quinta-feira, 5 de novembro de 2015

Campanha Novembro Azul reforça cuidados com a saúde do homem no Estado

Com o objetivo de incentivar gestores e profissionais de saúde dos municípios a promover mais ações de prevenção para doenças masculinas, profissionais que compõem a Coordenação Estadual de Saúde do Homem da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) descentralizam, pela segunda vez consecutiva para o interior do Estado, a programação da campanha “Novembro Azul”, criada para orientar os homens a terem uma preocupação com a saúde de forma integral, não só com câncer de próstata, conforme o que vem preconizando o Ministério da Saúde.

Nesta quinta-feira (5), os técnicos estarão em Ananindeua, na região metropolitana de Belém, para participar das solenidades de abertura da campanha feita pela Secretaria de Saúde local. No decorrer do mês, os profissionais também estarão atendendo convites de instituições públicas e privadas para ministrar oficinas sobre a Política Nacional de Atenção Integral à Saúde do Homem, estimulada pelo Ministério da Saúde, e palestras sobre câncer de próstata, câncer de pênis, HPV, hipertensão arterial e diabetes.

Toda essa articulação visa aproximar a população masculina dos serviços de saúde, criando um vínculo com quem em geral apresenta forte resistência antes de procurar assistência médica. “Para os profissionais de saúde, tentar mudar esse comportamento conscientizando os homens sobre a importância da prevenção e do tratamento adequado é um verdadeiro desafio”, explica o odontólogo Andrei Porpino, um dos técnicos da Coordenação Estadual de Saúde do Homem.

A Política de Saúde do Homem ainda é recente, e os profissionais de saúde, sobretudo das unidades básicas, ainda estão sendo capacitados para receber a população masculina da mesma forma que sempre receberam mulheres e crianças. Em recente oficina sobre o assunto, o coordenador estadual de Saúde do Homem, Carlos Sales Júnior, atentou que as redes municipais de saúde precisam se estruturar para atender as demandas da população masculina e sensibilizar para o autocuidado, para que busque com mais frequência a assistência médica e não só quando já se encontrem doentes.

Desde que foi criada, em 2010, por recomendação do Ministério da Saúde a todos os Estados, a coordenação tem atuado com campanhas de prevenção com foco nos municípios, dentro do possível, com palestras e capacitação de profissionais das unidades básicas de saúde. Um dos resultados disso é que em Belém, especificamente, o programa de Saúde do Homem foi implantado em maio de 2013 pela Secretaria de Saúde do município (Sesma) para funcionar na Unidade Municipal de Saúde da Tavares Bastos, no bairro da Marambaia.

Prevenção – A campanha “Novembro Azul” é um resgate desse conjunto anual de esforços, com enfoque na mudança do estilo de vida, contra o sedentarismo e a obesidade. Para este ano, o Ministério da Saúde não tem recomendado fazer o rastreamento, mas sim o diagnóstico precoce, que é submeter os homens com sinais e sintomas da doença a fazer procedimentos para identificar o câncer em fase inicial, a partir de estratégias de informações e garantia de acesso. Pelas estatísticas da Sespa, os homens morrem mais cedo que as mulheres por falta de cuidado, sendo as maiores vítimas de doenças crônicas, como hipertensão e diabetes e de causas externas como violência no trânsito.


Em recente evento de capacitação para profissionais da Atenção Básica, os técnicos da Sespa enumeraram estatísticas relacionadas às condições de saúde dos homens que vivem no Pará: a principal causa de internação masculina no Estado é por causas externas, devido a esfaqueamentos, traumatismo e envenenamento: só entre 2011 e 2014 foram 93.644 registros.

Na sequência e no mesmo período, as internações masculinas foram oriundas de doenças infecciosas e parasitárias (70.837); doenças do aparelho digestivo (64.101); doenças do aparelho respiratório (59.139); doenças do aparelho circulatório (53.699); doenças do aparelho geniturinário (38.620); doenças da pele e do tecido subcutâneo (13.422); doenças endócrinas, nutricionais e metabólicas (15. 314); doenças do sistema osteomuscular e tecido conjuntivo (10.142) e cânceres (9.277).

Andrei Porpino também destacou que o cenário de violência no país tem causado mais mortes entre a população masculina, sobretudo na faixa etária entre 20 e 59 anos. “Por esses dados há de se reconhecer que a concepção de masculinidade tão historicamente reforçada pela sociedade só fez com que os homens ficassem mais vulneráveis às doenças crônicas, por exemplo, e à morte mais precoce se comparamos com os da população feminina”, atesta, ao lamentar ainda que muitas perdas poderiam ser evitadas se não fosse o preconceito revestido pela resistência masculina diante da procura pelos serviços de saúde, particularmente da atenção básica.

Segundo a Coordenação Estadual de Oncologia, o câncer de próstata é o segundo tipo de câncer que mais acomete homens no Pará, perdendo apenas para o câncer de estômago. Dados do Sistema de Informações sobre Mortalidade (SIM) e do Departamento de Informática do Sistema Único de Saúde (Datasus) apontaram o seguinte cenário: entre janeiro de 2014 e julho deste ano, ocorreram 915 internações por câncer de próstata no Pará. No mesmo período, o número de mortes em decorrência desse tipo de câncer foi de 136.

Agenda da campanha Novembro Azul:

10 de novembro: Fasepa Ananindeua. Temas: câncer de próstata e saúde do homem

17 de novembro: Fasepa Augusto Montenegro

18 de novembro: Tribunal de Justiça do Estado (TJE). Temas: Política de Atenção Integral à Saúde do Homem, câncer de próstata, câncer de mama em homens, câncer de pênis

24 de novembro: TJE (Fórum Cível e Fórum Criminal, Cidade Velha)

24 de novembro: Fasepa (Travessa Diogo Moia)

26 de novembro: TJE (prédio da Infância e Juventude, Avenida Almirante Tamandaré)

16 a 20 de novembro: Conceição do Araguaia. Oficina de implantação da Política de Atenção Integral à Saúde do Homem para os municípios da RS Araguaia

27 de novembro: Evento para os servidores do Nível Central da Sespa, com parceria da Coordenação de DCNTs e Gerência de Atenção ao Trabalhador.

Fonte: Agência Pará
Compartilhar:

0 comentários:

DESTAQUE:

Mais de 1.200 veículos retidos serão leiloados pelo Detran em Belém e Santarém

O Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran) vai leiloar 1211 veículos, entre carros e motocicletas, que estão retidos nos par...

Publicidade:

Publicidade:

Quem somos

O Blog Quarto Poder está no ar desde: 23/02/2007

O Quarto Poder é um blog jornalístico voltado para divulgação de notícias de interesse público.

Artigos e crônicas assinados são de responsabilidade de seus autores e nem sempre refletem a opinião do Blog.

Jornalistas Responsável:

Renata Rosa

Fale com a gente:

Contatos: (93) 98128-1723 - 99131-2444

E-mails: m_santos1706@hotmail.com / m_santos170676@hotmail.com

FALE CONOSCO:


Quarto Poder

Marcadores

Blog Archive