Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2019

Alcoa realiza ação de voluntariado em comemoração ao Mês da Mulher em comunidade de Juruti Velho

“Aprendi sobre as doenças no colo do útero, das mamas, os cuidados que tenho que ter com minha saúde. Muitas vezes deixei de perguntar no consultório médico e fui procurar respostas com outras mulheres. Foi muito importante essa conversa porque existiam várias dúvidas e as voluntárias da Alcoa fizeram as explicações de forma muito simples e fácil de entender. Não ficamos com vergonha de perguntar”, disse Maria Jocilda, moradora da comunidade Monte Moriá. Ela é uma das 42 mulheres beneficiadas em ação voluntária promovida pela Alcoa, empresa que mantém empreendimento de mineração de bauxita no município de Juruti, oeste do Pará. A comunidade de Monte Moriá está situada em Juruti Velho, área rural próxima a mineração e a palestra sobre a saúde da mulher foi conduzida por voluntárias do Serviço Médico da Alcoa Juruti. A iniciativa integra as ações comemorativas do Mês da Mulher e foi promovida pela Rede de Mulheres Alcoa (AWN, sigla em Inglês). “Sabemos que o câncer de colo uterino é o

Produtores apostam em Sistemas Agroflorestais para fortalecer a agricultura familiar em Juruti, no Pará

A implantação Sistemas Agroflorestais (SAFs) têm sido a aposta de produtores rurais de Juruti, no Pará, para garantir uma agricultura mais sustentável. Os SAFs estimulam a plantação diversificada na mesma área, evita a queima da floresta e permite a conservação do solo, com o cultivo de espécies arbóreas, frutíferas, madeireiras e ainda a produção de animais. A prática agroflorestal, até então, era pouco conhecida na região. Foi então que, em 2018, cerca de 60 produtores passaram por uma capacitação promovida pelo Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Juruti (STTR). A mesma formação foi oferecida a mais 50 jovens produtores, da Associação das Comunidades da Região do Planalto Mamuru (ACRPM), destacando as vantagens da produção por meio do sistema. Ambas formações com apoio do Instituto Juruti Sustentável (IJUS). O trabalho de implantação dos SAFs começou em novembro de 2018 e já foi concluído nas regiões do Mamuru e Curumucuri, por meio do projeto “Restauração Compat

MPF recomenda às Forças Armadas no Pará que não façam manifestações em homenagem à ditadura militar

Por dever de obediência à Constituição brasileira, militares das Forças Armadas brasileiras não podem tomar parte em qualquer manifestação pública, em ambiente militar ou portando fardas, em comemoração ou em homenagem ao período de exceção instalado a partir do golpe militar de 31 de março de 1964. A posição do Ministério Público Federal (MPF) está em uma recomendação conjunta enviada às autoridades máximas das três Forças Armadas no Pará, para que se abstenham de promover qualquer ato do tipo e que adotem providências para que todos os militares subordinados a eles cumpram a medida. Os comandos têm o prazo de dois dias, a partir do recebimento, para responder à recomendação. A recomendação foi expedida conjuntamente por 20 procuradores da República com atuação na Defesa dos Direitos do Cidadão em todas as unidades do MPF no estado do Pará e faz parte de uma iniciativa nacional das Procuradorias Regionais dos Direitos do Cidadão de 25 estados e do Distrito Federal. O documento foi en

Democracia e Sustentabilidade: Os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável em Juruti

Alunos da primeira turma da Escola de Sustentabilidade de Juruti (ESJ), realizaram nesta semana as últimas atividades. Finalizando o terceiro e último círculo formativo, com a certificação da turma, formando 40 alunos. De segunda-feira (18) a quinta (21), diálogos ampliados com a sociedade civil, governo, e setor empresarial, discutiu as metas do Objetivo de Desenvolvimento Sustentável (ODS) - Agenda 2030, da ONU, a serem alcançadas no município.  Em um formato diferente, onde formou gestores públicos de 2008 a 2009 a ideia da escola de sustentabilidade começou a ganhar vida. O atual modelo focado em uma visão mais ampla tendo como base os ODS em suas análises e ações. “A Escola de Sustentabilidade veio no momento certo, proporcionou conhecimento e a visão de como fortalecer as organizações em nosso território, com o olhar no futuro. Foi muito importante em minha vida e para minha instituição”. Afima Marclei Santos, da Casa Família Rural. A Escola é resultado da parceria entre o

Chuvas fortes e inundações alertam para perigos com energia elétrica

De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais – INPE, o período de chuvas intensas que assola o Pará deve continuar até meados de maio. A média do volume dessas chuvas tem se mostrado bem maior do que no ano passado, como é o caso de Paragominas que registra 263 milímetros acima da média esperada para o mês. Toda essa quantidade de água tem causado alagamentos e diversos transtornos em várias regiões do território paraense. Diante desse cenário, os cidadãos devem ficar atentos aos perigos que a energia elétrica pode representar nessas situações. O executivo da área de segurança da Celpa, Alex Fernandes, explica que as ocorrências de alagamento em residências merecem atenção redobrada, pois um fio descascado nessa circunstância pode indicar fatalidade. “É importante ficar sempre atento ao estado das instalações elétricas internas, porque se essa residência vier a alagar e um fio descascado estiver no chão, todo o volume de água ficará energizado e causará choque de grande i

Projeto Energia na Comunidade desenvolverá ações em Santarém e Mojuí dos Campos

Nesta segunda (25) e terça-feira (26), o Energia na Comunidade desenvolverá suas ações em dois municípios: Santarém e Mojuí dos Campos, respectivamente. Hoje, até às 16h30, o projeto estará no bairro Mararu e nesta terça-feira, de 08h30 às 11h30, as ações serão concentradas em Mojuí dos Campos. Essa é a chance para o consumidor realizar a nogociação de débitos; solicitar cadastro na tarifa social, que garante até 65% de desconto na conta de energia, trocar lâmpadas – incandescentes ou fluorescentes – pelas do tipo LED, entre outros serviços. Em Santarém, no bairro Mararu, o cliente deve procurar a Escola Municipal de Ensino Fundamental Nazaré Demétrio Mussi. Em Mojuí dos Campos, o local é na Travessa Antônio Walfredo, s/n. A área de Relacionamento com o Cliente da Celpa ressalta que no caso de troca de lâmpadas, deve ser entregue a mesma quantidade de objetos ineficientes (lâmpadas incandescentes ou fluorescentes compactas), além de estar munido da última fatura de energia paga e có

Campeã de requerimentos minerários, Terra Indígena Yanomami sofre com explosão do garimpo

Entre 6 e 7 mil garimpeiros estão retirando ouro ilegalmente na Terra Indígena Yanomami, no norte do país. É o maior número registrado até hoje. O garimpo ilegal tem se intensificado nos últimos meses e explodiu em janeiro, depois que o Exército desativou as bases de proteção nos Rios Uraricoera e Mucajaí, as principais entradas para a Terra Indígena. Nos três últimos anos, a presença do Exército foi fundamental para inibir a entrada de garimpeiros. Em 2018, foi responsável pela saída de mais de 1.500 garimpeiros do Rio Uraricoera. Porém, desde de dezembro, com o abandono das bases, os garimpeiros retomaram a invasão em ritmo acelerado. O garimpo traz doenças, violência, desmatamento, assoreamento dos rios e contaminação por mercúrio e outros metais pesados. Maior do país, a Terra Indígena Yanomami abriga os povos Yanomami e Ye’kwana, além de 96.650 km² de florestas protegidas e 43.614 km de rede de drenagem (rios e igarapés*). A situação se agrava devido à presença de povos indígen

Colapso dos rios brasileiros: mortos ou na UTI

Colapso dos rios brasileiros: rios e corpos d’água que deságuam na costa. Não se trata de todos eles, mas os mais importantes para o autor. Na maioria, são rios que poderiam ser demandados por veleiros, se não tivessem suas barras assoreadas, fruto do mau uso, corte de mata ciliar, maus tratos às nascentes, etc. É importante dar ciência aos brasileiros das condições de seus recursos naturais, tão decantados, e mau tratados… Água, assunto importante no Brasil “O Brasil tem mais água doce que qualquer outro país – 12% do volume total do Planeta. Isso cria uma falsa premissa de que o suprimento de água de boa qualidade estará sempre disponível. Embora haja abundância de água, em comparação com outros países, existe grande variedade de riscos relacionados a água, o que representa grande incerteza na disponibilidade de água para a população. Os desafios relacionados a água causam múltiplos efeitos sobre o meio ambiente e a economia.” Objetivos do post Esta matéria tem o objetivo de co

Motoristas se mobilizam para nova paralisação

O governo acompanha atentamente as primeiras movimentações de caminhoneiros no País, que ameaçavam dar início a nova paralisação. A classe entende que os principais compromissos assumidos pelo governo Michel Temer no ano passado não estão sendo cumpridos. Governo monitora articulação de caminhoneiros. Foto: Nelson Andrade Os monitoramentos são feitos pelo Gabinete de Segurança Institucional (GSI) , que tem por missão se antecipar aos fatos para evitar problemas para o governo. As investigações apontam que teve início uma articulação por meio de mensagens de WhatsApp, que já começam a falar em paralisações para o dia 30 de março. O governo quer evitar, a todo custo, que qualquer tipo de paralisação aconteça. Não quer, nem de longe, imaginar que pode enfrentar o mesmo problema que parou o País no ano passado. Os primeiros dados são de que, neste momento, o movimento não tem a mesma força percebida no ano passado, mas há temor de que os caminhoneiros possam se fortalecer e cheguem ao po

Pescado paraense está proibido de sair do Pará durante a Semana Santa

Faltando 28 dias para a Semana Santa, o governador do Estado do Pará, Hélder Barbalho, restringiu a exportação do pescado durante o período de 1° a 19 de abril. O decreto n° 38 foi assinado dentro da agenda do Governo Por Todo o Pará, em Santarém, na última sexta-feira (22), durante a inauguração do PrevBarco, que levará serviços previdenciários à comunidades ribeirinhas. Segundo a Secretaria de Estado de Desenvolvimento Agropecuário e da Pesca (Sedap), a medida tem como objetivo atender à demanda interna do Estado. “Com essa medida, o governo garante o pescado na mesa do paraense durante a Semana Santa. Estamos alinhando com o setor produtivo algumas questões, como a entrada de peixe que vem de fora, mas, de qualquer forma, é certo que as famílias terão produto mais barato e em quantidade farta neste período”, disse o titular da Sedap, Hugo Suenaga. De acordo com o documento, entre os dias 1º e 19 de abril, fica proibida a emissão de documentos necessários à movimentação de peixe i

Mais 53 agentes chegam para reforçar Força Nacional no Pará

53 novos homens da Força Nacional de Segurança chegaram a Belém neste sábado (23) Com mais essa adesão, o efetivo federal já soma 159 homens na capital. Até a noite deste domingo (24) todos os 200 agentes deslocados para o Estado estarão na cidade para atuar no reforço das ações de segurança pública, por um período inicialmente estabelecido em 90 dias, mas, que poderá ser prorrogado a depender da necessidade. Eles se apresentarão oficialmente na próxima segunda-feira, 25, durante solenidade que marcará o início das atividades da Força Nacional na Região Metropolitana de Belém. De início, a equipe irá atuar na implantação dos primeiros sete territórios de pacificação na RMB, sendo cinco em Belém, um em Ananindeua e um em Marituba, em áreas que apresentam os maiores índices de criminalidade.

Governo inaugura e inspeciona obras em Santarém, Trairão e Itaituba

No penúltimo dia do programa Governo por Todo o Pará no oeste paraense, o governador Helder Barbalho seguirá nesta sexta-feira (22) aos municípios de Trairão e Itaituba, para conhecer as demandas da população e fiscalizar o andamento de ações prioritárias ao desenvolvimento do Pará. A partir das 11 h, o governador participará em Trairão da entrega da Escola Estadual Everaldo Martins, que passou por obras de reforma e ampliação, orçadas em R$ 1,7 milhão. Iniciadas em 2017, as obras só agora foram concluídas. À tarde, ele seguirá para Itaituba, onde visitará a Prefeitura, às 14 h, e depois inspecionará as obras do Hospital Regional do Tapajós. Em construção e orçado em mais de R$ 148 milhões, o hospital de alta complexidade deve atender a cerca de 250 mil habitantes – de Itaituba, Novo Progresso, Trairão, Jacareacanga, Aveiro e Rurópolis. A agenda de trabalho em Santarém inclui ainda a inauguração do Ginásio Poliesportivo do 3º Batalhão de Polícia Militar (BPM) Sargento Kenedy. Ideali