quarta-feira, 11 de novembro de 2015

Circuito do Artesanato do Pará começa nesta quinta em Santarém

Em tempos de crise econômica, o Pará tem garantido o equilíbrio financeiro por meio de ações que garantem a manutenção de milhares de postos de trabalho e a consequente movimentação financeira em todo o Estado. Acreditar que a atividade do artesanato está entre as mais eficientes dessas iniciativas tem gerado resultados positivos tanto do ponto de vista da geração de emprego e renda quanto da essencial renovação e fortalecimento dessa tradição milenar.

É nesse contexto que o governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado de Assistência Social, Trabalho, Emprego e Renda (Seaster), realiza em Santarém a segunda etapa do Circuito do Artesanato do Pará: um conjunto de exposições com tipologias artesanais de todas as regiões do Estado e que inova pelo conceito de mostra e comercialização do artesanato paraense a partir de uma proposta inovadora e revolucionária de exibição. A primeira etapa do evento aconteceu em Castanhal. O Circuito será encerrado em Belém com a mostra internacional.

A abertura do Circuito do Artesanato do Pará em Santarém acontecerá nesta quinta-feira, 12, às 17h, na Praça São Sebastião. A cerimônia contará com a presença de mestres artesãos de diferentes tipologias e de representantes do governo do Estado, entre eles, o titular da Seaster, Heitor Pinheiro. Em Santarém, a localização estratégica da exposição às margens do rio Tapajós reforça a tradição e a força do artesanato paraense, rico em originalidade, raiz e identidade cultural.

O Circuito Paraense do Artesanato está entre as ações do Programa de Apoio à Produção e Comercialização do Artesanato Paraense, que, por sua vez, integra a política de Geração de Trabalho, Emprego e Renda da Seaster. As ações são coordenadas pela Diretoria de Qualificação Profissional e Empreendedorismo (DQPE) e pela Coordenação de Empreendedorismo e Economia Solidária (CEES), da Secretaria.

Dados do Instituto de Gemas e Jóias da Amazônia (Igama) mostram que o mercado do artesanato paraense cresceu 28% em 2014. O setor segue em alta também neste ano de 2015, que já contabiliza um crescimento de 20% só no primeiro semestre. Para se ter ideia de quanto o saldo tem sido positivo no Estado, o comércio varejista brasileiro, onde está incluído o setor de artesanato em âmbito nacional, cresceu 2,8% durante todo o ano de 2014.

Qualificação - A Seaster procura identificar, qualificar e assessorar artesãos das mais diferentes tipologias e regiões do Estado. Em Santarém, por exemplo, a ideia é não penas promover a divulgação e comercialização do que produzem os mestres artesãos confirmados no evento, mas também cadastrar uma quantidade grande de pessoas que hoje vive do artesanato no oeste paraense, mas que ainda permanece de fora das atividades e exposições promovidas pelo Estado. Uma vez cadastradas, esses profissionais terão acesso, por exemplo, a cursos de capacitação e qualificação que podem tanto aperfeiçoar as técnicas exercidas por eles quanto aumentar o faturamento a partir do aperfeiçoamento do que é produzido.

Fonte: Agência Pará
Compartilhar:

0 comentários:

DESTAQUE:

Professores da Ufopa são agredidos por seguranças de bar

Um fato lamentável ocorreu na madrugada do último sábado (18), no interior do ‘Estação Bar’, localizado na avenida Mendonça Furtado,...

Publicidade:

Publicidade:

Quem somos

O Blog Quarto Poder está no ar desde: 23/02/2007

O Quarto Poder é um blog jornalístico voltado para divulgação de notícias de interesse público.

Artigos e crônicas assinados são de responsabilidade de seus autores e nem sempre refletem a opinião do Blog.

Jornalistas Responsável:

Renata Rosa

Fale com a gente:

Contatos: (93) 98128-1723 - 99131-2444

E-mails: m_santos1706@hotmail.com / m_santos170676@hotmail.com

FALE CONOSCO:


Quarto Poder

Marcadores

Blog Archive