sábado, 31 de janeiro de 2015

Folia no Rio Tapajós Shopping

Confirmadíssima para o período de 2 a 11 de fevereiro, a programação carnavalesca no Rio Tapajós Shopping, evento que ocorrerá em parceria com a Liga Independente dos Blocos de Empolgação de Santarém (Libes). O presidente da agremiação, Paulo Costa, firmou a parceria com a direção do shopping no último dia 21 de janeiro.

Carnaval do Shopping contará com a presença dos blocos de empolgação de Santarém, fazendo marchinha de carnaval pelos corredores do Shopping e venda de abadás. E no dia 12, o Rio Kids Folia! Imperdível!
Compartilhar:

Opinião: Linguagem dos programas policialescos

Por: Pedro Cardoso da Costa*

Inicialmente, gostaria de destacar que não acho que esses programas sejam geradores ou alimentem a violência. Essa linha de raciocínio generalizou-se, especialmente dentre aqueles que se julgam em nível superior a este tipo de programação. Nunca assistiram, mas sabem de tudo.

Ainda que criticáveis, programas policiais poderiam se utilizar de um formato menos apelativo, com maior interatividade e mais produtivo para a emissora e para a sociedade.

Como na televisão tudo é copiado, umas copiam tudo, outras plagiam algumas coisas e a maioria muda apenas a moldura, os programas possuem características comuns a todos e nem na guarnição se diferenciam.

Os apresentadores falam sempre em tom de provocação, com fisionomias de ira e palavras ofensivas aos “bandidos”. Não se atentam nem sequer que no momento do ato, por mais verídico que seja e indícios de autoria que possuam. Esses supostos “bandidos” ainda não se enquadram nesse conceito, condição que atingiriam quando da condenação.

Outro ponto controverso são os repórteres interpelando-os quando já estão sob a tutela do Estado, quando detidos em flagrante nas ruas, dentro das viaturas ou nas próprias delegacias. Não se discute a cobertura, a discussão é sobre o microfone enfiado, de forma virulenta e provocativa, na boca do “bandido”, com perguntas inquisitórias, próprias das autoridades policiais ou judiciais. E quando as respostas não lhes são agradáveis, os repórteres vociferam, com expressões de ódio e palavras ofensivas, como se tivessem esse direito ao prejulgamento.

Quando não agem assim, dos estúdios, os âncoras incentivam de forma acintosa e até com certo constrangimento os “seus” repórteres. Costumam repetir “meu” ou “nosso” repórter. Uns dizem: “vai meu filho”, outros, “chega lá” ou com outras expressões similares.

O inverso é proporcional e melancólico. Ao lado das eventuais vítimas pobres, os repórteres falam com voz empostada, sentimental, melodramática. Tratam sempre com expressões no diminutivo: as “roupinhas”, os “sapatinhos”, os “brinquedinhos”, as “comidinhas” ficaram aqui jogadas.

Outra prática recorrente são os apresentadores se voltarem contra as autoridades envolvidas exigindo explicações que não são possíveis naquele momento ou deixando-as por horas a fio com um microfone na boca, talvez de olho na subida da audiência. Talvez por receio a esses pontos ou para ter alguns minutos de fama, muitas autoridades, especialmente policiais, ficam lá no aguardo pelo tempo que a televisão necessitar.

Fica parecendo que as autoridades são funcionários exclusivos de determinado canal e não agente público. Tudo sob a batuta do direito da “sociedade” ser informada. Não se tocam que esse direito não pode interferir no direito dos agentes trabalharem tranquilos e adequadamente.

O autoritarismo e grosseria dos âncoras com relação aos colegas de trabalho fecham o ciclo das características específicas, em especial com os funcionários-técnicos. Sempre em tom áspero e de ordem seca, falam: “Sobe a tela, baixa a tela”; “abre-fecha-divide a tela”; “cadê o repórter tal”, “fala, meu filho”, “tô falando, meu filho”; “não atravessa, meu filho”. E, ainda, pedem aos repórteres para colocarem o microfone para falarem mal dos “bandidos” ao vivo. Quem e por que permitem esses abusos? E quem disse que eles têm esse direito?

É um festival de descompostura pública que, por conta da busca por mais telespectadores, nenhum diretor reprime ou exige uma conduta mais decente e respeitosa pelos ditadores dos microfones.

*É Bacharel em direito
Compartilhar:

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Prazo para matrícula de aprovados no Sisu 2015 começa nesta sexta-feira

Os candidatos que foram aprovados nos cursos oferecidos pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu) devem fazer a matrícula na instituição correspondente a partir desta sexta (30) até terça-feira (3).

O candidato selecionado pelo Sisu deverá verificar, junto à instituição de ensino em que foi aprovado, o local, horário e procedimentos para matrícula.

O Sisu teve um total de 2.791.334 candidatos inscritos para 205.514 vagas de 5.631 cursos em universidades federais e institutos tecnológicos.

A lista de aprovados está disponível no site do processo seletivo: sisu.mec.gov.br. O candidato pode consultar seu desempenho inserindo o número de inscrição no Enem e a senha de inscrição. O site permite ainda recuperar a senha do Enem.

Compartilhar:

Receita Federal libera créditos para cerca de 11 mil contribuintes no Pará

Nesta sexta-feira (30), a Receita Federal libera créditos no valor total de R$ 26.038.617,18 para 11.636 contribuintes em todo o Pará. Em toda a 2ª Região Fiscal que engloba os estados do AC, AM, AP, PA, RO e RR, mais 28 mil serão contemplados, totalizando R$ 60.489.892,55.

O lote multiexercício de restituição do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física contempla também restituições de 2014 (ano-calendário 2013), 2013 (ano-calendário 2012), 2012 (ano-calendário 2011), 2011 (ano-calendário 2010), 2010 (ano-calendário 2009) e 2009 (ano-calendário 2008) e 2008 (ano-calendário 2007).

O crédito bancário para 472.576 contribuintes, em todo o Brasil, totaliza o valor de R$ 941.872.389,78. Desse total, R$ 124.829.894,05 referem-se ao quantitativo de contribuintes de que trata o Art. 69-A da Lei nº 9.784/99, sendo 36.495 contribuintes idosos e 3.584 contribuintes com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave.

Compartilhar:

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Prefeito de Santarém será empossado presidente da Amut

Nesta sexta-feira (30), às 9 horas, ocorre a eleição da nova diretoria da Associação dos Municípios das Rodovias Transamazônica (AMUT) Santarém-Cuiabá e Região Oeste do Pará (AMUT), para os próximos 12 meses. Após a eleição, haverá a aclamação da chapa única e posse dos membros, tendo na Presidência o prefeito de Santarém, Alexandre Von, na Vice-Presidência, a prefeita de Itaituba, Eliene Nunes, na Tesouraria, o prefeito de Novo Progresso, Osvaldo Romanholi, e na Secretaria, o prefeito de Anapu, João Batista. A eleição e posse da nova diretoria ocorrem na sede da entidade, na Avenida Conselheiro Furtado, 3354 – São Bras, Belém-Pará.

No próximo dia 06/02, a nova diretoria da entidade já realiza seu primeiro evento, em Santarém: uma reunião de trabalho entre a Secretaria de Estado de Educação (SEDUC), e os Municípios que fazem parte da AMUT e AMUCAN (Associação dos Municípios da Calha Norte).

“Nessa reunião estarão presentes o secretário de Educação do Estado, Helenilson Pontes, os três secretários adjuntos e técnicos da SEDUC, além dos prefeitos e seus respectivos secretários municipais de Educação. O tema será: o fortalecimento da educação pública nos Municípios que compõem a AMUT e a AMUCAN”, explicou o prefeito. (PMS)

Compartilhar:

Moradores de rua recebem apoio social

Um outro homem: Antonio Vieira da Silva, o popular 'João Barba de Ouro'
Marcos Santos

O senhor Antonio Vieira da Silva nem de longe lembra aquele homem que vivia perambulando pelas ruas de Santarém, com poucas roupas e, às vezes, completamente nu, catando restos de comida para se alimentar e vivendo à margem da sociedade. Até então, esquecido e desamparado pelo Poder Público, Antonio Vieira da Silva, cujo nome também é desconhecido da maioria das pessoas é mais conhecido por dois apelidos: ‘João Toque-Toque’ ou ‘João Barba de Ouro’. Sumido das ruas há vários meses, muita gente acreditava que ele estivesse morto, já que era visto com frequência nos arredores da praça da Matriz, lugar onde encontrava abrigo nos dias de frio e nas noites de solidão. 

O sumiço repentino de ‘João Barba de Ouro’ ocorreu no ano passado, após ele sofrer uma tentativa de homicídio no dia 25 de abril de 2014. Ele foi esfaqueado por dois homens. Socorrido e levado para o Pronto Socorro Municipal, o morador de rua desde então nunca mais foi visto andando pelas ruas da cidade, o que motivou questionamentos sobre o seu paradeiro. Esta semana, ‘João Barba de Ouro’, ou melhor, seu Antonio Vieira da Silva, reapareceu e, para surpresa de muitos, estava com um visual totalmente diferente daquele de quando andava errante pelo centro de Santarém.
Até início de 2014, 'João Barba de Ouro' vivia assim

A recuperação de seu Antonio Vieira da Silva ocorreu graças à iniciativa do Poder Público com a inauguração do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro POP Dom Lino Vombommel), que nesta quinta-feira (29), completou um ano de funcionamento. 

Depois do atentado que sofreu e de receber alta do hospital, seu Antonio foi entregue aos cuidados da Comunidade Terapêutica O Bom Pastor, localizada no São Braz, na região do Eixo Forte, em Santarém, e desde então lá permaneceu, até sua aparição durante a solenidade de comemoração pelo primeiro aniversário do Centro Pop. Sentado ao lado do prefeito Alexandre Von, devidamente trajado e com a barba feita, seu Antonio Vieira da Silva é a prova de que quando o Poder Público se faz presente a vida das pessoas pode mudar sim e para melhor. É o que está ocorrendo com as pessoas atendidas pelo Centro Pop desde sua inauguração até hoje, conforme os números apresentados pela direção daquela instituição. Seu papel no amparo e auxílio aos moradores de rua, doentes mentais e dependentes químicos tem sido exemplar e fundamental para que esses indivíduos, até então sem nomes, sem identidade, pudessem voltar a fazer parte da sociedade.

Como o seu Antonio Vieira da Silva, existem dezenas de cidadãos que encontraram na generosidade de pessoas como Omar Almeida Kostovr, coordenador da Comunidade O Bom Pastor, o apoio que precisavam para se reencontrar como pessoa e acima de tudo passassem a ser vistos pelo resto da sociedade.

Omar é um dos muitos parceiros que colaboram com o Centro Pop no auxílio aos moradores de rua e dependentes químicos. Juntamente com os demais colaboradores e parceiros, ele comemora os objetivos alcançados neste primeiro ano de funcionamento da instituição.

Centro POP realizou quase 300 atendimentos

O Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro POP Dom Lino Vombommel) está em festa, por conta do seu primeiro ano de implantação. Neste período, este importante equipamento social ajudou a resgatar vidas e a reinserir de volta ao seio familiar e da sociedade, homens e mulheres que trilharam diferentes caminhos. Foram realizados quase 300 atendimentos diretos, que ofereceram dignidade a quem buscou auxílio.

As pessoas que passaram pelo Centro POP tiveram a oportunidade de receber atendimentos nas mais diferentes áreas: assistência em saúde, serviços de cidadania, qualificação profissional, assistência em educação, inserção no mercado de trabalho, palestras educativas, etc. Foram várias atividades desenvolvidas. Mas para o prefeito Alexandre Von nenhuma delas teria tido êxito se o Município não contasse com a ajuda dos parceiros, seja da iniciativa pública, seja da iniciativa privada.



Compartilhar:

Trabalho escravo: MPF instaura quase 2 mil procedimentos em 2014

Em 2014, foram instaurados pelo Ministério Público Federal (MPF) 1.744 procedimentos judiciais e extrajudiciais para apurar práticas relacionadas à escravidão contemporânea. Desse total, foram ajuizadas 138 ações penais, instaurados 681 inquéritos policiais e abertos 925 procedimentos administrativos sobre o tema. Os dados foram divulgados pela 2ª Câmara de Coordenação e Revisão do MPF nesta quarta-feira, 28, data em que nacionalmente se comemora o Dia de Combate ao Trabalho Escravo.

A escravidão contemporânea é um crime tipificado no artigo 149 do Código Penal (redução à condição análoga à de escravo). Os crimes de frustração de direitos trabalhistas (artigo 203 do Código Penal) e aliciamento de trabalhadores (artigo 207 do Código Penal) são correlatos a essa prática.

Quanto ao crime de redução à condição análoga à de escravo, a instituição registrou 982 procedimentos judiciais e extrajudiciais. Já nos casos de frustração de direitos assegurados por lei trabalhista, o MPF contabilizou 673 processos. Em relação às situações de aliciamento de trabalhadores de um local para outro do território nacional, o levantamento apontou 80 procedimentos.

O estudo mostra, ainda, que, nos últimos quatro anos, o estado com o maior número de ações penais e investigações relacionadas ao crime de redução à condição análoga à de escravo é o Pará, com 597 casos registrados, seguido por São Paulo (498) e por Minas Gerais (427). Com relação ao crime de frustração de direitos assegurados por lei trabalhista, São Paulo tem o maior número de casos registrados (1.044). No que se refere ao aliciamento de trabalhadores de um local para outro do território nacional, São Paulo lidera o ranking nacional (63).

Compartilhar:

Tributação sobre gasolina e diesel sobe a partir de fevereir

A partir deste domingo (1º), a tributação incidente sobre a gasolina e o diesel será elevada, conforme o decreto presidencial 8.395, publicado no "Diário Oficial da União" desta quinta-feira (29). A informação é da Secretaria da Receita Federal.

O aumento da tributação sobre os combustíveis nas refinarias faz parte do pacote do governo de elevação de impostos para tentar reequilibrar as contas públicas neste ano – após forte deterioração em 2014 por conta da fraca arrecadação, resultado do baixo nível de atividade e das desonerações e do aumento de gastos em ano eleitoral.

De acordo com a Receita Federal, estão sendo elevados o PIS, a Contribuição para Financiamento da Seguridade Social (Cofins) e a Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico (Cide) sobre os combustíveis. De imediato, sobem o PIS e a Cofins, uma vez que a alta da Cide precisa de noventena (90 dias) para ser implementada. A Cide subirá somente em maio, quando as alíquotas do PIS e da Cofins serão reduzidas na mesma proporção.

Segundo o Fisco, o impacto do aumento da tributação será de R$ 0,22 para a gasolina e de R$ 0,15 para o diesel. A expectativa do governo é arrecadar R$ 12,18 bilhões com esta medida em 2015.

Compartilhar:

Fundo Juruti relança edital e convoca interessados

O Fundo Juruti Sustentável (Funjus) abriu edital 03/ 2015 para apresentação de propostas de apoio financeiro a projetos realizados em parceria com outros financiadores públicos ou privados. O objetivo é viabilizar recursos para que instituições de Juruti – município do oeste do Pará, onde a Alcoa atua com uma mina de bauxita – atraiam parceiros com recursos de outros editais e chamadas públicas ao longo do ano. Por exemplo, organizações da sociedade, assim como o governo municipal, poderão contar com a contrapartida do Funjus para aprovar projetos junto aos governos estadual e federal, ou da cooperação internacional. As inscrições iniciam no dia 06 de fevereiro e seguem até 06 de novembro.

“Desse modo, possibilitamos que Juruti amplie suas oportunidades de financiamento, alavancando recursos de terceiros para as prioridades socioambientais definidas pelo Conselho Juruti Sustentável (Conjus)”, afirma Fábio Abdala, gerente de Sustentabilidade da Alcoa América Latina e Caribe. O edital abrange as áreas de educação, cultura e turismo, infraestrutura e desenvolvimento, desenvolvimento rural e urbano, saúde, segurança e cidadania e meio ambiente. O prazo deste edital será de 12 meses, a partir de janeiro de 2015. “O edital do FUNJUS é uma ótima oportunidade, uma possibilidade de fazer um projeto que beneficie a comunidade”, afirma Lucimir Batista Pereira, presidente da Colônia de Pescadores e Pescadoras Artesanais Z- 42, que reúne mais de dois mil pescadores da região de lago de Juruti.

O edital 03/ 2015 será dividido em duas fases. A primeira compreende o apoio para elaboração de projetos prioritários para Juruti e região. Na segunda fase, uma vez aprovados, os repasses financeiros do Funjus disponibilizarão recursos complementares limitados até 8% do valor total do projeto.

Compartilhar:

quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Simão Jatene discute modelos de parcerias com representantes de corporação internacional

Um dos braços financeiros do Banco Mundial (Bird), a International Finance Corporation (IFC) – ou Corporação Financeira Internacional –, está cada vez mais próximo de firmar nova parceria com o governo do Estado. Nesta quarta-feira, 28, o country manager do grupo no Brasil, Hector Gomez Ang, e outros dois representantes do setor de investimentos da instituição, Laura Oller (analista) e Tomas Anker (diretor), se reuniram com o governador Simão Jatene, no Hangar, em Belém, para discutir modelos de parcerias púbico-privadas.

Durante o encontro, a ideia de se firmar parceiras para modernizar a rede física e a manutenção das unidades de ensino, por exemplo, foi bem recebida pelo governador. Na ocasião, Jatene destacou aos representantes da IFC que o Pará vem passando por um processo de reestruturação na área da educação e que, para isso, investe cerca de U$ 350 milhões. Do montante, cerca de U$ 200 milhões são oriundos de operação de crédito junto ao Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID).

Hector Gomez pontuou ao governador e ao secretário de Desenvolvimento Econômico, Mineração e Energia, Adnan Demackhi – que acompanhou a reunião –, que o grupo tem alcançado experiências positivas em Belo Horizonte (MG). Lá, a parceria que, a princípio, contemplava a construção e operação de serviços não pedagógicos de 37 escolas, passou para 51 no ano passado. O contrato foi firmado entre a Prefeitura de Belo Horizonte e a Odebrecht e visa o atendimento de cerca de 25 mil alunos da capital mineira.

Malha – Na área de transportes, os representantes destacaram que na Bahia uma parceria está viabilizando o Sistema Viário BA 093, na Região Metropolitana de Salvador. Ao todo, o sistema é composto por dez trechos rodoviários, totalizando quase 200 quilômetros, que interligam os principais polos industriais baianos (Candeias, Camaçari e Centro Industrial de Aratu), terminais portuários de Aratu e o aeroporto internacional de Salvador. Lá, a parceria foi firmada entre Governo da Bahia, Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) e Bird.

Compartilhar:

Secretário de Educação reúne com prefeitos do Marajó

O secretário de Estado de Educação, Helenilson Pontes, reuniu com os 16 prefeitos e secretários municipais da área dos municípios filiados à Associação dos Municípios do Arquipélago do Marajó (Amam), nesta quarta-feira (28), na sede da associação. O encontro marcou o início de um diálogo permanente que o secretário vai estabelecer com os prefeitos de todas as regiões de integração do Estado.

Para a presidente da Amam, a prefeita de Ponta de Pedras, Consuelo Castro, esta é uma nova postura da Seduc em relação aos municípios paraenses. Ela disse que a educação é o principal instrumento para a elevação do Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) dos municípios marajoaras, que é um dos mais baixos entre os municípios brasileiros. “Vamos construir soluções conjuntas para a educação dos nossos municípios”, afirmou.

Helenilson Pontes destacou que o grande desafio da educação no Pará é também o grande desafio da educação em todo o país. Para ele, um dos principais entraves é a garantia do acesso à educação, que não foi acompanhada de um incremento na qualidade do ensino ofertado. O Marajó, disse o secretário, tem características geográficas muito próprias, que são “um pouco do retrato, da realidade de se fazer a educação na Amazônia”, destacou.

“O que pretendemos é promover uma educação pública de qualidade, e isto é um consenso entre os prefeitos. Precisamos estar mais próximos e estabelecer uma relação mais direta entre a Seduc, as prefeituras e as secretarias municipais de Educação com uma agenda permanente de reuniões”, explicou Helenilson.

Compartilhar:

Roberto Carlos nega desprezo a Tim Maia

O cantor Roberto Carlos se manifestou sobre a maneira pela qual foi retratado no filme Tim Maia. No longa, dirigido por Mauro Lima, há uma cena em que Tim, que acabara de voltar dos Estados Unidos, vai a uma emissora de TV pedir ajuda ao amigo, com quem tocou em uma banda na adolescência. Rico e famoso na época da Jovem Guarda, Roberto dá um sapato que estava em seu camarim e vai embora. Na sequência, seu secretária joga uma quantia em dinheiro para que Tim pegue.

Foi a primeira vez que o Rei da Jovem Guarda falou sobre algumas cenas do filme. 

De passagem por Punta del Este, no Uruguai, o Rei conversou com Amaury Jr. no programa que leva no nome do apresentador, exibido pela RedeTV! na madrugada desta quarta, 28. Amaury perguntou se o cantor não havia gostado da cena. "É, não foi bem", responde Roberto, que muda o discurso em seguida. Ele (o ator George Sauma) Ele foi bem, me representou numa fase mais jovem da minha vida."

Amaury Jr. insiste no assunto e Roberto Carlos diz que desconhecia o fato. "Bicho, não sei por que. Tem muita coisa que só fiquei sabendo que aconteceu depois de ver um filme. Na verdade, muita coisa eu não vi acontecer. Aquela coisa de que o secretário jogou o dinheiro foi uma absoluta novidade. Nunca soube que aquilo tivesse acontecido. Sempre tive o maior respeito pelo Tim e não teria admitido que alguém fizesse aqui com ele", esquivou-se. Ao perceber que o clima iria azedar, Amaury Jr. abraçou o Rei e se despediu. (AE)
Compartilhar:

Pesquisa diz que 45% admitem fazer sexo sem camisinha

Pesquisa do Ministério da Saúde com base em dados de 2013 mostrou que 94% da população sexualmente ativa reconhecem a eficiência da camisinha como prevenção de Doenças Sexualmente Transmissíveis (DST/Aids), mas que 45% admitem que não recorreram ao método nos 12 meses anteriores ao levantamento. O resultado foi divulgado nesta quarta-feira (28), durante lançamento de campanha de prevenção de DST/Aids no carnaval, que aconteceu na sede da pasta federal.

Segundo o ministério, os dados estão dentro do previsto e são semelhantes aos levantamentos de 2004 e de 2008. Na primeira pesquisa, 58% admitiam ter se relacionado sexualmente sem preservativo e 96,9% reconheciam a eficiência da camisinha. Em 2008, 48% declararam ter feito sexo sem preservativo e 96,6% tinham a percepção da importância na prevenção de doenças.

“Isso significa, de maneira muito contundente, que não podemos continuar lidando na sociedade brasileira apenas com o preservativo. É uma mensagem muito clara. A camisinha perde seu espaço? Em hipótese alguma. Mas precisaremos lidar com outras estratégias”, afirmou o ministro da Saúde, Arthur Chioro.

Na pesquisa de 2004, a taxa de detecção entre jovens de 15 a 24 anos era de 9,6 casos por 100 mil habitantes. Em 2013, o índice subiu para 12,7 casos. Para o ministro, o avanço na qualidade de vida dos pacientes soropositivos resultou em uma geração com menos medo de contrair a doença. Como exemplo, ele citou artistas e personalidades que morreram em decorrência da Aids nos anos 1980 e serviram como “referência” para gerações anteriores.

O Pará já recebeu do Ministério da Saúde novos medicamentos para o tratamento de pacientes com o vírus HIV. São mais de 153 mil comprimidos do remédio, um combinado de três substâncias que combatem a carga viral, fortificando o sistema imunológico dos portadores do vírus. No Estado são atualmente quase 06 mil pacientes em tratamento, a maior parte na Região Metropolitana de Belém. A Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) iniciará a distribuição no início de fevereiro.


Compartilhar:

Semsa realiza campanha de prevenção e combate a Hanseníase

No período de 28 de janeiro a 6 de fevereiro, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) realiza a Semana de Prevenção e Controle paraEliminação da Hanseníase. Durante as ações, profissionais da saúde intensificarão as visitas domiciliares, a fim de detectar casos suspeitos.

De acordo com a enfermeira Luana Lameira, da coordenação da campanha, pacientes com sinais que se assemelham ao contágio por hanseníase serão encaminhados às Unidades Básicas de Saúde para diagnóstico. “Vamos intensificar as buscas, realizar capacitações paraprofissionais da atenção básica, tanto zona urbano quanto rural, e prestar atendimentos aos pacientes com a doença, obedecendo ao modelode intervenção proposto pelo Ministério da Saúde.”, destaca a enfermeira.

Luana Lameira esclarece que a primeira atitude a ser tomada é procurar a Unidade Básica de Saúde mais próxima. “Quanto mais cedo procurar o serviço, mais rápido será o diagnóstico. A pessoa em tratamento não transmite a doença. O paciente recebe o medicamento gratuitamente e para alcançar a curar é necessário cumprir todo o tratamento”, disse Luana.

Atualmente, no município, recebem o tratamento 87 pacientes. A hanseníase é uma doença causada por um bacilo que atinge pele e nervos, principalmente na região dos olhos, mãos e pés. O modo de transmissão é pela respiração e o contato prolongado com pessoas infectadas. Caso não se busque o tratamento, o paciente pode ficar com deformidades nas áreas mais atingidas do corpo. (PMS)
Compartilhar:

Dnit lança aplicativo que monitora rodovias federais

O motorista que rodar pelas estradas federais já pode comunicar, em tempo real, ao Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), os problemas encontrados nas rodovias – como buracos e quedas de barreira. Para isso, o órgão desenvolveu um aplicativo para smartphones e tablets que facilita o contato com os usuários: o DNIT Móvel. Sem a necessidade de dar um telefonema e nem ser atendido por um telemarketing, o programa envia o registro da ocorrência direto ao banco de dados do DNIT.

“A localização exata da ocorrência é marcada por GPS. Com isso, pode-se mapear os problemas da malha rodoviária federal, atualizando os dados sobre suas condições”, explica o diretor de Planejamento e Pesquisa do DNIT, Adailton Cardoso Dias. O DNIT Móvel, com a ajuda dos usuários, permite que o reparo nas rodovias federais possa ser feito mais rápido, proporcionando, assim, mais segurança para os usuários.

Além disso, o aplicativo facilita o mapeamento das ocorrências mais constantes em determinada rodovia federal e possibilita o planejamento e a priorização dos trabalhos de manutenção e melhorias. “Isso dá mais eficiência ao uso dos recursos públicos e torna as estradas federais mais seguras”, completa o diretor.

Em pouco mais de um mês de lançamento mais de 10 mil usuários fizeram o download do aplicativo e já foram registradas duas mil ocorrências.

Compartilhar:

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

Receita Federal abre consulta ao 1º lote residual de 2015 nesta quarta-feira

A Receita Federal divulga nesta quarta-feira (28) a consulta ao primeiro lote de restituições liberadas da malha fina do Imposto de Renda Pessoa Física 2014. Também estarão no lote declarações de 2008 a 2013 liberadas pela Receita.

De acordo com o órgão, o crédito bancário para 472.576 contribuintes será efetuado no dia 30 de janeiro, totalizando o valor de R$ 941.872.389,78. Desse total, R$ 124.829.894,05 referem-se ao quantitativo de contribuintes idosos, de pessoas com deficiência ou com doença grave.

A consulta aos lotes de restituição é disponibilizada na página da Receita Federal na internet. No endereço é possível consultar lotes de anos anteriores. A consulta pode ser feita também por meio de tablets e smartphones com os sistemas iOS (Apple) ou Android.
No Pará, 11.636 contribuintes terão direito a créditos no valor total de R$ 26.038.617,18 que serão liberados no próximo dia 30 de janeiro. Em toda a 2ª Região Fiscal que engloba os estados do AC, AM, AP, PA, RO e RR, mais de 28 mil serão contemplados, totalizando R$ 60.489.892,55.

Malha - Segundo a Receita Federal, 45.594 ainda estão em malha fiscal.

Compartilhar:

MPF recorre contra soltura de integrantes da maior quadrilha de desmatadores da Amazônia

O Ministério Público Federal (MPF) ajuizou no último dia 22, recurso contra a revogação dos mandados de prisão preventiva contra líderes da quadrilha de desmatadores desbaratada pela operação Castanheira em agosto de 2014 na região de Novo Progresso, no sudoeste do Pará.

Além de recorrer contra a revogação do mandado de prisão dos líderes da quadrilha, desde a realização da operação Castanheira o MPF já recorreu contra a soltura de nove presos integrantes da quadrilha que tiveram resposta positiva da Justiça Federal a seus pedidos de habeas corpus.

Segundo os organizadores da operação Castanheira, realizada pelo MPF, Polícia Federal, Receita Federal e Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), o grupo alvo da operação Castanheira formava a maior quadrilha de desmatamento da Amazônia.

A área da rodovia BR-163, onde a quadrilha atuava, concentrava cerca de 10% de todo o desmatamento da Amazônia nos últimos dois anos. No final de agosto, quando a quadrilha foi pega, a taxa de desmatamento semanal era de mais de 3,4 mil hectares. Na primeira semana de setembro, o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) registrou desmatamento zero.

De acordo com a investigação, pelo menos 15,5 mil hectares foram desmatados pela quadrilha, resultando em um prejuízo ambiental equivalente a R$ 500 milhões, no mínimo.

Violação de regras do plantão judicial - O pedido do MPF encaminhado à Justiça Federal na semana passada é sobre a revogação dos mandados de prisão preventiva de Ezequiel Antônio Castanha e de Giovany Marcelino Pascoal. Apesar de eles já terem recebido resposta negativa a vários pedidos feitos à Justiça Federal em Itaituba, onde o processo tramita, e até mesmo ao Tribunal Regional Federal da 1ª Região, em Brasília, os acusados voltaram a pedir a revogação da prisão à Justiça Federal, desta vez em Belém, durante o plantão judiciário de final de ano, e foram atendidos.

“É comum a apresentação de pedidos perante o juízo plantonista com o objetivo exclusivo de burlar a análise pelo juízo natural da causa”, observa a procuradora da República Janaina Andrade de Sousa no texto do recurso. “Busca-se, com isso, que casos complexos sejam levados à apreciação de magistrado que não teve qualquer contato com os autos principais”.

Relato da extensa cadeia de crimes praticados pela organização criminosa, a denúncia relativa à operação Castanheira tem mais de cem páginas de detalhamento de como agia a quadrilha, com detalhamento da atuação dos 23 denunciados.

O MPF cita no recurso uma resolução do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) que determina que o plantão judiciário não se destina à renovação de pedido já apreciado no órgão judicial de origem do caso, nem à sua reconsideração ou reexame. Na linha do CNJ, portaria publicada em dezembro pelo Tribunal Regional Federal estabelece limites de atuação do juiz plantonista durante o recesso judicial.

Livres para novos crimes - Segundo o MPF, os mandados de prisões preventivas haviam sido expedidos pela Justiça Federal em Itaituba para garantir que o processo judicial pudesse ser corretamente abastecido de informações, tendo em vista o risco de que os acusados destruam provas necessárias ao processo e ameacem testemunhas. Segundo dados fornecidos pela Polícia Federal, os acusados já haviam tentado destruir parte das provas.

Compartilhar:

Alcoa realiza simpósio de Ciência, Tecnologia e Inovação

Nesta quarta-feira (28), a Alcoa Juruti, no oeste do Pará, realiza o 1º Simpósio Juruti de Ciência, Tecnologia & Inovação, que reunirá engenheiros, supervisores, técnicos e analistas. Na oportunidade, sete trabalhos serão avaliados por uma banca examinadora, que será composta pela equipe Líder Juruti. Será escolhido o melhor trabalho, que ao mesmo tempo terá que agregar qualidade técnica, inovação, sustentabilidade, saúde, segurança e meio ambiente e impacto financeiro. A ideia é estimular o desenvolvimento de projetos que contribuam com melhorias para os processos operacionais da Alcoa, em Juruti. (Temple Comunicação)
Compartilhar:

Ufopa divulga resultado do Processo Seletivo Regular 2015

Com o maior número de inscritos desde sua criação, este ano a Universidade Federal do Oeste do Pará recebeu 18.447 candidatos inscritos no Processo Seletivo Regular 2015. Deste número, 94,84% são do Pará (17.496) e, destes, 73,56% são do Oeste do Pará (13.565). Outros municípios como Oriximiná e Óbidos também tiveram inscritos no Processo, quantificando 320 e 280 inscrições respectivamente. A novidade foi a participação de 104 candidatos com deficiência concorrendo em vagas exclusivas.

Confira aqui o resultado do Processo Seletivo.

“Estamos festejando, junto com os aprovados e suas famílias, o ingresso em uma universidade pública. Estamos recebendo nossos alunos na data prevista no edital por um processo seletivo que teve uma concorrência recorde. Mais de 18 mil inscritos revela a visibilidade positiva da Instituição. Comemoramos também a oferta do primeiro curso fora da sede: Pedagogia em Óbidos, além do Bacharelado Interdisciplinar em Ciências Biológicas e Conservação em Oriximiná a fim de atender à demanda desses câmpus. Calouros 2015, sejam bem-vindos à UFOPA”, comemora a reitora, Raimunda Monteiro.

Em relação às vagas preenchidas para esta primeira chamada, 1.214 candidatos são convocados e, dentre estes, 681 são do Oeste do Pará, 886 são de escola pública e 23 são candidatos das vagas destinadas às pessoas com deficiência (PcD).

Os cursos mais concorridos foram: Direito, com 2.988 candidatos inscritos; Farmácia, com 1.605; Pedagogia, com 1.439; Bacharelado Interdisciplinar em Ciências Agrárias/Recursos Florestais, com 1.123; e Ciência da Computação, com 1.068. Considerando que a maior nota de corte foi a do curso de Direito: 737.98 e a menor, foi do curso de Pedagogia – Óbidos: 576.7.

Neste Processo Seletivo Regular de 2015 foram ofertadas 1.191 vagas, sendo 1.106 vagas para o Câmpus de Santarém, 45 vagas para o Câmpus de Oriximiná e 40 vagas para o Câmpus de Óbidos, além de vagas destinadas exclusivamente às pessoas com deficiência (PcD). Essas vagas foram distribuídas entre os 24 cursos de graduação (Bacharelados e Licenciaturas).

Sobre as próximas chamadas, o preenchimento das vagas será processado com base no critério classificatório, por curso de opção, até o limite de quatro chamadas, conforme distribuição de vagas e turnos por curso.

O candidato somente concorrerá ao curso de segunda opção caso as vagas para esse curso não tenham sido preenchidas por candidatos que escolheram esse curso como primeira opção. Os não selecionados em primeira chamada e que desejem continuar concorrendo às vagas remanescentes devem manifestar interesse, nas datas, horários e locais a ser divulgados em Edital Complementar. A manifestação de interesse não garante ao candidato vaga na UFOPA. Os candidatos que não confirmarem interesse no prazo estipulado perderão automaticamente o direito a concorrer às vagas remanescentes, em chamadas posteriores.

A habilitação dos aprovados dessa 1ª chamada ocorrerá nos dias 29 de janeiro a 3 de fevereiro. Os calouros deverão entregar os documentos na Universidade como previsto no Edital do Processo Seletivo. A 2ª chamada acontecerá dia 6 de fevereiro.

Fonte: Ascom/Ufopa
Compartilhar:

Polícia Federal: confira o resultado final das provas objetivas

O Centro de Seleção e de Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB) divulgou, aos mais de 98 mil inscritos a agente da Polícia Federal, o resultado final das provas objetivas e o provisório das provas discursivas. Veja seu desempenho. Os recursos ao resultado provisório podem ser interpostos entre as 9h do dia 27 de janeiro às 18h do dia 28 de janeiro.

O resultado final da fase, assim como a convocação para o exame de aptidão física, deverão ser divulgados no dia 13 de fevereiro.

Os exames foram aplicados no dia 21 de dezembro. Ao todo, são 600 vagas para o posto de agente, com remuneração de R$ 7.514,33. Podem participar candidatos com qualquer curso de nível superior. Do total de chances, 30 são reservadas a pessoas com deficiência. Outras 120 chances são destinadas a candidatos negros. Não há formação de cadastro reserva.

Além de provas objetivas e discursivas, o concurso ainda é composto por exame médico, avaliação psicológica e investigação social. Candidatos ainda farão curso de formação, de caráter eliminatório, a ser realizado no Distrito Federal em regime de internato.

Para conferir o edital na íntegra, clique aqui.

De acordo com o edital, para a escolha de lotação serão disponibilizadas vagas, preferencialmente, nos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Rondônia e Roraima e em unidades de fronteira. (CB)
Compartilhar:

Vereador cobra informações sobre doação de 35 mil sacas de cimento da Caima à Prefeitura de Itaituba

Vereador Peninha cobra explicações
O vereador da Câmara Municipal de Itaituba, Luiz Fernando Sadek dos Santos, o popular ‘Peninha’ (PMDB), divulgou nesta segunda-feira (26), em seu blog, uma informação que promete abalar as estruturas da Prefeitura da Cidade Pepita. No último dia 9 de janeiro deste ano, a empresa Itaituba Industria de Cimentos do Pará - ITACIMPASA (Caima), encaminhou ao Poder Legislativo respostas ao pedido de informação feito pelo parlamentar indagando sobre a doação de cimento que era feito pela empresa à Prefeitura de Itaituba, no oeste do Pará. No documento, datado de 30 de dezembro de 2014, assinado pelo gerente substituto, Mário Roberto de Lima Pereira, a empresa informa que doa todos os meses, 1.500 sacas de cimento e 700m3 de brita zero para a Prefeitura.

Em seu blog, o vereador ressalta que essa cobrança partiu da população, que sempre criticou a empresa por não contribuir com o município em nada. Porém, o documento prova o contrário. E mais: desde os tempos em que Silvio Macedo foi eleito prefeito de Itaituba que a Caima doa cimento para a Prefeitura.

O parlamentar destaca ainda que atualmente a população está cobrando informações do Poder Público e do Poder Legislativo para saber onde a prefeita Eliene Nunes usou o material doado pela empresa.
Documento encaminhado pela Caima

Nos cálculos feitos pelo vereador ‘Peninha’, divulgados em seu blog, nos dois anos de mandato da prefeita Eliene Nunes, o município já recebeu o equivalente a 36 mil sacas de cimento e mais 16.800m3 de brita zero.

A pergunta que não quer calar é: onde foram parar o cimento e a brita doados pela empresa Caima à Prefeitura de Itaituba.

Ainda segundo o documento encaminhado pela empresa à presidência da Câmara, o gerente informa que a partir de dezembro de 2014, esse fornecimento foi suspenso temporariamente. Porém, não explica o motivo pela qual houve a suspensão na doação do material.

O vereador ‘Peninha’ exige a prestação de contas da prefeita Eliene Nunes sobre a destinação dada ao material recebido nesses dois últimos anos de seu mandato.
Prefeitura diz que material foi usado em obras

Em contato com a assessoria de comunicação da Prefeitura, o blog Quarto Poder foi informado que todo o material recebido foi usado na fabricação de centenas de manilhas e tubos de esgoto, além de ter sido utilizado na construção de 1.500 metros de meio-fio. A assessoria informou ainda que parte do material foi usada também no conserto de escolas municipais e que a prefeita Eliene Nunes se pronunciará nos próximos dias sobre este caso.

Compartilhar:

segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

São Raimundo vai reabrir para sócios-proprietários

A diretoria do São Raimundo Esporte Clube, primeiro campeão brasileiro da Série D, realiza na próxima quarta-feira (28), às 19 horas, na sede social do clube, na avenida Silva Jardim, no bairro Aldeia, em Santarém, no oeste do Pará, uma reunião com todos os seus associados para tratar de assuntos relacionados ao planejamento do clube para o ano de 2015. 

Na ocasião, será apresentada uma proposta de reabertura do clube para os sócios-proprietários, além de discussão sobre os planos e metas do Pantera para este ano. A diretoria fará ainda a apresentação e divulgação das novas carteiras de sócio-proprietário.


Compartilhar:

OAB cobra mais segurança para advogados

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), subseção de Santarém, divulgou nesta segunda-feira (26), uma manifestação de repúdio pela morte do advogado Jakson Souza e Silva, presidente da subseção de Parauapebas, ocorrida no último sábado (24), em Manaus (AM). O assassinato teve características de assassinato e está sendo investigado pela polícia. Há duas linhas de investigação: latrocínio e queima de arquivo. A mais provável é a segunda, já que os criminosos não levaram nada da vítima. Além disso, ele estava em uma lista de pessoas marcadas para morrer em Parauapebas.

O advogado paraense foi morto por um homem que estava em uma motocicleta juntamente com outro elemento. Jakson estava na capital amazonense participando do aniversário de uma amiga, no conjunto Ajuricaba, zona oeste de Manaus, quando foi executado a tiros na porta da residência. O corpo dele chegou ao Pará nesta segunda-feira (26) e será sepultado amanhã (27). Ele deixou esposa e quatro filhos, sendo o mais novo de apenas 18 meses.

A OAB no Pará vai promover vários atos públicos a partir de Belém com a finalidade de chamar a atenção das autoridades estaduais para a onda de crimes contra advogados. De 2011 até hoje oito profissionais do Direito foram mortos de forma brutal e com características de execução no Estado.

No manifesto divulgado pela OAB em Santarém, a ordem “considera extremamente grave e preocupante a situação de insegurança pública em que se encontra a sociedade paraense, pois o que vemos diariamente é a multiplicação dos crimes contra as pessoas, sem que o Estado tome providência para o deslinde dos casos e punição dos culpados”.


No link abaixo, mais informações sobre o manifesto divulgado nesta segunda pela OAB em Santarém.

Compartilhar:

Infocentro Casa Brasil realiza aula inaugural da primeira etapa de cursos de 2015

Aproximadamente 220 alunos participaram da aula inaugural da 1ª Etapa de Cursos da CASA BRASIL, o evento aconteceu no salão ao lado da Paróquia Nossa Senhora do Rosário (Santarenzinho), na última sexta-feira (23). O evento contou com a participação de 11 presidentes de bairros da grande área do Santarenzinho, Maracanã e comunidades do Eixo-Forte, os quais fizeram questão de participar e incentivar seus moradores para iniciarem e concluírem o curso. As aulas iniciaram hoje (26/01) e se estenderão até o dia 31 de março.

Para o vereador Valdir Matias Jr. o governo municipal não mediu esforços para reativar a CASA BRASIL. “A Prefeitura compreende a grandeza do projeto para inclusão social, digital e consequentemente melhoria na qualidade de vida dos moradores daquelas áreas”, disse o vereador.

A titular da Secretaria Municipal de Planejamento e Desenvolvimento, Rosemary Fonseca, lembra que a Casa Brasil é de fundamental importância para a capacitação dos moradores grandes áreas dos bairros Santarenzinho, Maracanã e comunidades do Eixo Forte, pois todos devem estar preparados para oportunidades de emprego no Rio Tapajós Shopping e outros empreendimentos a serem instalados, que podem ser instalados ao longo da Avenida Fernando Guilhon. Segundo a secretária, ainda em abril a Casa Brasil terá mais novidades com a oferta do curso de inglês básico.

Segundo a vice-presidente do Conselho Comunitário do Santarenzinho, Edna Lima, a Casa Brasil desenvolve um trabalho comprometido no bom atendimento aos alunos, capacita-os e encaminhando-os para estágio, oferecendo assim meios que possibilitem o 1º emprego a inúmeros jovens das áreas atendidas.

O Infocentro Casa Brasil funciona de segunda a sexta-feira das 08h às 22h e faz parte do Instituto de Desenvolvimento Sustentável (IDS), que é vinculado à Secretaria Municipal de Planejamento e Desenvolvimento (SEMDE). (PMS)
Compartilhar:

MI e Sudam discutem II Semana Nacional de Desenvolvimento Regional

“Se o Brasil quer ser líder na integração latino-americana, temos de investir. E o papel das superintendências será de protagonista no processo”. Com essa afirmação, a assessora técnica da Secretaria de Desenvolvimento Regional (SDR), do Ministério da Integração Nacional (MI), Morgana Oliveira, afirmou a importância da participação da Superintendência do Desenvolvimento da Amazônia (Sudam) no processo de elaboração da Política Nacional de Desenvolvimento Regional (PNDR) e na organização da “II Semana Nacional de Desenvolvimento Regional”, que acontecerá em março deste ano, em Fortaleza. O assunto foi tratado na última sexta-feira, 23, em Belém durante visita da técnica aos diretores e coordenadores da Sudam.

A II Semana Nacional de Desenvolvimento Regional tem caráter nacional e o objetivo é reunir e mobilizar a sociedade, segmentos empresariais e as principais instituições governamentais e não-governamentais na construção de um espaço de debate e aprimoramento das políticas públicas, no estímulo ao desenvolvimento regional.

Representando o MI, Morgana Oliveira frisou que a participação das superintendências é fundamental para mostrar que o trabalho é feito em conjunto. “O Ministério tem a missão de integração nacional e não existe sem um trabalho suplementar que lhe dá suporte. A ideia é que as ações estejam sempre mais afinadas e que isso possa transparecer para a sociedade”, afirmou ela, destacando que “o objetivo é envolver todos os atores nesse espírito para a aprovação da nova Política Regional”. 

Compartilhar:

Prefeitura define ações contra hepatite A em Santarém

Após reunião na vila balneária de Alter do Chão, com a participação do Conselho Comunitário, Administração Distrital e representantes da Secretaria Municipal de Saúde (DIVISA/SEMSA) foi definida a execução de um plano com ações integradas por parte do Município, através de suas Secretarias, para sanar os casos de hepatite “A”, recentemente notificados.

Imediatamente, a Divisão de Vigilância em Saúde (DIVISA), no âmbito de suas competências, e a Unidade de Saúde da Vila de Alter do Chão trabalharão em um plano de contingenciamento. 

Nele, serão executadas as seguintes medidas: imunização contra a hepatite A em crianças menores de um ano de idade, palestras educativas à população e a comunidade escolar sobre as formas de transmissão da hepatite A, monitoramento da água para consumo humano em pontos estratégicos de Alter do Chão. 

Também será feita a coleta de material biológico em indivíduos pertencentes a grupos estratégicos para medição de IGG/HVA (anticorpos anti-HVA), além de promoção de curso de manipulação de alimentos para os profissionais do ramo e afins. Será feita ainda a distribuição de hipoclorito e orientação para o seu uso nas residências e estabelecimentos comerciais, vistoria em estabelecimentos sujeitos à fiscalização sanitária, captura de animais errantes e proibição dos mesmos no espaço da praia, além de parceria com outras Secretarias, órgãos e instituições públicas e privadas. (PMS)
Compartilhar:

MEC divulga aprovados no Sisu 2015

O Ministério da Educação divulgou na manhã desta segunda-feira (26) a primeira chamada de aprovados na edição do primeiro semestre do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) de 2015. Um total de 2.791.334 candidatos se inscreveram para concorrer às 205.514 vagas de 5.631 cursos em universidades federais e institutos tecnológicos.

VEJA OS APROVADOS NO SISU

A lista de aprovados está disponível no site do processo seletivo: sisu.mec.gov.br. O Sisu usa como critério de seleção a nota do candidato no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2014. O candidato pode consultar seu desempenho inserindo o número de inscrição no Enem e a senha de inscrição. O site permite ainda recuperar a senha do Enem.

No site do Sisu, é possível selecionar a instituição, o curso e a modalidade do turno para filtrar a lista de aprovados.

Matrícula
Os candidatos aprovados deverão fazer a matrícula nos dias 30 de janeiro, 2 e 3 de fevereiro nas instituições de ensino que oferecem as vagas, apresentando os documentos exigidos por elas e pela lei federal de cotas.

O candidato selecionado pelo Sisu deverá verificar, junto à instituição de ensino em que foi aprovado, o local, horário e procedimentos para matrícula.

Compartilhar:

Corpo de advogado assasinado em Manaus chegará hoje no Pará

O corpo do advogado Jackson Souza e Silva, presidente da Subseção Parauapebas da Ordem dos Advogados do Brasil no Pará (OAB-PA), deve chegar na tarde desta segunda-feira (26) no município de Parauapebas, sudeste paraense. Jackson foi assassinado com um tiro por um homem ainda não identificado, na noite do último sábado (24), em Manaus, no Amazonas, onde estava a trabalho.

O assassino estava em uma moto, acompanhado por outro suspeito. O homicídio aconteceu no bairro Redenção, na periferia da cidade. O corpo de Jackson deve ser velado na sede da Ordem dos Advogados do município. O sepultamento será realizado amanhã de manhã em um cemitério público da cidade.

O presidente da OAB-PA, Jarbas Vasconcelos, o conselheiro seccional, Robério d’Oliveira, e o presidente da seccional do Amazonas, Antonio Simonetti, continuam em Manaus acompanhando todos os procedimentos para apuração do assassinato do advogado. A polícia ainda não tem pistas dos acusados, que estavam em uma motocicleta e usavam capacete na hora do crime.

Segundo a OAB-PA, na tarde desta terça-feira (27), a instituição deve realizar uma manifestação em todas as subseções da Ordem no estado contra a violência. Oito advogados já foram assassinados no Pará nos últimos 4 anos.

'Marcado para morrer'

No dia 10 de janeiro do ano passado, Jackson registou um B.O. (Boletim de Ocorrência) após receber uma bilhete ameaçador enquanto estava em um restaurante.

Além disso, o advogado estaria na lista dos 'marcados para morrer', conforme uma documento divulgado pela imprensa do município. Desde 2011, sete advogados foram assassinados no Pará.

O advogado Jackson Silva deixa esposa e quatro filhos, o mais novo com apenas 18 meses de idade. No ano passado, durante a cerimônia de abertura oficial da VI Conferência dos Advogados do Pará, ele foi agraciado com a Ordem do Mérito Advocatício - a maior honraria concedida pela OAB do Pará. (ORM)
Compartilhar:

domingo, 25 de janeiro de 2015

Inscrições para o ProUni começam nesta segunda-feira

As inscrições para o Programa Universidade para Todos (ProUni) serão abertas amanhã (26). Os interessados em obter bolsas de estudo em instituições particulares de ensino superior já podem consultar na página do programa as bolsas disponíveis.

Nesta edição, o ProUni ofertará 213.113 bolsas, sendo 135.616 integrais e 77.497 parciais. As bolsas são destinadas a 30.549 cursos e distribuídas por 1.117 instituições.

As inscrições podem ser feitas até o dia 29 na página do ProUni. O candidato que se inscreveu no Sistema de Seleção Unificada (Sisu) também pode participar do ProUni.

Para se inscrever, é preciso ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2014 e obtido, no mínimo, 450 pontos na média das notas. Além disso, não pode ter tirado 0 na redação. Outra condição é ainda não ter diploma de curso superior.

As bolsas integrais são para estudantes que cursaram o ensino médio nas redes pública ou particular, na condição de bolsista integral. Também é necessário comprovar, por pessoa, renda bruta familiar até um salário mínimo e meio. Para as bolsas de 50% da mensalidade, a renda bruta familiar deve ser até três salários mínimos.

Professores do quadro permanente da rede pública de ensino, que concorrerem a cursos de licenciatura, também podem participar do ProUni. Nesse caso, não é necessário comprovar renda.

Veja a lista dos cursos com maior oferta de bolsas:

1. Administração – 22.050

2. Pedagogia – 15.562

3. Direito – 15.010

4. Ciências contábeis – 11.917

5. Engenharia civil – 8.405

6. Educação física – 8.181

7. Gestão de recursos humanos – 6.854

8. Enfermagem – 6.801

9. Psicologia – 5.307

10. Engenharia de produção – 5.284

Fonte: ABr
Compartilhar:

Pré-matrícula na rede estadual até 8 de fevereiro

Pais e estudantes devem ficar atentos ao encerramento do prazo para fazer a pré-matrícula na rede estadual de ensino. Segundo a Secretaria de Estado de Educação (Seduc), o período encerra no próximo dia 8 de fevereiro e, após o encerramento da pré-matrícula, o candidato terá cinco dias para confirmar a matrícula na escola que escolheu para estudar. A inscrição deve ser feita através do site da Seduc. 

Os estudantes têm que observar atentamente as datas, pois quem deixar de comparecer às escolas para confirmar a matrícula perderá a vaga, que será ofertada para outros candidatos. O ano letivo da rede estadual está marcado para iniciar no dia 9 de março. Os alunos do estado ainda estão tendo aulas, já que o calendário de 2014 ainda não encerrou.

A 5ª URE informa que alguns estabelecimentos de ensino devem iniciar o ano letivo no dia 9 de fevereiro. É o caso das escolas São José, São Raimundo, São Francisco, Pedro Álvares Cabral, Rio Tapajós e os anexos da escola São Felipe.

A matrícula para os estudantes que já pertencem à rede estadual de ensino é automática. A partir da divulgação dos boletins, os estudantes passam para a série seguinte.
Compartilhar:

sábado, 24 de janeiro de 2015

Chuva volta inundar Minha Casa Minha Vida em Santarém

No ano passado, exatamente no dia 29 de janeiro de 2014, uma forte chuva inundou o residencial ‘Salvação’, que está sendo construído na rodovia Fernando Guilhon, em Santarém, no oeste do Pará. As casas foram invadidas pelas águas da chuva e um grande rio de lama se formou e desaguou no lago do Juá, manancial bastante afetado desde o início da construção deste empreendimento, cuja obra foi iniciada em 2012, no governo da ex-prefeita Maria do Carmo Martins, através do programa federal Minha Casa Minha Vida. Quase um ano depois da chuva que provocou a grande inundação, o conjunto volta a ser castigado pelas chuvas que caem desde o início da semana. Na sexta-feira (23), a forte chuva voltou a provocar alagamentos e deixou as moradias debaixo d’água. Fotos e vídeos divulgadas nas redes sociais mostram que o mesmo problema ocorrido há quase um ano voltou a se repetir, evidenciando a falta de investimentos da empresa responsável para conter possíveis danos à obra, sobretudo quando chove na região.

Em fevereiro de 2014, após a inundação do conjunto, a construtora EmCasa, responsável pela obra, chegou a ser multada em R$ 1.920.000, pelos danos ambientais causados ao lago do Juá. À época, a obra foi parcialmente embargada e a empresa obrigada a apresentar à Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Semma), ações que pudessem evitar novos estragos ao conjunto e, sobretudo, as casas, que possivelmente já até estejam com suas estruturas afetadas.

Na semana passada, o órgão ambiental divulgou o parecer técnico das obras do conjunto habitacional. No documento, a Semma informou que ‘após vistoria realizada e análise dos documentos apresentados, a área destinada para a execução da atividade deverá passar por medidas mitigadoras e corretivas, a fim de minimizar impactos ambientais’.

De acordo com o Secretário de Meio Ambiente, Podalyro Neto, a empresa cumpriu com a execução do projeto de drenagem profunda, mas devido às primeiras chuvas houve obstrução das tubulações. “O projeto foi executado, mas precisa ser feito o trabalho de manutenção urgente para evitar um maior impacto, principalmente como o que ocorreu no ano passado no Lago do Juá”, disse o secretário.

A Semma já informou que não vai emitir Licença de Operação (LO), sem o cumprimento das medidas de drenagem profunda, abastecimento de água, esgotamento sanitário e arborização.

Segundo o parecer, existem tubulações de drenos que realizam a captação dos efluentes líquidos pluviais em declividade baixa, que facilita o acúmulo e infiltração da água da chuva, propensas a erosões e escorregamentos. 


Compartilhar:

Vestibular da Ufpa: confira o listão dos aprovados

A Universidade Federal do Pará (UFPA) divulgou neste sábado (24), o listão dos aprovados no Processo Seletivo 2015 (PS 2015). O critério de seleção da universidade foram as notas do Exame Nacional de Ensino Médio (Enem) de 2014.

Este ano o curso mais concorrido entre os candidatos na condição de cotista foi o curso de Educação Física, com 161,47 inscritos para 38 vagas no campus Guamá. O segundo mais concorrido foi Serviço Social noturno, em Belém, apresentando 128.63 para 32 vagas ofertadas. O curso de Administração matutino ficou em terceiro lugar dentre os cotistas, com 104.13 para 32 vagas.

CONFIRA O LISTÃO DOS APROVADOS DA UFPA EM 2015

Educação Física também foi o curso mais concorrido para os candidatos que optaram concorrer a uma vaga na condição de não-cotista. O curso apresentou uma demanda de 52.26 na relação candidato por vaga. Em segundo lugar, com 41.72 pessoas por vaga ficou Medicina. Em seguida ficou Psicologia, com uma demanda de 38.83 candidatos por vaga.

Em 2015, a UFPA ofertou cinco novos cursos na área de tecnologia: Ciência e Tecnologia, Engenharia de Materiais e Tecnologia de Geoprocessamento, em Ananindeua; Engenharia Ferroviária e Logística, em Belém; e Engenharia de Exploração e Produção de Petróleo, em Salinópolis. (ORM)
Compartilhar:

Portaria da Semma define procedimentos para realização de eventos

A Secretaria Municipal de Meio Ambiente divulgou Portaria de nº 001/2015, que dispõe sobre os procedimentos para pedidos de autorização ambiental para realização de eventos no Município. O objetivo é dar agilidade nos procedimentos e maior segurança jurídico-administrativa, além de cumprir o que determina o artigo 43, da Lei Municipal 17.894/2004 (Código Ambiental de Santarém) onde “todo empreendimento ou atividade está sujeito ao licenciamento pelo órgão competente”.

De acordo com o advogado do setor jurídico da SEMMA, Walber Leão Serrão, todo e qualquer evento de interesse público ou privado, deverá ser protocolado com antecedência mínima de 10 dias, conforme a Portaria Nº 020/2014.

“O objetivo é dar publicidade a Portaria anterior, na qual ela dispunha sobre os procedimentos enquanto pedidos de autorização de eventos. Esses pedidos serão analisados não só pela fiscalização ambiental, mas pelo licenciamento ambiental e o núcleo jurídico da Secretaria, para posterior análise do secretário municipal de Meio Ambiente, quanto à emissão ou não da licença. Se emitida com condicionantes ou não e se negadas com fundamento legal da negatória do pedido”, explicou.

O descumprimento da Portaria prevê sanções previstas na Lei 9.605/98, de Crimes Ambientais. (PMS)
Compartilhar:

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

Carnaval 2015: 12 blocos devem fazer a festa na orla de Santarém

Nesta quinta feira (23), a Prefeitura de Santarém, através da Secretaria Municipal de Cultura (SEMC), e diretores da Associação das Agremiações Carnavalescas (Asac) e Liga Independente de Blocos de Empolgação (Libes) anunciaram a programação para o Carnaval 2015.

Na cidade, a festa popular será realizada de 13 a 17 de fevereiro na Orla de Santarém. No distrito de Alter do Chão os blocos desfilam de 14 a 17, na Praça do Çairé. Na frente da cidade, Asac e Libes levarão para a quadra carnavalesca 05 blocos de enredo e 07 blocos de empolgação. A Secretaria de Cultura aguarda a ordem do desfile bem como se haverá disputa entre os blocos, decisões que serão tomadas por diretores de agremiações.

De acordo com o titular da pasta, secretário Nato Aguiar, “a programação foi feita e consenso com representantes das instituições carnavalescas. A Prefeitura é responsável pela estrutura da festa (arquibancada, palco, som e trio elétrico), e as entidades carnavalescas, administram os blocos e gerenciam o espaço”.

Questões relacionadas à segurança serão definidas em parceria com instituições de segurança públicas e anunciadas na próxima semana.

Programação: Carnaval 2015

Orla da cidade
13/02 - Feira do Abadá
Praça do Pescador
Horário: 19h às 23h

14/02 – Desfile da (Asac)
Orla
Horário: 19h às 02h

15/02 – Desfile (Libes)
Orla
Horário: 19h às 02h

16/02 – Carnavelhinho
Local: Praça do pescador
Horário: 18h às 23h

17/02 – Asac e Libes
Horário: 19 horas às 02 horas

Alter do Chão – Praça do Çairé
14/02
Horário: 20h às 01h

15/02
Horário: 17h às 01h

16/02
Horário: 17h às 01h

17/02
Horário: 17h às 01h

Fonte: PMS
Compartilhar:

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Inscrições para o MPU começam nesta sexta-feira

Começa nesta sexta-feira (23), o período de inscrições para o concurso público do Ministério Público da União (MPU). Ao todo, serão ofertadas 25 vagas e formação de cadastro reserva, nas funções de técnico (22) e analista (3), de 2º e 3º graus, respectivamente.

As remunerações variam entre R$ 5.007,82 a R$ 8.178,06.

Os aprovados no concurso, poderão atuar nos Estados do Amazonas, Amapá, Bahia, Espírito Santo, Mato Grosso, Pará, Piauí, Paraná, Rio de Janeiro, Rondônia, Rio Grande do Sul, São Paulo e Distrito Federal.

As inscrições podem ser feitas até o dia 11 de fevereiro, no site da organizadora do certame: www.cespe.unb.br. O valor da taxa é de R$ 140.
Compartilhar:

MPF contesta Funai e insiste na demarcação da Terra Indígena Sawré Muybu

O Ministério Público Federal no Pará (MPF/PA) apresentou contestação ao Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), em Brasília, para que a Fundação Nacional do Índio (Funai) seja obrigada a dar prosseguimento ao processo de demarcação da Terra Indígena Sawré Muybu, dos índios Munduruku, em Itaituba, nordeste do Pará. O território será alagado em caso de construção da usina hidrelétrica São Luiz do Tapajós e o reconhecimento dele é crucial para que os direitos dos índios sejam reconhecidos no licenciamento da barragem.

O MPF havia obtido, na Justiça Federal de Itaituba, uma liminar obrigando a Funai a dar prosseguimento à demarcação, mas o TRF1 concedeu efeito suspensivo (uma suspensão temporária até o julgamento dos recursos), paralisando novamente o procedimento, que já ultrapassou a fase mais custosa, que é o trabalho de identificação e delimitação. A próxima etapa deveria ser a publicação do Relatório Circunstanciado de Identificação e Delimitação (RCID), um passo procedimental sem custos significativos para o governo.

Mesmo assim, a Funai alegou, para pedir a suspensão, que não poderia prosseguir a demarcação por questões de planejamento e custos. Para o MPF, o argumento não se sustenta. “Ao contrário, economia maior se realizaria se houvesse a efetiva assinatura e publicação do RCID. Afinal, grandes gastos de recursos públicos já ocorreram na contratação e manutenção dos trabalhos do Grupo Técnico (que fez os levantamentos de campo que resultaram no relatório). Publicar o resultado deste trabalho não implica gasto público. Em outras palavras, não publicar o RCID representa elevados gastos públicos”, diz o recurso assinado pelos procuradores Janaina Souza e Camões Boaventura.

Compartilhar:

Papa Xibé apresenta Acarajé de Jesus neste fim de semana

A Comissão de Formatura do curso de Antropologia 2011 da Ufopa e o Grupo de teatro e Pesquisa Papá Xibé apresentam neste final de semana em Santarém, o espetáculo Acarajé de Jesus. Escrita em 2010 por Diego Alano Pinheiro, a peça foi inspirada em uma história real na Bahia. O espetáculo foi apresentado pela primeira vez em 2013 na Mostra de Teatro de Santarém. 

A apresentação do espetáculo ocorrerá nos dias 24 e 25 de janeiro, em duas sessões, às 18 horas e às 20 horas no Teatro Victória.

Sobre o espetáculo: O Pastor Oséias está com vontade de comer acarajé, mas acredita que o acarajé feito pelas baianas é amaldiçoado, além disso, ele crê que Jesus teria comido acarajé e dividido para seus discípulos no milagre da multiplicação. Então um dia numa sessão do descarrego, ele convoca Tânia, a irmã mais exemplar da sua igreja para aprender a fazer acarajé. Mas para isso, ela precisa ir no terreiro de Candomblé, fingindo que é baiana. O que acontece depois? Só assistindo a essa comédia nordestina.

A recomendação do espetáculo é livre e sem preconceito religioso.

Fonte: Divulgação
Compartilhar:

Pesquisador alerta para a mortandade de peixes na UHE Teles Pires

Milhares de peixes morrerão no lago da Usina Hidrelétrica de Energia (UHE) Teles Pires, no município de Paranaíta (860 km ao Norte de Cuiabá), devido à supressão vegetal (retirada da biomassa na área a ser alagada) não ter sido feita corretamente. O alerta é do biólogo e pesquisador do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) Philip Fearnside.

“Com a estratificação da água no lago, com muito material verde se decompondo, a morte de peixes será inevitável. Os peixes são sensíveis à falta de oxigênio, que é o que ocorrerá com a água desse represamento”, falou Fearnside, em entrevista por telefone ao Olhar Direto.

A reportagem sobrevoou a usina neste domingo à tarde e constatou (conforme as imagens) que não foi feita a completa retirada de árvores e galhadas derrubadas nas áreas impactadas pelo represamento. Em alguns trechos, nota-se, inclusive, que a inundação está atingindo floresta em pé – denunciando que o serviço foi feito ‘pela metade’.

O pesquisador Philip, que acompanha os impactos ambientais da UHE Teles Pires desde o seu licenciamento, estima que mais de 50% da biomassa não foi retirada. “A usina não cumpriu as condicionantes ambientais. E do ponto de vista da empresa, ela foi autorizada pelo Ibama a encher o lago e fez isso o mais rápido possível”, comentou Fearnside, que também é membro da Academia Brasileira de Ciências.

Em um artigo publicado no dia 12 de janeiro de 2015 no portal Amazônia Real, o biólogo aponta que um parecer do Ibama relata os resultados de simulações realizadas pelos proponentes, indicando que, após o enchimento, com exceção do período de maior vazão (janeiro, fevereiro e março), a água seria estratificada e essencialmente sem oxigênio em todas as partes do lago analisadas. “O parecer do Ibama recomenda que a empresa hidrelétrica escolha locais apropriados para cavar valas para enterrar grandes quantidades de peixes mortos”, pontua o pesquisador.

A Licença de Operação (LO) foi expedida pelo Instituto Brasileiro de Meio Ambiente no dia 19 de novembro de 2014. Desde então, a UHE Teles Pires ficou livre para fazer o enchimento do lago. E isso foi feito rapidamente. Ontem (18 de janeiro), em um voo sobre a usina, já foi possível constatar que a represa está praticamente cheia, com seu vertedouro eliminando a água excedente.

Para o pesquisador, o que está sendo feito nas usinas em território amazônico, como a Teles Pires, em Mato Grosso, e a Belo Monte, no Pará, “mancham ainda mais a imagem do Brasil perante a comunidade internacional”.

Compartilhar:

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Aces discute com Celpa problemas no fornecimento de energia em Santarém

A Diretoria Executiva e associados da Associação Comercial e Empresarial de Santarém (ACES) reúnem nesta quinta-feira (22), às 9 horas, no auditório Mário Mendes Coimbra, com o presidente da Celpa, Nonato Castro, para tratar sobre os problemas ocorridos na Distribuição de Energia Elétrica em Santarém, além de apresentar as reclamações dos consumidores em relação às insuficiências do serviço na cidade.

O presidente da Celpa apresentará o balanço dos dois anos do grupo Equatorial a frente da Celpa.

Fonte: Ascom/Aces
Compartilhar:

Sespa orienta municípios sobre campanhas de prevenção à hanseníase

No próximo domingo, 25, prédios públicos de relevância turística dos municípios paraenses estarão liberados para promover projeções de luzes nas cores marrom, vermelho e bege, que representam os tons das manchas provocadas pela hanseníase, alvo da campanha lançada nesta quarta-feira, 21, pelo Ministério da Saúde, com o objetivo de mobilizar profissionais da área, gestores e a população em geral em favor do diagnóstico precoce da doença, que tem tratamento gratuito oferecido pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Com o tema “Hanseníase: quanto antes você descobrir, mais cedo vai se curar”, a campanha de 2015 ganhará força no Pará, um dos cincos Estados brasileiros - incluindo Mato Grosso, Maranhão, Tocantins, Rondônia e Goiás - com municípios onde há maior prevalência de casos, condição atribuída às buscas ativas realizadas pelas edições de 2013 e 2014 da Campanha Estadual de Combate à Hanseníase, Geoelmintíase e Tracoma, incentivadas pela Secretaria de Estado de Saúde do Pará (Sespa) e Ministério da Saúde, e executadas pelas secretarias municipais de Saúde e de Educação. O objetivo tem sido identificar os casos suspeitos das doenças em estudantes de escolas públicas, na faixa de 5 a 14 anos, e em pessoas das comunidades atendidas por elas.

Há dois anos, 61 municípios prioritários promoveram a campanha. No ano seguinte, em 2014, a adesão foi de 111 municípios, a partir de uma mobilização lançada em Marabá, sudeste paraense, no mês de agosto. Os profissionais das unidades básicas de saúde e da educação dos municípios elencados no Pará realizaram a campanha de busca ativa dos casos de hanseníase e de tratamento quimioprofilático de geohelmintíases em escolares. Desde então, 146 casos novos de hanseníase foram detectados entre estudantes no Pará. A terceira edição da campanha deve acontecer no início de agosto.

Nos últimos cinco anos, o número de registros da hanseníase vem diminuindo no Pará. Os municípios mantêm a busca ativa por meio de estratégias como campanhas educativas e de busca de sintomáticos dermatológicos na população geral. Em 2013 o número de casos novos registrados no Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SinanNet) foi de 3.310, apresentando um coeficiente de detecção hiperendêmico de 41,38 casos para cada grupo de 100 mil cidadãos e 18,83 para cada 100 mil habitantes na população menor de 15 anos, equivalente a 13,8% dos casos novos detectados. Os dados completos de 2014 só devem ser divulgados em março deste ano. Segundo o governo federal, a hanseníase é uma doença endêmica no país em decréscimo desde 2003. 

Compartilhar:

Rio Tapajós Shopping doa central de ar ao 3º BPM

A direção do Rio Tapajós Shopping doou ao comando do 3º Batalhão de Polícia Militar (3º BPM), uma central de ar condicionado. 

A entrega foi feita pelo gerente de segurança do shopping, Cristiano Leite, ao comandante da PM em Santarém, tenente coronel André Carlos Paulo de Oliveira. A entrega ocorreu nesta quarta-feira (21).
Compartilhar:

Defensoria Pública da União chega finalmente a Altamira, 3 anos após início das obras de Belo Monte

Seis defensores públicos da União e quatros servidores chegam a Altamira nesta terça-feira (20). No momento em que milhares de famílias estão negociando a saída de suas casas para dar lugar ao reservatório da usina de Belo Monte, a Defensoria Pública será a única opção de assistência jurídica gratuita às pessoas que não podem pagar pelos serviços de um advogado na cidade

Seis defensores públicos da União e quatros servidores chegam a Altamira nesta terça-feira (20). No momento em que milhares de famílias estão negociando a saída de suas casas para dar lugar ao reservatório da usina de Belo Monte, a Defensoria Pública será a única opção de assistência jurídica gratuita às pessoas que não podem pagar pelos serviços de um advogado na cidade.

Os defensores chegam em caráter itinerante e emergencial. O advogado Francisco de Assis Nascimento Nóbrega, que coordenará a ação, afirmou que a equipe deve permanecer somente até o final de abril.

A Defensoria Pública da União (DPU) decidiu vir a Altamira após participar de uma audiência pública convocada pelo Ministério Público Federal no fim do ano passado para promover reajustes nos programas de reassentamento, executados pela Norte Energia, empresa responsável pelo projeto.

A audiência escancarou falhas no reassentamento, como analfabetos que assinaram documentos em branco e atingidos que gravaram propaganda para a Norte Energia recebendo a promessa de uma casa nova, mas continuam sem moradia. Além de ribeirinhos e indígenas que perderam suas casas na cidade e disseram não estar sequer no cadastro de atingidos

“A Defensoria Pública da União tomou conhecimento da violação de direitos, principalmente com os indígenas, na audiência pública e decidiu imediatamente enviar uma equipe em caráter emergencial”, afirmou Nóbrega, que faz parte do Grupo de Trabalho Indígena da DPU.

A população atingida por Belo Monte, na região de Altamira (PA), que abriga a maior obra civil em andamento no país, não contava com apoio jurídico da Defensoria Pública da União (DPU) nas negociações entre o empreendedor e as mais de oito mil famílias que terão as suas casas atingidas pela barragem que está sendo erguida nas águas do Rio Xingu.

Algumas das 4.100 casas previstas já estão construídas nos novos bairros de Altamira, mas as relocações acontecem a passos lentos e o número de casas entregues não chegou a 30%.

Na semana que passou, o Ministério Público do Pará (MPF) comunicou que abriu procedimento investigativo sobre a situação de ribeirinhos, pescadores e indígenas que usam moradias sazonais na periferia de Altamira, mas não estão sendo contemplados pelo reassentamento. Estes problemas estão entre as reivindicações do movimento que bloqueou a rodovia Transamazônica na semana que passou, impedindo a passagem de veículos para as obras da usina. Os manifestantes reivindicam ser reassentados em áreas próximas ao rio, de onde tiram a subsistência. Após três dias de protesto, eles suspenderam o bloqueio, mas ainda não tiveram as reivindicações atendidas.

Compartilhar:

Sinimbu assume Saúde em Santarém

Está confirmada para esta quinta-feira (22), a posse do novo secretário municipal de Saúde de Santarém, no oeste do Pará. O médico Valter Pinheiro Sinimbu tomará posse do cargo em solenidade que ocorrerá às 9 horas, no auditório do Centro Municipal de Informação e Educação Ambiental (CIAM), localizado na avenida Adriano Pimentel, nº 296 – Centro.
Compartilhar:

DESTAQUE:

Agentes prisionais facilitavam entrada de celular, bebidas e drogas na penitenciária de Cucurunã

Os agentes prisionais  Rafael Efigênio Rocha e Abraão Neto,  lotados no Centro de Recuperação Agrícola ‘Silvio Hall de Moura’, em Cucur...

Publicidade:

Publicidade:

Quem somos

O Blog Quarto Poder está no ar desde: 23/02/2007

O Quarto Poder é um blog jornalístico voltado para divulgação de notícias de interesse público.

Artigos e crônicas assinados são de responsabilidade de seus autores e nem sempre refletem a opinião do Blog.

Jornalistas Responsável:

Renata Rosa

Fale com a gente:

Contatos: (93) 98128-1723 - 99131-2444

E-mails: m_santos1706@hotmail.com / m_santos170676@hotmail.com

FALE CONOSCO:


Quarto Poder

Marcadores

Blog Archive

PUBLICIDADE: