terça-feira, 28 de maio de 2013

Crime da Mala: Em Manaus, corpos são esquartejados e jogados no rio dentro de malas

Virou moda em Manaus (AM), os bandidos executarem suas vítimas, esquartejá-las e jogar as partes dos corpos em malas dentro do rio Negro. Desde ontem (27), que a polícia amazonense tenta decifrar crimes desta natureza.

A forma brutal deste tipo de crime foi usada na execução do maior traficante de drogas da capital Baré, Frank Oliveira da Silva, o 'Frankzinho do 40'. 

Na manhã desta terça-feira (28), uma mala com um corpo sem cabeça foi encontrada por ribeirinhos. A mala, que estava entreaberta com forte odor, foi localizada nas proximidades da marina do Davi, Zona Oeste da capital.


Segundo informações de policiais militares da 19ª Companhia Interativa de Polícia (Cicom), por volta das 6h, o Disk denúncia 181, recebeu a informação de que havia uma mala com as mesmas características da encontrada ontem, boiando no rio.

Ainda segundo a Polícia Militar, o objeto teria sido encontrado por uma garoto que contou à mãe que encontrou uma mala parecida com a que tinha sido encontrada com a cabeça do traficante conhecido como ‘Frankzinho do 40’.

De acordo com a Polícia Civil, a mala foi encontrada com pedras em seu interior, com intuito de camuflar o crime. A equipe do Corpo de Bombeiros também está no local para realizar os devidos procedimentos.
O corpo será examinado por peritos do Instituto Médico Legal (IML). O delegado Samir Freire, da Delegacia Especializada de Homicídios e Seqüestros (DEHS), informou que a polícia já segue uma linha de investigação sobre o caso, que ainda não pode ser revelada. (Em Tempo).

Nenhum comentário: