriormente com projetos de Sustentabilidade no Banco Real. É graduada em Engenharia de Produção pela USP-Universidade de São Paulo e especializada em Facilitação e Psicologia de Grupos.

MINERAÇÃO - Por sua vez, o diretor de Mineração da Alcoa, José Carlos Danza, nomeou como responsável pela área de Sustentabilidade nas unidades de mineração da Alcoa América Latina e Caribe, que abrange o relacionamento institucional com os stakeholders do setor, o cientista social Fábio Abdala, que trabalha na Alcoa desde 2007, quando assumiu a consultoria de Sustentabilidade e Projetos Sociais da Mina de Bauxita de Juruti e a coordenação do programa Juruti Sustentável, com apoio da Fundação Getulio Vargas e do FUNBIO-Fundo Brasileiro para Biodiversidade.

Fabio Abdala é mestre em Ciência Política e doutor em Relações Internacionais, com 15 anos de experiência em governança ambiental, tendo atuado como gestor público no Governo do Amapá e no Ministério do Meio Ambiente, e como secretário executivo da rede social Grupo de Trabalho Amazônico.
Compartilhar:

São Raimundo vence o Cristal e dispara na liderança da Série D

Fora de casa, mas fortalecido pela torcida, o São Raimundo venceu o Cristal por um 1 a 0, ontem, no Estádio Glicério Masques, em Macapá. O gol foi marcado por João Pedro, de cabeça, aos 41 minutos do primeiro tempo.

A importante vitória matem o Pantera na liderança do Grupo A-2 da Série D com 9 pontos, e o deixa quase que ‘inalcançável’, seguido apenas pelo segundo clocado Moto Club do Maranhão com 5 pontos. Agora, o time só precisa de mais um ponto para se classificar para a próxima fase.

O próximo jogo, pela penúltima rodada, será neste domingo, 02, às 18 horas, no Estádio Barbalhão contra a equipe do Tocantins.
Compartilhar:

sexta-feira, 24 de julho de 2009

3G Celulares inaugura camarote Vip na Boite Phoenix

Neste sábado, 25, na boite Phoenix, acontece a inauguração do camarote Vip da 3G Celulares, loja Tim de Santarém. Colunistas e jornalista foram convidados para a estreia. Será uma noite inesquecível com a presença das personalidades mais badaladas da cidade.
Compartilhar:

Celpa intensifica fiscalizações durante o veraneio

A Celpa iniciou os trabalhos de fiscalização e conscientização da população quanto ao uso legal de energia elétrica durante o mês de julho. Equipes da concessionária visitam áreas com grande concentração de veranistas, num trabalho preventivo de combate aos acidentes elétricos, às ligações irregulares, responsáveis por oscilações de energia, curtos-circuitos e queima de equipamentos.

As fiscalizações começaram por Salinas, Bragança, Marapanim, Marudá, Ajuruteua, Soure e Salvaterra, áreas que também foram mapeadas em 2008. Ano passado, o Departamento de Recuperação de Energia da Celpa encerrou o período com mais de 20 mil fiscalizações realizadas nas áreas mais procuradas por veranistas e encontrou 2.699 irregularidades.

Este ano, Santarém entra na lista. Alter do Chão, uma das vilas balneárias mais visitadas nessa época, a Celpa pretende fiscalizar aproximadamente 750 unidades consumidoras, entre residências e estabelecimentos comerciais. (Fonte: Celpa)
Compartilhar:

Às escuras

Diversas ruas de Santarém estão completamente na escuridão. Apesar de pagarem pela taxa de iluminação pública, os moradores reclamam da falta de luz nos postes das vias públicas. Além de causar transtornos, a falta do serviço expõe as pessoas à ação dos marginais, pois no escuro, os bandidos aproveitam para praticar furtos e outros delitos.

Algumas das principais avenidas da cidade também carecem do serviço. Na Avenida Moaçara, por exemplo, no canteiro que divide aquela via, a maioria dos postes está sem energia.
Compartilhar:

quinta-feira, 23 de julho de 2009

PM realiza culto ecumênico e partida de futebol em comemoração ao aniversário do 3ºBPM

O culto foi realizado no refeitório do 3º BPM, nesta quinta-feira (23/07) e contou com a presença dos militares do expediente e foi ministrado pelo pastor Nivaldo dos Anjos e o padre Ronaldo da Diocese de Santarém.

O evento faz parte das comemorações dos 39 anos de aniversário do Batalhão Tapajós e foi organizado pelo serviço de assistência religiosa e espiritual (Sare) que tem a frente o sargento Josias Moura, para ele além de comemorar os 39 anos também é necessário agradecer pelas vitórias em todos esses anos, “É importante comemorar, mas também é importante agradecer a Deus por todas as conquistas, pois em tudo que fazemos precisamos dele nos guiando em todos os momentos”, afirma o sargento.

Também participaram do evento as crianças do projeto “Garoto nota 10”, pois elas estão sempre inseridas nas cerimônias do quartel e a assistência religiosa também é prestada a esses cidadãos em desenvolvimento.

Logo depois do culto ecumênico teve inicio uma partida de futebol entre os militares inativos. A partida também faz parte das comemorações do aniversário e começou às 10 horas da manhã.

A programação segue até amanhã (24/07) quando deve ocorrer a cerimônia cívico militar e as homenagens a civis e militares que se destacaram como parceiros do “Batalhão Tapajós”.

O comandante do 3º BPM tenente coronel Jairo Mafra Mascarenhas e o comandante do CPR I coronel Agenor de Campos Coelho estiveram presentes nos eventos, “Esse lado religioso tem uma importância grande, pois todos precisam estar bem espiritualmente. Hoje temos muito a comemorar, pois o 3º BPM tem logrado grandes resultados no combate à criminalidade”, afirma o coronel Campos.
Compartilhar:

Pará é o Estado com mais ocorrências de trabalho escravo

Da Agência Folha

O Ministério do Trabalho divulgou ontem uma nova edição da "lista suja" do trabalho escravo, que reúne 174 nomes de pessoas físicas e jurídicas autuados por manter trabalhadores em condições degradantes, análogas à escravidão.

O documento inclui 17 novos nomes, dos quais 13 em razão de casos recentes e outros quatro que tiveram a divulgação na lista autorizada por decisão judicial. Em contrapartida, 34 integrantes da relação do ano passado foram excluídos.

O Pará é o Estado campeão de ocorrências, com 44 nomes, seguido de Maranhão (29), Tocantins (20), Goiás (19), Mato Grosso do Sul (18), Bahia (13) e Mato Grosso (12). Considerando apenas as inclusões, a liderança é de Mato Grosso e Bahia, com três casos cada um.
Compartilhar:

Receita, Polícia Federal e PRF preveem lançar em agosto editais para concursos

Os candidatos que esperam pelos concursos da Receita Federal, Polícia Federal e Polícia Rodoviária Federal devem ficar atentos.Os três órgãos têm previsão de lançar até agosto os editais para um total de 2,5 mil vagas.

Receita Federal - Para a Receita Federal, foram autorizadas 1.150 vagas de nível superior com salário de até R$ 13 mil. A assessoria de imprensa confirmou que o órgão prevê que o edital saia em agosto.

Das vagas, 450 são de auditor fiscal, cujo salário é atualmente é R$ 12.535,36, e passará para R$ 13.067,00 a partir de junho deste ano. Outras 700 vagas são de analista tributário, com subsídio atual de R$ 7.095,53, e que passará para R$ 7.624,56 a partir de junho.

O último concurso para os dois cargos foi realizado em 2005, organizado pela Escola de Administração Fazendária (Esaf), ligada ao Ministério da Fazenda.

De acordo com o Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal (Unafisco), o concurso deve ser direcionado para atender a demanda de auditores das regiões Sul e Norte do país.

Polícia Federal - A Polícia Federal escolheu o Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB) para organizar o concurso público para 600 vagas que foram autorizadas pelo Ministério do Planejamento. O órgão espera lançar o edital até agosto.

De acordo com a assessoria de imprensa da PF, as vagas serão para os estados que integram a Amazônia Legal: Amazonas, Acre, Amapá, Roraima, Rondônia, Maranhão, Pará, Mato Grosso e Tocantins.

São 400 vagas de escrivão e 200 de agente, cujo salário inicial é de R$ 7.514,33. Já o salário final é de R$ 11.879,08. Os cargos exigem nível superior em qualquer área. Os candidatos deverão ter ainda carteira de habilitação B.

De acordo com a assessoria, o conteúdo das provas será diferente para cada cargo, ao contrário do que ocorreu no concurso anterior, em 2004, que era igual para ambos. Na ocasião, o concurso também foi organizado pelo Cespe/UnB.

PRF - Para a Polícia Rodoviária Federal são 750 vagas de agente. O edital do concurso público não poderá prever vagas para os estados do Pará e Mato Grosso em razão do concurso ocorrido no ano passado para 340 vagas. No entanto, a PRF não divulgou para quais estados serão destinadas as 750 vagas, cujo edital está previsto para sair até a primeira quinzena de agosto.
Compartilhar:

quarta-feira, 22 de julho de 2009

Número de cheques devolvidos cai 19,8% em junho

Segundo a Serasa Experian, em junho foram devolvidos 20,2 cheques a cada mil compensados. Em maio, houve 25,2 devoluções a cada mil compensações. Para a entidade, o recuo reflete o início da recuperação da economia, com a volta do crédito.
Compartilhar:

Semab presente na Feira Agropecuária

Durante todo o mês de Julho a SEMAB- Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento esteve participando de reuniões para tratar sobre os preparativos da 32º Feira Agropecuária do Baixo Amazonas. Nas reuniões foram discutidos diversos assuntos como saúde, infra-estrutura, policiamento e segurança.

A SEMAB expôs seu planejamento para Feira, que gira em torno da doação de mais de 1000 mudas, entre ornamentais e frutíferas, e folders explicativos para população, sobre como fazer o plantio dessas mudas e outras árvores. Além disso, a Secretaria vai exibir vídeos sobre os seus trabalhos realizados no setor rural, entre os quais, ramais, micro-usinas, eletrificação e microssistemas de abastecimento de água.

No dia 17 deste mês o Secretário Municipal de Agricultura e Abastecimento, Osmando Figueiredo, esteve em um encontro entre o Fórum de Gestores do Governo do Estado, secretarias e Sindicato Rural, no Centro de Integração Regional. Osmando destacou que o encontro é de suma importância para que haja um maior entrosamento entre as partes organizadoras da Feira e os colaboradores: “Não queremos que a feira de Santarém seja menor que dos outros municípios, vamos valorizar mais ainda a zona rural e fazer com que a Feira Agropecuária daqui tenha um progresso significativo a cada ano.”
Compartilhar:

Festa tribal em Juruti

As tribos Munduruku e Muirapinima se preparam para uma das maiores manifestações culturais do Estado, o Festival das Tribos de Juruti – Festribal, que realiza sua 15ª edição entre 30 de Julho e 1º de Agosto. As novas canções das tribos já foram lançadas em CD e os grupos ensaiam diariamente para a batalha de ritmos e cores que vai acontecer no Tribódromo, no último dia do Festival. O evento tem como maior patrocinador a Prefeitura Popular de Juruti, recebendo também o apoio do Governo do Estado e Alcoa, que pelo sétimo ano consecutivo incentiva a festa.
Compartilhar:

sexta-feira, 17 de julho de 2009

Pm prende mais dois homens por tráfico de drogas

Uma guarnição da Polícia Militar prendeu na sexta-feira (17/07) por volta de 01h00 da madrugada Rubson Oliveira do Nascimento, 25 anos e Edielson dos Nascimento Gomes, 22 anos. As prisões aconteceram na Avenida Castelo Branco às proximidades da Rua Óbidos no bairro Interventoria.

A guarnição comandada pelo sargento Anacleto Silvano Imbiriba Lima estava fazendo ronda pela Avenida Sergio Henn e ao chegar às proximidades da Rua Castelo Branco, viu quando um individuo dirigindo um veiculo modelo pálio, placa JXL-7273, cor cinza, dobrou nessa rua.

A guarnição já tinha informação que esse veiculo vinha sendo usado para comercializar entorpecente, então fez o retorno na viatura e seguiu pela Rua Castelo Branco em perseguição ao veiculo e ao chegar na esquina com a Travessa Óbidos ao lado do colégio Mário Imbiriba o veículo foi avistado parado ao lado de uma motocicleta onde estavam um homem e uma garota. Quando o homem que estava na moto viu a viatura, jogou o objeto para dentro do pálio, mas precisamente no banco da
frente. O condutor do carro tentou dar partida, mas não conseguiu e foi abordado pela guarnição, o condutor da moto também foi preso.

Ao fazer a busca no veiculo a polícia encontrou (01) uma porção de cocaína, mais 06 petecas da droga, um revólver calibre 32, dois veículos, sendo uma moto Titan Preta e um pálio Prata, uma balança de precisão utilizada pelos elementos para a comercialização do material entorpecente, R$75, 00 reais, uma cédula de um dólar e três aparelhos celulares.

Rubson Oliveira do Nascimento e Edielson do Nascimento Gomes foram apresentados na delegacia da polícia civil onde foram autuados em flagrante pelo crime de porte ilegal de arma e tráfico de drogas. O caso está sendo acompanhado pelo delegado Herbert Farias. Os dois homens foram encaminhados ao setor de triagem da penitenciária Silvio Haal de Moura que fica anexo a delegacia da polícia civil.

A Polícia Militar está intensificando o combate ostensivo ao tráfico de drogas em Santarém com o objetivo de garantir a segurança coletiva.
Compartilhar:

quarta-feira, 15 de julho de 2009

Comissão realizará reunião para discutir problemas do futuro município

Na próxima sexta-feira (17), a comissão realizará, ás 8:30 horas na Escola Estadual Fernando Guilhon, no distrito do Mojui, uma reunião que objetiva debater formas que possibilite assegurar a prestação de serviços públicos e a ampliação dos investimentos feitos pelo município de Santarém na área da novo município, durante todo o período de transição até que Mojui possa ter seu próprio orçamento.**Será realizado também uma palestra, onde o ex-prefeito de Belterra, Oti Santos , falará das **experiência no processo de instalação do município.
Compartilhar:

MRN leva informação para as pessoas navegarem com segurança no rio Trombetas

Agora é lei. O uso de proteção no motor, eixo e partes móveis de embarcações que transitam pelos rios amazônicos é obrigatório. A nova norma visa proteger especialmente os passageiros e tripulantes que navegam pelos rios amazônicos em embarcações de pequeno porte, comumente barcos usados para o transporte das famílias.

Descobertos, eixo e motor oferecem grandes riscos para quem se aproxima das peças. A falta de segurança pode provocar queimaduras e, nos casos mais graves, escalpelamento parcial ou total. Com o motor ligado, o eixo gira em alta velocidade e um pequeno descuido pode fazer com que os cabelos se enrosquem na peça, arrancando todo o couro cabeludo, parte da pele do rosto e orelhas. Esse tipo de acidente atinge, na maioria dos casos, mulheres e crianças de cabelos longos. As queimaduras ocorrem ao se encostar a pelo no cano de descarga do motor, que também fica exposto.

Depois do Amapá, o Pará é o campeão nacional no número de escapelamentos registrados. Nos dois últimos anos, foram 43 casos em solo paraense. Para combater esse tipo de acidente a Mineração Rio do Norte (MRN) criou, em 2001, o projeto Leme, com apoio da Capitania dos Portos do Pará. “A proteção de partes móveis foi nosso foco inicial. Além das ações de conscientização, damos condições para os ribeirinhos protegerem essas partes móveis, fornecendo madeira e serviço de carpintaria para a adaptação das embarcações”, explica Dalva Távora, coordenadora do projeto na MRN.

Ao longo dos anos, o foco do projeto foi ampliado para segurança na navegação, passando a destacar os direitos e deveres dos usuários e reforçando a necessidade do uso de salva-vidas. As ações do projeto contam com o apoio de alunos da escola Professor Jonathas Pontes Athias, de Trombetas, que formam o Alunos de Trombetas em Ação - ATA Navegação. O grupo, treinado previamente, atua como facilitador da educação na navegação.

Everildo dos Santos, morador da comunidade Boa Vista e integrante do grupo, explica que os ensinamentos adquiridos são repassados para sua família e toda a comunidade. “Meu pai tem um barco pequeno e navega pelo rio. Sempre quando posso, o oriento. Antigamente, eu não sabia que o rio tinha lei, hoje, sei tanto que já dei até palestra”, comemora Everildo.

Além das ações educativas nas comunidades vizinhas, o projeto envolve a própria população de Trombetas. “Fazemos mobilizações no porto, de onde saem semanalmente diversos barcos com linha para cidades próximas. Essas ações ocorrem principalmente em vésperas de feriado, quando é grande a movimentação de pessoal no porto. Antes de conversar com os passageiros, falamos com os comandantes e a tripulação do barco, pedindo autorização para entrar no barco e verificar itens de segurança, além de pedir atenção redobrada na viagem”, ressalta Dalva.

O projeto Leme é uma referência para quem habita as margens do rio Trombetas – muitas vezes por ser a única fonte de informação na região. “São pessoas que têm poucos recursos e acesso à informação. Agora, nossa próxima ação é divulgar a nova lei para as comunidades locais”, finaliza a coordenadora.

Sobre a lei - A norma que torna obrigatório o uso de proteção no motor, eixo e partes móveis de embarcações foi proposta da deputada federal do Amapá, Janete Capiberide (PPS). A lei 11.970 foi sancionada pelo vice-presidente, José Alencar, e altera a lei 9.537/97, que passa a vigorar em 30 dias acrescida de alguns artigos. Quem desobedecer ao previsto está sujeito a multas, que, no caso de reincidência, triplica de valor, além de ter a embarcação apreendida e o certificado de habilitação cancelado.
Compartilhar:

quinta-feira, 9 de julho de 2009

Senado aprova profissões de motoboy e mototaxista

O plenário do Senado aprovou, em votação simbólica, na noite de ontem, quarta-feira (8), um projeto de lei que regulamenta as profissões de mototaxista, motoboy e motofrete.

O substitutivo ao PLS 203/2001 foi apresentado há oito anos pelo então senador Mauro Miranda (PMDB-GO).

A nova lei, que ainda precisa ser sancionada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, estabelece a idade mínima de 21 anos para o exercício dessas profissões, além da exigência de habilitação por, no mínimo, dois anos na categoria de motos.

Pelo projeto, caberá ainda às câmaras definirem em cada município regras específicas, como se poderá haver ou não mototáxi para transporte de passageiros.

Mototaxistas e motoboys que acompanhavam a votação nas galerias saudaram a aprovação do projeto.
Compartilhar:

Projeto aprovado não altera posição da estrela do Pará na bandeira Nacional

Em uma ação atrapalhada, Governadora do Pará comete gafe ao enviar ofício pedindo não-aprovação de relatório que mantém estrela do Pará em destaque

A informação de que o Congresso Nacional está prestes a aprovar a troca das estrelas na Bandeira Nacional, substituindo o Pará de um lugar de destaque pelo Distrito Federal não é verdadeira. A própria Governadora Ana Júlia Carepa (PT) chegou a enviar ofício endereçado ao presidente do Senado, José Sarney, pedindo que a ‘mudança’ não ocorra.

“Ressalto que não gostaria de acioná-lo com uma questão que deveria ser tratada estritamente no âmbito desse Poder”, diz o ofício da Governadora. “Ela quis atrair platéia com informação errada. Insinuou que a culpa era da bancada do Pará, inclusive dizendo isso em público. Mas, pesquisamos e a governadora, infelizmente, cometeu no mínimo uma gafe”, disse o senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA).

A assessoria do deputado Jaime Martins (PR-MG), relator do projeto aprovado em junho deste ano e enviado ao plenário confirmou: o relatório não alterou o texto original e a emenda do senador Marcelo Crivella, manteve a estrela do Pará em destaque na bandeira nacional. “Manteve a relação histórica, já que o Pará era o Estado mais ao Norte quando da proclamação da República. Não há, portanto, mudança”, afirmou por meio de sua assessoria.

Para o senador Flexa Ribeiro, que fez pronunciamento na tribuna do Senado buscando esclarecer e tranqüilizar a população do Pará, o ofício da Governadora não parece ter sido um simples erro técnico.

“A estrela segue onde está. O Pará, por mais desgovernado que esteja jamais deixará de ser grande. Este é um assunto que trafega pelos campos da simbologia e tem sim sua seriedade, pois trata da Bandeira Nacional e de um dos inúmeros motivos do conhecido orgulho paraense. Fazer pirotecnia, seguir senso comum e querer enganar a população para desmoralizar a bancada do Pará não é o que se espera da mais alta autoridade do Pará. Ela agora tem o dever de se redimir do erro pedindo a aprovação do relatório e do projeto que mantém a tradição da estrela ser a do Pará”.


Veja a tramitação do projeto:


- O Projeto de Lei nº350, de 1999, partiu do Executivo e estabelecia apenas maior liberdade para o uso dos Símbolos Nacionais, ajudando a popularizar os símbolos da República, como o brasão e a bandeira nacional.

- Em Agosto de 2000, a Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados, acatou emenda apresentada pelo deputado Ronaldo Cezar Coelho que, este sim, determinava: “Modifica-se, no Anexo II do projeto, a correspondência das estrelas da Bandeira Nacional às unidades da Federação, passando a estrela Spica (Alfa da Virgem) a representar Brasília – DF, e a estrela Sigma do Oitante a representar o Estado do Pará.

- Em Agosto de 2003, na CCJ do Senado, o senador Marcelo Crivella apresentou emenda que restabelece a correlação das estrelas na Bandeira Nacional. Portanto, restabelecendo que o Pará fique acima da faixa, como historicamente é assim: já que, na época da instalação da República, o Pará era o Estado mais ao Norte do Brasil.

- No Senado, foi então eliminada a possibilidade de se mudar a posição da estrela do Pará. E, por conta da ordem de tramitação, o projeto foi encaminhado de volta para a Câmara dos Deputados.

- Em junho de 2009, o relator na CCJ da Câmara dos Deputados é o deputado Jaime Martins. Ele, então ACATA a emenda do senador Marcelo Crivella, que mantém o que historicamente ocorre: Pará segue na bandeira nacional como sempre foi: em cima.
Compartilhar:

quarta-feira, 8 de julho de 2009

Grupo de voluntários da MRN leva o mundo das palavras a adultos

O Pará detém o maior índice de analfabetismo do Brasil. São 579 mil jovens e adultos que não sabem ler nem escrever um bilhete simples com meia dúzia de palavras. Esse número representa 4,1% do total de brasileiros analfabetos, de acordo com dados do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) analisados pelo Ministério da Educação (MEC) no último Censo Escolar.

Essa realidade de muitos adultos que não foram alfabetizados, e que sentem a falta desse conhecimento, foi o ponto de partida para as atividades do projeto “Mãos que Ajudam - Voluntários Pela Educação”, iniciativa que faz parte do Programa de Voluntariado Empresarial (PVE), desenvolvido pela Mineração Rio do Norte (MRN) desde 2004.

O projeto conta, atualmente, com uma turma de 16 adultos que aceitaram o desafio de aprender a ler e escrever numa idade considerada avançada. Aos 43 anos de idade, o estivador Atenecir Silva é um dos alunos participantes do projeto. Ele trabalha há 20 anos em Porto Trombetas a serviço do Sindicato dos Estivadores de Oriximiná e a vontade de aprender é grande. “Não tive como aprender quando era criança e agora quero tentar aqui. Temos que aproveitar a oportunidade para crescer cada vez mais. Meu filho de 22 anos me diz que estou certo em querer estudar”, ressalta.

Formado por empregados da MRN e funcionários de empresas contratadas, o Programa de Voluntariado Empresarial baseia-se, de acordo com a política de Responsabilidade Social da MRN, em quatro pilares: Educação, Saúde e Segurança, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável. No projeto educacional, seis voluntários revezam-se na condução das aulas, encarando junto aos alunos a dupla jornada de trabalho.O administrador Jorge Nascimento, empregado da MRN, é um deles. Ele conta que a missão do grupo é levar aos alunos os primeiros passos da alfabetização. “Sempre tive vontade de trabalhar com a alfabetização de adultos, o que não é fácil, pois eles já têm opinião formada. O trabalho aqui é de pegar na mão e ajudar os alunos em cada letra”, explica.

A assistente administrativa Vivian Silva também é voluntária do projeto e garante que o envolvimento do grupo com o trabalho só tem aumentado. “É muito gratificante chegar aqui e ver que, mesmo cansados após o trabalho, eles vieram para a aula. Ficamos empolgados para fazer o trabalho, é um grande desafio, mas está valendo a pena”, ressalta Vivian. O projeto tem duração de um ano e ao todo oferece 20 vagas. As aulas são realizadas duas vezes por semana. A ideia é que, após o período de alfabetização, os participantes continuem os estudos nos cursos do Sesi oferecidos em Porto Trombetas.

Antes de se tornarem voluntários, os integrantes do projeto passaram por treinamento em voluntariado empresarial. “Através do programa é possível contribuir para a transformação de uma realidade. O voluntário só precisa estar disposto a doar um pouco do seu talento e do seu tempo. Não é preciso ser especialista, o que conta é a motivação solidária, o prazer de ajudar, de se sentir útil. A realização de um trabalho voluntário possibilita o exercício da cidadania e, acima de tudo, enriquece a relação humana, pois favorece o contato com diferentes pessoas, fortalecendo o trabalho em equipe”, explica o gerente de Relações Comunitárias da MRN, José Haroldo de Paula.
Compartilhar:

Acusado de assalto milionário é preso em Itaituba pela PF

Já se encontra preso no Centro de Recuperação Agrícola ‘Silvio Hall de Moura’, em Cucurunã, em Santarém, no oeste do Pará, o taxista José Adalton, acusado de ser um dos membros da quadrilha que praticou um dos maiores assaltos na região na década de 80, no município de Itaituba.

A prisão de Zé Adalton ocorreu na última sexta-feira, na Cidade Pepita, por agentes da Polícia Federal, que cumpriram mandato de prisão contra o acusado. Depois de vinte anos finalmente a polícia conseguiu colocar as mãos em um dos acusados do assalto à aeronave da extinta Taba (Transporte Aéreo da Bacia Amazônica).

A PF acredita que, a partir da prisão de Zé Adalton ainda seja possível localizar os demais integrantes do bando que fugiram levando aproximadamente 80 quilos de ouro. O assalto foi considerado o maior já ocorrido em Itaituba, no auge do garimpo, naquela região.
Compartilhar:

terça-feira, 7 de julho de 2009

Pará no rumo do manejo experimental

Foto: Raphael Alves/ AmazonasPress

Por: Marina Guedes (AmazonasPress)

A região do baixo Amazonas, na várzea de Santarém, oeste do Pará, caminha para ser o primeiro exemplo de manejo de jacarés fora de áreas protegidas no Brasil. O maior diferencial deste projeto é envolver a participação de comunitários. “Até o final desta semana pretendo encaminhar ao Ibama um documento solicitando autorização para o primeiro abate experimental na comunidade Água Preta distante, aproximadamente, seis horas de barco regional de Santarém”, disse o especialista do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), George Henrique Rebêlo.

A intenção inicial, segundo ele, é abater 20 animais, provavelmente em novembro. “A proposta é fazer um estudo da qualidade da carne e verificar, também, como funciona este tipo de abate e até uma degustação no mercado local de Santarém”, esclareceu. “O manejo em área determinada, com demanda e organização comunitária estruturadas, demanda de mercado intensificada, e embasamento técnico suficiente é o maior desafio” ressaltou o pesquisador.

O trabalho vem sendo financiado pelo Ministério da Ciência e Tecnologia, Conselho Nacional do Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e Programa Piloto para Proteção das Florestas Tropicais do Brasil - PPG7, com a participação de pesquisadores do Núcleo de Altos Estudos Amazônicos (NAEA) da Universidade Federal do Pará, do Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (Ipam) e, também do Inpa.

No início, em 2006, equipes de pescadores de nove comunidades receberam treinamento sobre técnicas para fazer censos de jacarés e monitoraram as populações locais. Quanto à forma como os animais serão abatidos, Rebêlo esclareceu que ainda será definido o processo, possivelmente seguindo o modelo que já existe na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) de Mamirauá (no município de Tefé).

“Na próxima semana, durante o 4º Congresso Brasileiro de Herpetologia, esta e outras questões serão abordadas em um fórum” afirmou George. O evento acontece em Pirenópolis, Goiás, entre os dias 12 a 17 de julho. (Fonte: Jornal A Critica)
Compartilhar:

Cohab estuda ampliação do programa de moradias no interior

Mais de 80 mil pessoas já se cadastraram para adquirir unidades habitacionais, por meio do programa Minha Casa, Minha Vida. Deste total, mais de 90% têm renda mensal entre 0 e 3 salários mínimos. Para atender a essa demanda, a Companhia de Habitação do Pará (Cohab), além das cerca de 3 mil unidades - cujas obras devem começar até agosto, na Região Metropolitana de Belém e no município de Castanhal -, também estuda a possibilidade de construir residências em parceria com outros municípios.

Essas informações foram transmitidas pelo presidente da Cohab, Geraldo Bitar, durante a quinta reunião da Câmara Setorial de Habitação, vinculada ao Conselho Estadual das Cidades, realizada nesta segunda-feira (06), no auditório da companhia. Durante a reunião foram discutidas as ações do governo do Estado para reduzir o déficit habitacional.

O coordenador adjunto da Câmara de Habitação, Alcir Matos, que também integra a União Nacional de Moradia Popular, embora reconhecendo a importância do grande investimento que vem sendo feito pelo governo federal, demonstrou estar apreensivo quanto às metas estabelecidas. "A maior parte dos recursos está indo para a iniciativa privada. Por outro lado, as prefeituras também não têm terrenos disponíveis", disse.
Compartilhar:

Mundurukus reivindicam posto da Funai em Jacareacanga

Transferir o posto da Fundação Nacional do Índio (Funai) de Itaituba para Jacareacanga, garantir melhores condições de atendimento a saúde, buscar mais investimentos em educação para o povo Mundurukus e construir parcerias para o fortalecimento da cultura indígena na região. Estes foram alguns dos pontos debatidos por cerca de cinquenta lideranças indígenas do povo Mundurukus, neste último final de semana, em Brasília, com os gestores da Funai, do Ministério da Saúde (MS), da Fundação Nacional de Saúde (Funasa), do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e membros da Embaixada dos Estados Unidos da América (EUA).

Na sede da Funai, acompanhados pelo deputado federal Zé Geraldo, as lideranças indígenas foram recebidas pelo presidente da instituição Márcio Meira,que ficou de analisar as demandas e encaminhar soluções para as reivindicações.

O deputado federal Zé Geraldo disse que as reivindicações dos Mundurukus possuem a legitimidade de uma população que resiste historicamente para que seus valores, crenças e costumes não sejam subjugados ou esquecidos. “É muito importante que tenhamos o cuidado e respeito aos povos indígenas. Eles são os primeiros residentes dessa terra. Aprimorar a gestão do posto da Fundação e ampliar os recursos para que a saúde e educação indigena seja de qualidade é uma obrigação e tem que ser assegurada", enfatizou o deputado.

Hans Amâncio Mundurukus, líder dos Mundurukus, avaliou que a viagem capital federal foi positiva. " A nossa luta é para que os poderes saibam que acompanhamos de perto todas as nossas reivindicações. É uma forma de fazermos o controle social e garantir que seremos atendidos em nossas necessidades", finalizou.
Compartilhar:

Cultura de Bubuia garante dias de arte e cultura em comunidades do Oeste do Pará

O lançamento do projeto Cultura de Bubuia, da Mineração Rio do Norte (MRN), marcou o final de semana (04 e 05 de julho) da comunidade Aimim, em Oriximiná. No sábado pela manhã, um barco aportou às margens da comunidade de 400 habitantes. No grupo, atores, cantores e bailarinos formavam uma trupe de mais de 15 profissionais. “É muito importante termos sido escolhidos como a primeira comunidade a receber o projeto. É uma coisa nova pra gente”, explica Antônio Joaquim da Costa, conhecido como Garapa, líder do Aimim.

As apresentações noturnas tiveram início com o grupo de teatro Konduri, que encenou “Os Encomendadores de Alma”. Carlinho Dias, cantor e ator de Oriximiná, foi um dos apresentadores da noite. “É de fundamental importância levarmos a produção cultural de Oriximiná para o interior do município. E a troca que ocorre aqui é muito enriquecedora, porque nós também não conhecemos a produção cultural dessas comunidades. O projeto faz o link entre a cidade e o interior”, ressalta Dias.

Depois do teatro, foi a vez do grupo de dança Êxtase apresentar a coreografia “Paragem do meu canto”. Em seguida, o grupo A3 tocou pop-rock e, para encerrar, a banda Frisson animou a noite com forró e brega. “As apresentações são muito criativas e bonitas. Foi a primeira vez que vi teatro aqui na comunidade. Foi muito engraçado”, avalia a moradora do Aimim, Leila de Sousa, de 34 anos.

No domingo, moradores do Aimim apresentaram a dança “Pau de Fita”. “Muitas comunidades têm manifestações culturais próprias e tradicionais, mas que são desconhecidas do grande público. Por isso o registro dessa produção cultural é tão importante. Identificando o que está sendo feito, vamos poder valorizar e promover a diversidade cultural de nossa região”, explica José Haroldo Paula, gerente de Relações Comunitárias da MRN.

Até novembro deste ano, o barco do Cultura de Bubuia percorrerá outras cinco comunidades da região. O projeto é o carro chefe do programa Cultura em Rede, desenvolvido pela MRN a partir de 2009, com incentivo do Ministério da Cultura por meio da lei de Incentivo à Cultura (lei Rouanet).
Compartilhar:

segunda-feira, 6 de julho de 2009

Reforma eleitoral começa a ser votada nesta semana

Começa a ser votada nesta semana a reforma eleitoral. A proposta tramita em regime de urgência e estabelece regras de campanha que já devem começar a valer nas eleições do ano que vem.

A proposta libera a campanha na internet, regulamenta a pré-campanha e legaliza reuniões em recintos fechados, entrevistas jornalísticas e as prévias eleitorais.

O projeto também estabelece espaço de quatro metros quadrados para propaganda visual dos candidatos, proíbe a comercialização de espaços privados para propaganda, limita a dez o número de anúncios do candidato por veículo de comunicação no período e libera cavaletes móveis com até quatro metros quadrados para uso das 6h às 22h.

Se for aprovado, o projeto também vai estabelecer mudanças na hora de votar, quando o eleitor deverá apresentar um documento de identidade com foto junto com o título e no voto eletrônico, que passará a ser também impresso.
Compartilhar:

Curuá oferta 427 vagas e salários de até R$ 3 mil

Estão abertas as inscrições para o concurso da Prefeitura Municipal de Curuá. São 427 vagas e salários que vão de R$ 465,00 a R$ 3.000,00. A inscrição vai até dia 10 de julho (apenas presencial e na cidade) e custa R$ 30,00 para o nível alfabetizado, R$ 40,00 (fundamental), R$ 50,00 (médio) e R$ 60,00 (superior). O local para pegar o boleto de pagamento da inscrição é na Câmara Municipal de Curuá, na rua 3 de Dezembro, bairro Santa Terezinha, de 8h às 17h.

O pagamento deve ser feito na agência dos Correios. As provas também serão realizadas apenas no município, no dia 23 de agosto para todos os cargos. Mais informações no site da Fundação de Amparo e Desenvolvimento da Pesquisa (www.fadesp.org.br).

Após pagar a inscrição, o candidato deve retornar à Câmara Municipal de Curuá com o boleto pago e cópia da identidade e CPF, para pegar o manual do candidato, ainda no período de 06 a 10 de julho. A entrega dos cartões de inscrição, com informações sobre horário e local de provas, será feita de 04 a 07 de agosto.

As provas objetivas serão realizadas dia 23 de agosto de 2009, das 8 às 12h (horário local), para todos os cargos de nível nédio e fundamental. Os candidatos dos níveis alfabetizado e superior farão prova das 14h30 às 18h30. Os candidatos podem se inscrever, separadamente, e realizar as provas objetivas nos dois períodos, para cargos de nível de escolaridade em horários de provas diferentes.

O resultado das provas objetivas será divulgado no site da Fadesp até o dia 04 de setembro de 2009. Os candidatos a professor aptos a participar da prova de títulos (apenas classificatória) serão convocados no dia 10 de setembro. O prazo de entrega dos documentos será de 21 a 25 de setembro, com resultado dia 07 de outubro. O resultado final será divulgado no site da Fadesp e no Diário Oficial dia 16 de outubro.

O Setor de Cursos e Concursos da Fadesp recomenda que o candidato de qualquer seleção sempre procure saber das informações e editais pelos jornais e pelo site da organizadora. Para mais informações, os telefones de contato são (91) 4005-7446 e (91) 4005-7433, ou ainda pelo e-mail concurso@fadesp.org.br.
Compartilhar:

sábado, 4 de julho de 2009

PM prende homem com uma pistola e munições




Policiais da 16ª Zona de Policiamento e do Núcleo de Inteligência da Policia Militar prenderam em flagrante Sidnei Silva de Lima, paraense, 24 anos de idade. A prisão ocorreu em Santarém, oeste do Pará, por volta das 11 horas de sexta-feira (03/07) no centro comercial nas proximidades do mercadão Modelo.

Com Sidnei os policiais encontraram uma pistola calibre. 22 sem documentação e carregada, pronta para o uso, para o espanto dos militares ainda foi encontrada com o ele uma caixa com 50 munições calibre. 22, dois celulares e 44 mídias piratas.

O rapaz é natural da cidade de Alenquer e nem soube informar seu endereço em Santarém para que fosse registrado. Ele foi apresentado na delegacia da policia civil e autuado em flagrante pelo crime de porte ilegal de arma de fogo e deve responder também pelo comércio de material pirata. (ASCOM/PM)
Compartilhar:

SMT declara guerra aos mototaxistas clandestinos

Está declarada a guerra entre a Secretaria Municipal de Transporte (SMT) e os mototaxistas clandestinos. Desde o final do mês passado, agentes de trânsito estão agindo com rigor para coibir o serviço feito por pessoas não autorizadas pela Prefeitura. A ação da SMT gerou a reação violenta dos clandestinos, que partiram para o contraataque e realizaram protestos e buzinaço pelas ruas da cidade, gerando transtornos no trânsito. Os mototaxistas ilegais acusam os marronzinhos de perseguição e de aplicarem multas indevidas. Atendendo reivindicação dos mototáxis credenciados, a Secretaria de Transporte redobrou a fiscalização para retirar das ruas as pessoas que insistem em transportar passageiros sem amparo legal da lei municipal que criou o serviço em Santarém. A SMT afirma que o trabalho tem sido de orientação e nega qualquer tipo de perseguição ou represália aos clandestinos.

Os agentes de trânsito atuam, sobretudo, nos pontos onde esses mototaxistas se reúnem para apa-nharem passageiros. Num primeiro momento eles são orientados sobre a ilegalidade do serviço, se o condutor insistir e for flagrado novamente será autuado na forma da lei como determina o artigo 195 do Código de Trânsito Brasileiro. O impasse está criado.

"Não estamos aceitando o modo com que os agentes de transito vem nos abordar, pois mesmo quando não estamos rodando com passageiros eles vem na maior grosseira falar com a gente, isso não se faz, afinal de contas também temos o direito de pagar nossas contas", diz um dos clandestinos.

Para os legalizados o trabalho que a SMT está fazendo é encarado como uma solução e que tem como maior intuito coibir o serviço de mototáxis não credenciado na cidade, no qual a Secretaria vem trabalhando de forma incansável para diminuir cada vez mais a pra-tica dos clandestinos.

Os credenciados afirmam que a fiscalização é um ponto de luz para que a disputa desigual acabe no serviço. "A gente não tem nada a ver com a fiscalização que estão fazendo, nós estamos trabalhando normal, mas eles pensam que que-remos brigar e não é isso, a briga deles é com a prefeitura", disse Alexandre Gomes.

Protesto - Na manhã da última quarta-feira, alguns mototaxistas clandestinos interditaram a rua Afonso Pena cobrando providências do Poder Executivo para resolver o impasse entre a categoria e SMT. "Eles não chegam de forma educada e agora eles alegaram que se tiver até três motos eles já vão chegar multando, então eu acho que a primeira lei que eles estão infringindo é o direito de ir e vir", disse um mototaxista.

Baderna - Ainda na quarta-feira, um grupo de clandestinos provocou um quebra-quebra em frente ao Hospital Municipal. No ponto destinado aos credenciados, um mototaxista ilegal teria quebrado a placa indicativa, gerando revolta nos legalizados. A briga foi parar na delegacia de polícia com a prisão de duas pessoas.

"Foi outro mototáxi que quebrou a placa lá. Só estava passando. Eles seguraram o rapaz e nós (clandestinos) fomos ver o que estava acontecendo. Os policiais já chegaram prendendo todo mundo. Ninguém quebrou a placa não", explicou Natanael Pantoja, um dos rapazes presos.

Do lado de fora da delegacia, os motociclistas que exercem o serviço sem a devida autorização da SMT reclamaram das fiscalizações feitas pelos órgãos de trânsito.
"Nós entramos nessa manifestação justamente para resolver essa situação. Eles não podem chegar e multar a gente por nada, só porque estamos estacionados em um canto. A tenente Marnilza falou que se tiver de 5 motos paradas num lugar ela vai multar. Os clandestinos quebraram a placa porque estão revoltados com essa atitude", ressaltou o motociclista Edi Castro.
Compartilhar:

TCM condena Cabano a devolver mais de R$ 6 milhões à Prefeitura de Aveiro

O Tribunal de Contas dos Municípios enviou recentemente à Câmara de Municipal de Aveiro parecer prévio recomendando que aquele Poder não aprove a prestação de contas do ex-prefeito Adalberto Viana, concernente ao exercício financeiro de 2003. Ao mesmo tempo, o TCM cobra do ex-gestor, a devolução de 6.190.234,17 (Seis milhões, cento e noventa mil, duzentos e trinta reais e dezessete centavos), corrigidos monetariamente. De acordo com o TCM, esses recursos foram na época repassados aos cofres da Prefeitura de Aveiro sem que fossem feitas as prestações de contas quanto a sua aplicação em obras ou serviços de interesses da população.

São cobrados ainda R$ 11.500,00 (Onze mil e quinhentos reais) com fulcro na lei federal 10.028/2000. A esses são acrescidos mais R$ 10.000.00 (Dez mil reais) na forma do artigo 57,II,III e V da Lei Complementar 25/94, em face da omissão no dever de prestar contas.

Além de cópia dos autos para a Câmara de Vereadores, o tribunal enviou também cópia para o Ministério Público Estadual para as providências cabíveis. No ano passado, o ex-prefeito foi condenado a devolver aos cofres púbicos mais de R$ 6 milhões por não prestação de contas.

O ex-prefeito deu como endereço a comunidade do Cupari, em Aveiro, sem que o Tribunal o encontrasse, assim como também o mesmo não tem sido encontrado em Santarém, embora seja visto sempre em Itaituba em companhia do ex-vereador Luciano Nascimento e ex-assessores na Getúlio Vargas, sua residência em Itaituba, a Justiça não consegue encontrá-lo para entregar a intimação.

O parecer do TCM aconteceu no dia 04 de março de 2008, na sala das sessões do TCM, estando presentes ao julgamento das contas rejeitadas o Conselheiro Ronaldo Passarinho (presidente), auditor convocado Sérgio Franco Dantas (relator).

Na sessão estiveram ainda presentes os conselheiros Alcides Alcântara, Rosa Hage, Daniel Lavareda, auditores convocados Ornilo Sampaio, Sérgio Dantas e a procuradora - Chefe Maria Inez Gueiros.

Em seu relatório técnico o departamento explana sobre o le-vantamento feito nas esferas Federal e Estadual (Banco do Brasil, FNDE, FNS, Secretaria de Controle externo e SEFA), onde constatou o montante das receitas transferidas pelo estado e União no ano de 2003 para Aveiro (quando Cabano era prefeito).

O TCM discrimina que o montante deu-se me função dos repasses que á época foram feitos para programa Agente comunitário de Saúde, ITR, Fep, PNAR, Proeja, Pab fixo, Funasa PAB, Vigilância Sanitária, Farmácia Básica, Cadastro Nacional de Saúde e Complementação.

Desse montante os valores discriminados foram maiores para repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) que com 100% de repasse recebeu R$ 3.007,981,06 (Três milhões, sete mil, novecentos e oitenta e um reais e seis centavos) e complementação do Fundef, no total de R$ 1.337.002,13(Hum milhão, trezentos e trinta e sete mil, dois reais e treze centavos).
Compartilhar:

Dia da Fotografia em Santarém

Para marcar o Dia Mundial da Fotografia, 19 de agosto, em Santarém, as fotógrafas Tamara Sare e Lila Bemerguy estão organizando uma "Jornada Fotográfica", que acontece nos dias 25 e 26 de julho. As inscrições já estão abertas e podem ser feitas no Terminal Turistico de Santarém, ou por meio de contato com as organizadoras, pelo fone 8801-3726.

No dia 19 de agosto, as imagens produzidas estarão expostas em formato de foto-varal, no Terminal Turístico da orla da cidade. Podem participar da jornada não somente fotógrafos profissionais, como também os admiradores e amantes da fotografia, que possuam um equipamento digital para fazer o trabalho. O tema é livre. Para participar, será cobrada uma taxa de R$10 (dez reais), para custear as cópias e o material da exposição.
Compartilhar:

quinta-feira, 2 de julho de 2009

Devedores da União podem ser conhecidos pela internet

Já está na internet, no site da PGFN, a lista das pessoas físicas ou jurídicas que tenham débitos com a Fazenda Nacional. Seu conteúdo será atualizado mensalmente. Ao fazer a consulta, é possível conhecer apenas o nome da empresa ou da pessoa física.
Compartilhar:

quarta-feira, 1 de julho de 2009

Seduc publica editais de exames supletivos

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) realiza, no período de 12 de agosto a 9 de outubro deste ano, em Belém e demais municípios do Pará, os Exames Supletivos de Educação Básica (EJA). O edital com o conteúdo programático para as disciplinas do fundamental e médio, já está disponível no portal da Seduc (www.seduc.pa.gov.br).
Compartilhar:

MRN promove cultura regional através do projeto Cultura de Bubuia

Reforçando seu compromisso de respeito e incentivo às manifestações culturais da sua região, a Mineração Rio do Norte (MRN) se prepara para lançar nos dias 04 e 05 de julho o projeto Cultura de Bubuia - um barco que percorrerá comunidades rurais da área de influência direta da MRN, levando cultura aos moradores da região. Serão grupos de teatro e música, artesanato, filmes nacionais, manifestações culturais diversas. “Em contrapartida, a comunidade apresentará uma manifestação cultural sua.

Será um dia inteiro dedicado à cultura. A princípio, o projeto será desenvolvido em Oriximiná e Terra Santa”, explica José Haroldo Paula, gerente de Relações Comunitárias da MRN. O lançamento do projeto será na comunidade Aimim, em Oriximiná. Até novembro deste ano, o barco percorrerá seis comunidades.

O Cultura de Bubuia é o carro chefe do programa Cultura em Rede, desenvolvido pela MRN a partir de 2009, com incentivo do Ministério da Cultura por meio da lei de Incentivo à Cultura (lei Rouanet). “Esse programa vai concentrar todas as ações da MRN no âmbito cultural, criando uma identidade e sistematizando os projetos que patrocinamos, sempre alinhados com as secretarias de Cultura dos municípios”, avalia José Haroldo.

Dentre as atividades previstas no programa, estão previstas oficinas, apresentações teatrais, musicais, palestras e diversos eventos realizados com o objetivo de difundir e valorizar as manifestações artísticas da região. As atividades serão desenvolvidas pela agência Planeta Cultura, especializada em projetos culturais voltados para a sustentabilidade.

A atuação do Cultura em Rede irá abranger tanto as comunidades ribeirinhas quanto as sedes das cidades da região. A ideia é aglutinar pessoas e iniciativas, oferecendo, assim, oportunidades de contato com a riqueza cultural do Pará, mais especificamente do baixo Amazonas. Identificar, valorizar e promover – essas são as três palavras-chave do Cultura em Rede. “O patrocínio à XVI edição da Mostra de Teatro de Oriximiná foi a primeira demonstração desse objetivo, apoiando o segmento teatral e promovendo a arte entre a comunidade oriximinaense”, destaca José Haroldo.

Outros projetos também passam a fazer parte do Cultura em Rede, como a Caravana da Biblioteca em Ação e o Tocando em Frente. O primeiro tem o propósito de despertar nos alunos da rede de ensino de Oriximiná o prazer pela leitura através de apresentações artística-educacionais nas escolas do município. O segundo promove oficinas e cursos de musicalização para alunos e instrutores da Escola Municipal de Música, possibilitando a multiplicação e a circulação do conhecimento musical. Ambos são fruto da parceria entre a MRN e a secretaria de Cultura de Oriximiná.
Compartilhar:

DESTAQUE:

Dica Frazão, a artesã que encantou o mundo

Morreu na tarde desta sexta-feira (19), em Santarém, no oeste do Pará, uma das mais importantes artesãs paraenses, Dica Frazão, 96 anos. ...

Publicidade:

Publicidade:

Quem somos

O Blog Quarto Poder está no ar desde: 23/02/2007

O Quarto Poder é um blog jornalístico voltado para divulgação de notícias de interesse público.

Artigos e crônicas assinados são de responsabilidade de seus autores e nem sempre refletem a opinião do Blog.

Jornalistas Responsável:

Renata Rosa

Fale com a gente:

Contatos: (93) 98128-1723 - 99131-2444

E-mails: m_santos1706@hotmail.com / m_santos170676@hotmail.com

FALE CONOSCO:


Quarto Poder

Marcadores

Blog Archive

PUBLICIDADE: