Últimas Notícias

Celpa e Vivo lideram reclamações no Procon


De acordo com o relatório semestral de reclamações do Procon em Santarém, a concessionária de energia elétrica Celpa é disparada a empresa mais denunciada pelos consumidores santarenos. E as reclamações não param de chegar. De janeiro a junho deste ano, a Celpa acumulou 46 queixas de clientes insatisfeitos com o seu serviço. Nos últimos dias, as constantes falhas no fornecimento de energia elétrica no município contribuíram para que este índice de rejeição se elevasse ainda mais. 

Quase que diariamente falta energia em algum ponto da cidade sem que a empresa justifique sua inoperância ou faça o ressarcimento dos prejuízos causados aos clientes. Na sede do Procon, consumidores indignados com a empresa reclamam também da demora no atendimento através do 0800, que também é inoperante. As principais queixas estão relacionadas à cobrança indevida e danos em equipamentos ocasionados pela suspensão abrupta no fornecimento de energia.

Outra empresa que é recordista absoluta e está sempre no topo da lista negra do órgão de defesa do consumidor é a operadora de telefonia móvel Vivo. Até o mês de junho, a empresa recebeu 20 reclamações de clientes, que se dizem indignados com as cobranças abusivas e com o péssimo serviço prestado pela telefonia. De uns dias para cá, a Vivo caiu em desgraça junto aos seus milhares de usuários em Santarém. 

As reclamações se acumulam no Procon por causa da inoperância do sistema da operadora, que apresenta falhas em todos os seus serviços. Entre as queixas mais comuns estão, a interrupção nas chamadas, falha no envio de mensagens e dificuldade de acesso à internet, além de consumo indevido dos créditos e bônus dos clientes. Ninguém da empresa quis falar sobre o assunto até o momento.

Na lista de reclamações do Procon aparecem também instituições bancárias, lojas de departamentos, concessionárias de carros e motos, além de operadoras de cartões de créditos. No primeiro semestre de 2011, o Procon registrou 584 queixas de clientes. Deste total, 299 dos casos foram resolvidos em favor dos clientes. Apenas oito deixaram de ser resolvidos. Encontram em andamento no órgão 230 procedimentos contra empresas, que tratam o consumidor com total desrespeito. O Procon também encaminhou 47 casos para o Juizado.

Veja a relação dos tops em reclamação junto ao Procon no primeiro semestre deste ano:

Celpa – 46; LG aparelhos celulares – 28; Vivo e Banco do Brasil – 20; Itaú – 19; Y. Yamada – 15; Multimarcas Consórcio – 12.

Postar um comentário

0 Comentários