Pular para o conteúdo principal

Marco Feliciano ordena prisão de manifestantes em Santarém



Um pequeno grupo de manifestantes, que tentou bradar contra a presença do deputado Marco Feliciano, pastor evangélico e presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara de Deputados, que participou ontem (29), na orla da cidade, em Santarém (PA), de um evento da igreja Assembleia de Deus, foi repreendido com brutalidade pela Polícia Militar. Seguranças contratados pela igreja começaram a agressão contra moças e rapazes, que sofreram violência e ainda foram vítimas da truculência policial. Três jovens foram detidos por perturbação e resistência a prisão. Outros sofreram lesões causadas pelas agressões dos policiais. A polícia também usou spray de pimenta para dispersar os manifestantes.

Os jovens detidos pela PM faziam parte do pequeno grupo de manifestantes, na maioria estudantes universitários, que se opõem contra Marco Feliciano pelas recentes declarações homofóbicas feitas por ele.

Quando fazia sua pregação, o pastor Marco Feliciano avistou a bandeira colorida do grupo e se dirigiu à PM com a seguinte frase: “Eu queria saber onde estão os policiais que estão aqui? Tem uma bandeira do movimento LGBT sendo sacudida e essas pessoas estão atrapalhando o culto. Isso é proibido pela lei! Essas pessoas podem sair daqui presas e algemadas agora!”, determinou.

E foi a partir desta determinação que a confusão se generalizou com os seguranças contratados pela igreja Assembleia de Deus agredindo os manifestantes. A PM interveio, porém, com muita truculência. Os meganhas usaram cassetetes contra os estudantes, que apenas estavam ali para se posicionar contra um parlamentar, presidente de uma das mais importantes comissões da Câmara Federal, que faz declarações racistas contra homossexuais.

De acordo com as vítimas agredidas, os seguranças usaram armas de choque contra os manifestantes. Muitos deles estão com hematomas pelo corpo. Vale ressaltar que esses 'seguranças' não têm formação adequada para utilizar esse tipo de armamento e nem revistar a bolsa das pessoas como ocorreu.

A advogada dos manifestantes, Juliane Fontinele, informou que as agressões começaram da parte dos seguranças contratados pela igreja. “A segurança do local repetidamente agrediu. Num primeiro momento a polícia teria reagido de forma correta, depois com o Marco Feliciano dando o aval para que as pessoas fossem presas e saíssem de lá algemadas porque estavam cometendo crime e fazendo apologia aí foi quando o policiamento se desequilibrou e tentou conter o que não tinha para conter”, destaca.

Por sua vez, a advogada Eyceila Menezes, da Assembleia de Deus, disse que a igreja não vai proceder contra os manifestantes.

Os jovens Renan Luis, Pedro George e Gean Miranda foram apresentados na delegacia e enquadrados na forma da lei por perturbação da ordem pública e resistência à prisão.

Comentários

Anônimo disse…
Rapaz,.... ainda to tentando restabelecer a respiração, recuperar o fôlego. E tecer qualquer comentário. Não é possível digerir mais uma vez a postura DESPREPARADA DA POLÍCIA do Pará. Nem a dos nobres seguidores do todo poderoso. Tire primeiro a trave se seu olho pra depois falar do cisco do outro irmão fiel. Ainda bem que Deus tá vendo, mas vocês sabem o que fazem. Amém.
Anônimo disse…
É incrível como a mídia adora dar enfase a igreja evangélica. Como diz no outro comentário, a Bíblia Sagrada é bem clara quando diz pra tirar a trava do seu olho... Me diga, quando o papa disse que é contra esse movimento lgbt quantos de vocês foram dizer contra ele? Quantos foram lá dizer suas opiniões?

Arrependam-se

Anônimo disse…
PUTI TANGA DE NOVO TEM QUE COLOCAR QUE OS PM AGIRAM COM BRUTALIDADE EU ESTAVA BEM PERTO E TENHO CERTEZA QUE NAO OUVE NEM UM ABUSO DE AUTORIDADE SE TEVE ALGUMA AGRESSAO NAO FOI POR PARTE DOS POLICIAS SE TEVE FOI DA POPULACAO FORA PARTE POIS JA ESTAO DE SACO CHEIO DESSE PESSOAL QUE QUEREM SILENCIAR COM QUEM NAO CONCORDA COM SEUS PENSAMENTOS
Anônimo disse…
Marcos Feliciano prega para mais de 35 mil pessoas em Santarém ...
m.oimpacto.com.br/.../marcos-feliciano-prega-para-mais-de-35-mil-pessoas...
8 horas atrás - Evento encerrou programação dos 85 anos da Assembléia de Deus em Santarém.
Anônimo disse…
É incrível como a mídia adora dar enfase a igreja evangélica. Como diz no outro comentário, a Bíblia Sagrada é bem clara quando diz pra tirar a trava do seu olho... Me diga, quando o papa disse que é contra esse movimento lgbt quantos de vocês foram dizer contra ele? Quantos foram lá dizer suas opiniões?
Anônimo disse…
Achei foi pouco :D


Adm KD - SD
Unknown disse…
As pessoas não vão reclamar do Papa porque ele não é presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara de Deputados, como o INFeliciano. O Papa fala para os fiéis dele, o Feliciano dá pitaco no Estado laico. Acho que é por isso.
Anônimo disse…
O Norte do País está sendo tomado por esses falsos profetas que buscam unicamente dinheiro!!! Estão tomando o poder público e nada é feito!!! O Brasil tem que acordar para essa realidade... procurem no youtube os vários vídeos sobre a corrupção ali instalada e vejam quem são os seus representantes!!! Esse Feliciano mostra quem é com mais essa atitude truculenta contra manifestantes!!! Nada será feito??? O povo se calará???
Anônimo disse…
Pra esse imundo felicianus e esses imbecis criminosos travestidos de policiais eu digo só uma coisa.

Súmula Vinculante número 11.
Anônimo disse…
Lembrando que a orla é um local público, que todas as pessoas tem direito utilizar.
Anônimo disse…
A orla da cidade estava praticamente fechada para esse evento da igreja, e assim como os protestantes atrapalharam o culto, o culto atrapalhou várias pessoas que não tinham o interesse de o assistir, e foram pra lá talvez por que seja um dos poucos locais de lazer da cidade. Estado laico?
Anônimo disse…
Sinceramente as pessoas querem respeito , mas nao respeitam aos proximos. Em pleno evento da igreja cristã esse grupo de homoafetivo foi querer bagunçar, atrapalhar as pessoas que queriam assistir a pregação do pastor. Por favor , achei mais do que certo o pastor Feliciano pedi pra retirarem aquelas pessoas daquele local .Se querem respeito , começem respeitando a opiniao do povo que nao aprova o casamento Gay.
Anônimo disse…
mais do que justo o pastor marcos feliciano pedi a retirada do grupo que estavam atrapalhando as demais pessoas presentes que estavam ali para assistir a pregação. se querem respeito, começem respeitando a opinião dos que nao tem a mesma ideia que voce. eu sou contra casamento gay.
Anônimo disse…
Que absurdo!
Isso tem que chegar ao conhecimento de todo o Brasil. Temos que divulgar essa notícia a todos!!!

Vamos compartilhar!!!

O Brasil tem que se unir, pois os manifestos têm que ser ouvidos!!!

Vamos dar uma força ao povo do Pará.

Compartilhem!
Anônimo disse…
Ah... "a igreja não pretende fazer nenhum procedimento contra os jovens"!?!?

Claro, os jovens são as vítimas!!!

No vídeo aparece ele ordenando prender os jovens e dizendo que ali não é "casa da mãe Joana" mas uma igreja.

Uma igreja na rua???

Ele quer mandar na rua???
Keli disse…
Enquanto isso, imagens de gesso estão sendo lamentadas.
Anônimo disse…
Ele agora manda em Santarém?

O povo de Santarém é tão submisso assim para deixar que um cara desses humilhe seus conterrâneos?
Anônimo disse…
Engraçado, gente do movimento das vadias e LGBTT quebraram imagens católicas na visita do Papa ao Brasil em a imprensa secularista simplesmente ficou CALADA!!!!! Seja o homem público (Marco Feliciano) ou um cidadão comum tem que perder sua liberdade de ir e vir e viver um verdadeiro "Big Brother" moral por conta desses grupos mais intolerantes da pós-modernidade. Por quê??? Não aceito o contraditório ou a discordância de opinião. Há e diga-se de passagem que o PASTOR Marco Feliciano veio na maravilhosa "Pérola do Tapajós" para pregar a PALAVRA DE DEUS!!!!!!!
Anônimo disse…
Só faltou você dá créditos para o notapajos e TV tapajós né??? u.U

Usa o vídeo com a voz do repórter da TV e ainda não dá crédito. Que jornalismo antiético.
Adriano disse…

Amigo, quando o papa falou contra gays??? Gostaria que me dissesse, pois o papa que aqui esteve, semana passada, disse justamente o contrário, ou você não lê as notícias??
silviatransex disse…
olha, acho que esse homem chamado marcos feliciano, mereçe tudo que aconteçe nao sou gay, mas lembro bem oque ele disse dos negros , que nao sao gente, os gays dao raiva as pessoas porque eles procuram seus direitos e vao ate o fim com um homofobico, das os cidadoes negros esqueçem que esse homem nao os aceitam e ainda ficam applaudindo, eu nao entendo isso somos todos misturados , sera que vcs nao tem memoria
Anônimo disse…
ifOs cara faz uma pratica que e contra a natureza. contra os costumes morais de qualquer lugar do mundo,,, e ainda quer sair com a razão,,, como vitimas,,, pera a i . me ajuda tem dó.
Anônimo disse…
so ordenou a prisão... muito pouco,,, merecia coisa bem pior,,, bom pior nem sei pelo que eles fazem e ainda acha muito bão,,,mete o porrete nessa praga,,,eles gosta e de pau mesmo...
Anônimo disse…
eu sou totalmente a favor do pr.Marcos Feliciano...

Deus criou ADÃO E EVA e não ADAO E ADAO ou EVA E EVA...Deus criou o homem pra mulher e a mulher pro homem.....

Postagens mais visitadas deste blog

Veja fotos do apartamento onde Chorão foi encontrado morto

Imagens obtidas pela imprensa paulista mostram o estado que estava o apartamento do cantor Chorão, do  Charlie Brown Jr, , encontrado morto na madrugada desta quarta-feira (6). Nas fotos é possível ver que o imóvel estava bastante danificado, além de uma grande quantidade de embalagens de bebidas alcoólicas encontradas. Ao deixar o apartamento de Chorão, o delegado Itagiba Vieira, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), disse que o imóvel estava muito danificado, num "processo de deterioração". Itagiba acredita que os danos tenham sido feitos pelo próprio cantor, já que o corpo foi encontrado com um dedo machucado e havia marcas de sangue no local. “Não tem nada que estivesse no lugar. Ele estava machucado no dedo, arrancou parte de uma unha, o que pode explicar as marcas de sangue na parede”, disse o delegado. O delegado Itagiba Vieira, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), disse nesta quarta-feira (6), que não acredita que o vocalis

Operação da PF em Itaituba procura por foragido suspeito de fazer escolta de garimpeiros

  Deflagrada na manhã de ontem (21) , no município de Itaituba, no sudoeste do Pará, a operação ‘Divitia’, da Polícia Federal, continua atrás de um homem suspeito de fazer escolta de máquinas e garimpeiros para dentro de uma área da terra indígena Munduruku. O suspeito tem contra si, um mandado de prisão temporária expedido pela Justiça Federal de Itaituba. Veículos de luxo foram apreendidos pela PF durante a operação realizada na quarta-feira. Foto: Divulgação/PF As investigações da PF apontam para a possível utilização de helicópteros com homens fortemente armados dentro deles para garantir a entrada de máquinas pesadas e pessoas para uma região conhecida como Igarapé Baunilha, no interior de Terra Indígena, no município de Jacareacanga, para a instalação ou ampliação de garimpos ilegais. Na ação realizada na quarta-feira (21), foram apreendidos dois carros de luxo, uma BMW Z4 e um Chevrolet Camaro SS, além de documentos e um aparelho celular , encaminhados para o Posto da P

Apartamento de Chorão estava revirado e com manchas de sangue

A polícia encontrou o apartamento do cantor Alexandre Magno Abrão, 42, conhecido como Chorão, vocalista da banda Charlie Brown Jr., todo revirado e com manchas de sangue. As autoridades, porém, dizem acreditar que o cantor não tenha sido assassinado. Delegado diz que morte de Chorão 'aparentemente não foi homicídio' Chorão, do Charlie Brown Jr., é encontrado morto em SP Charlie Brown Jr. faria show em São Paulo no dia 6 de abril De acordo com o delegado Itagiba Franco, do DHPP (Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa), o cantor estava com a mão machucada e as marcas de sangue no apartamento provavelmente eram desse ferimento. O apartamento, uma cobertura na rua Morás, em Pinheiros (zona oeste de SP), estava mal conservado havia algum tempo e tinha os móveis revirados e alguns objetos quebrados. De acordo com testemunhas, Chorão chegou ao apartamento na última segunda-feira (4) e não saiu mais do local. A polícia acredita que a morte tenha ocorrido de segunda para