Últimas Notícias

Encontro de Negócios tem a participação do empresariado do Oeste do Pará


Será nesta quinta-feira (10), em Juruti, o 2º Encontro de Negócios, com a participação de empresas e produtores rurais do Oeste do Pará. O evento será realizado a partir das 8 horas, no Clube Chapéu de Palha, por meio de uma parceria entre Alcoa, Associações Comerciais e Empresariais de Santarém e Juruti (ACES e ACEJ) e Programa de Desenvolvimento de Fornecedores (PDF), da Federação das Indústrias do Estado (FIEPA).

Na ocasião os empresários da região poderão conhecer os produtos e serviços que serão demandados pela Alcoa e suas contratadas na fase de montagem industrial da mina de bauxita, em Juruti. Já os produtores rurais da região foram convidados para fortalecerem a relação com os grupos supermercadistas e empresas de alimentação de Juruti e Santarém.

A iniciativa, segundo Olavo Bastos das Neves, presidente da ACES, é de suma importância, uma vez que aproxima os grandes compradores dos fornecedores locais, mostrando as oportunidades criadas com os grandes empreendimentos.

Olavo destaca ainda a presença do PDF na região como um grande avanço no processo de desenvolvimento econômico, já que proporciona às empresas uma visão moderna de gestão, o que possibilita uma crescente qualidade nas empresas abraçadas pelo programa.

Para Mauricio Macedo, gerente de Sustentabilidade e Assuntos Institucionais da Alcoa Mina de Juruti, não está sendo implantado apenas um projeto de mineração no município, pois também se viabilizam meios para que as empresas se tornem fortes e promovam o desenvolvimento econômico do município onde estão instaladas.

Os números apresentados mostram o comprometimento da Companhia com os fornecedores paraenses. Até o mês de fevereiro, a Alcoa Mina de Juruti havia investido cerca de R$ 43 milhões em compras de fornecedores de Juruti e mais de R$ 107 milhões com fornecedores do Oeste do Pará. Ainda por conta da presença da Alcoa e suas contratadas em Juruti, desde o início da implantação do empreendimento até o mês de fevereiro, a Prefeitura Municipal recolheu R$ 19, 9 milhões em Imposto Sobre Serviços (ISS).


Postar um comentário

0 Comentários