segunda-feira, 30 de abril de 2018

Banco da Amazônia lança novo edital de pesquisa 2018


O Banco da Amazônia está publicando uma segunda-feira, dia 30, o seu novo. Traz como novidade neste ano o incentivo à pesquisa de instituições públicas e privadas na área de dados grandes e análise de dados, bioprodução e bioeconomia, nanotecnologia e produtos inteligentes, dentro da linha de dados Indústria Avançada. As outras linhas incentivadas são: Agricultura e agronegócio; Restauração de ecossistemas ou vinculados ao Programa Brasileiro de Agricultura de Baixo Carbono; e Desenvolvimento de cidades sustentável.

As candidaturas estão voltadas para a inovação, a busca pela superação de escassez de informações científicas e, também, para os interesses de negócios do Banco e do desenvolvimento regional. De acordo com o presidente do Banco da Amazônia, Valdecir Tose, com a iniciativa pretende-se ampliar o conhecimento sobre a Amazônia e sobre o uso sustentável da biodiversidade da região. “As empresas poderão contribuir para o desenvolvimento de novas economias tecnológicas e econômicas, de forma a alavancar os mercados regionais, e estimular a implementação de agroindústrias e agrupamentos de produtos na área de mercado-mercado”.

Essa é uma segunda vez que o Banco lança edital de pesquisa. O último foi publicado em 2015 e contemplou 18 projetos dos nove Estados que compõem uma Amazônia Legal. Neste ano, foram incluídas 218 propostas, sendo 5% do estado do Acre, Amazonas (11%), Amapá (5%), Maranhão (3%), Mato Grosso (14%), Pará (38%), Rondônia (11%). %), Roraima (3%) e Tocantins (10%). O grupo de pesquisa que mais se destacou foi o de Recursos Naturais e Meio Ambiente com 32% do Pleito, seguido da Agricultura com 26%.

De 1999 até o ano de 2017, o Banco da Amazônia financiou 389 projetos de pesquisa, com recursos na ordem de R $ 28,6 milhões. O apoio do Banco para o desenvolvimento da região na fronteira com a expansão do poder aquisitivo é de 1,5% das liberações para o fim do Fundo de Investimento da Amazônia (FINAM). ). Em 2004, o Banco iniciou uma campanha de recursos próprios na área, culminando com o lançamento, em 2015, do Edital de Seleção Pública de Pesquisa Científica e Tecnológica, que agora conquistou segunda-feira. No total, uma Instituição contabiliza 389 projetos apoiados, com parcerias com mais de 40 instituições da Amazônia Legal.

Um deles é doutorado em Salomão, do Museu Paraense Emílio Goeldi (MPEG), em Belém do Pará. Responsável por um dos 18 projetos contemplados no Edital de Pesquisa 2015 do Banco da Amazônia, o pesquisador foi selecionado com o projeto “Desenvolvimento e Disponibilização de Livre Acesso a Software para Restauração de Áreas Degradadas de Reserva Legal (ARL) e de Preservação Permanente (APP ) na Amazônia ”, em novembro passado.

Realizado em parceria com a Universidade Federal do Pará (UFPA), a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA) e a Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA), o projeto de Rafael Salomão permitiu a criação de um software que torna-se possível a seleção de espécies arbóreas para a restauração de áreas degradadas na região. “Na COP-21, Conferência da ONU sobre Mudanças Climáticas, o Brasil comprometeu a retomar os 12,5 milhões de hectares, sendo 4 milhões apenas sem bioma Amazônia, tendo sido este confirmado na COP-23. Com o mesmo exercício que pode ser selecionado como espécies madeireiras e não-madeireiras, mais livre esse processo de restauração. E a contribuição do Banco da Amazônia foi muito oportuna para a au- ture this design and development software ”, enfatiza Rafael Salomão.

O Banco da Amazônia tem feito o mesmo com os editais publicados na segunda-feira e já disponível no site institucional do Banco. A iniciativa pretende dar maior visibilidade e processo de sociedade. O edital de renda é o tipo de investimento financeiro, obedecendo ao seguinte cronograma: de 30 de abril a 31 de maio de 2018 ocorre o período de divulgação e inscrição de propostas, de 1º de junho a 5 de julho acontece como análise das propostas inscritas, e até 16 de julho a divulgação das propostas selecionadas. A recepção de proposta para o Edital 2018 será individual, contando um artigo de avaliação por um pesquisador ou grupo de pesquisadoras públicas ou privadas de ensino superior e / ou pesquisa. Confira os detalhes no site institucional do Banco é www.bancoamazonia.com.br.

Fonte: Ascom/Banco da Amazônia
Compartilhar:

0 comentários:

Amazônia Protege

DESTAQUE:

Celpa inicia Mega Operação para o Çairé 2018

Os trabalhos são preventivos e visam oferecer mais qualidade e segurança na energia oferecida aos moradores da vila de Alter do Chão A a...

Publicidade:

Publicidade:

Quem somos

O Blog Quarto Poder está no ar desde: 23/02/2007

O Quarto Poder é um blog jornalístico voltado para divulgação de notícias de interesse público.

Artigos e crônicas assinados são de responsabilidade de seus autores e nem sempre refletem a opinião do Blog.

Jornalistas Responsável:

Renata Rosa

Fale com a gente:

Contatos: (93) 98128-1723 - 99131-2444

E-mails: m_santos1706@hotmail.com / m_santos170676@hotmail.com

FALE CONOSCO:


Quarto Poder

Marcadores

Blog Archive