Últimas Notícias

Funcionários da TV Guarany e RBA estão há meses sem receber salários


É triste a situação dos funcionários de duas emissoras de rádio e tevê de Santarém, no oeste do Pará. Atraso no pagamento de salário, assédio moral e desvalorização do trabalhador estão entre as principais queixas dos profissionais da Guarany e RBA.

Na noite de quinta-feira (19), durante a assembleia geral do Sindicato dos Trabalhadores das Empresas de Rádio e Televisão de Santarém, jornalistas e radialistas destas duas empresas relataram o drama que têm vivido durante os últimos quatro meses, sobretudo com o atraso de pagamento.

Os relatos são comoventes, sobretudo pelo fato de a maioria desses trabalhadores ser pai de família. Os profissionais da Guarany e RBA querem apoio dos colegas para tentar reverter essa situação.

Na rádio e tevê Guarany, por exemplo, os salários estão atrasados há mais de quatro meses. Já existe inclusive uma ação tramitando no Ministério Público Estadual (MPE) contra a direção da emissora, que trata com descaso os seus funcionários. Na RBA, os relatos dos trabalhadores apontam atrasos de salário de três meses.

A assembleia promovida pelo sindicato da categoria tratou do acordo coletivo. A proposta dos trabalhadores é de 9,5% que será apresentada aos donos das empresas de rádio e televisão de Santarém.



Postar um comentário

0 Comentários