segunda-feira, 30 de abril de 2018

Prefeito Nélio Aguiar recebe e parabeniza cineasta santareno Emanoel Loureiro


O prefeito de Santarém Nélio Aguiar recebeu na tarde desta segunda-feira, 30, em seu gabinete o cineasta santareno Emanoel Loureiro, produtor do curta-metragem "Covato - Desenterre seus segredos". A produção que vai participar de vários festivais nacionais e até internacionais já foi lançada na sexta-feira, 27, no Cristo Rei - Centro de Artesanato do Tapajós e no sábado, 28, exibida no Terminal Fluvial Turístico (TFT).

O gestor santareno parabenizou Loureiro e lembrou que seu trabalho carrega o nome e parte da cultura de Santarém.

"Parabenizo pelo excelente trabalho e ao mesmo tempo agradeço por está divulgando a história e o nome de Santarém pelo Brasil e pelo mundo. Vamos está na torcida para que traga essa merecida premiação", disse o prefeito Nélio Aguiar, acrescentando que o filme recebe apoio da Prefeitura Municipal por meio das Secretarias de Cultura e de Turismo.

Covato é um gênero dramático que se inspira em fatos reais que aconteceram em Santarém na década de 70. A produção conta a história de um coveiro que foi preso por cometer crimes vilipendiosos em cadáveres.

O diretor fala das dificuldades de se fazer um filme de época nos dias atuais. "Tive grandes dificuldades na filmagem desse curta, devido a vários fatores. Mas o maior mesmo, foi ser um filme de época, onde carros antigos, roupas, acessórios e objetos de cena tinham que retratar com fidelidade os anos 70", lembra Loureiro.

"Covato - Desenterre seus segredos"

Em 1977, o coveiro Antonio das Chagas é flagrado fazendo algo repugnante no cemitério da cidade de Santarém. Seu passado e presente são marcados por segredos inconfessáveis e sua prisão traz à tona antigos costumes do sistema penal brasileiro. Inspirado em fatos reais.

Acontecimentos reais acontecidos em Santarém e região são abordados no curta-metragem ficcional com duração de 15 minutos, com tensão e humor negro. Uma produção independente e solitária do realizador Emanoel Franklin Loureiro, que demorou quatros anos para ser concluída.

Por se tratar de um enredo de época, situado na década de 70, com locações por vezes muito distantes, todo o processo acabou sendo difícil e lento. Com ajuda de efeitos visuais de computador, a atmosfera antiga e alguns problemas técnicos de filmagem, conseguiram ser transpostos. Ressaltamos que todos os artistas envolvidos na produção são locais. (PMS)
Compartilhar:

0 comentários:

DESTAQUE:

Navio-hospital Abaré retoma atendimento às comunidades ribeirinhas

Após quase um ano sem fazer viagens, o navio-hospital Abaré está nas águas novamente, na região do rio Arapiuns, com uma equipe de saúde pa...

Publicidade:

Publicidade:

Quem somos

O Blog Quarto Poder está no ar desde: 23/02/2007

O Quarto Poder é um blog jornalístico voltado para divulgação de notícias de interesse público.

Artigos e crônicas assinados são de responsabilidade de seus autores e nem sempre refletem a opinião do Blog.

Jornalistas Responsável:

Renata Rosa

Fale com a gente:

Contatos: (93) 98128-1723 - 99131-2444

E-mails: m_santos1706@hotmail.com / m_santos170676@hotmail.com

FALE CONOSCO:


Quarto Poder

Marcadores

Blog Archive