Últimas Notícias

Por determinação da Justiça, Reginaldo Campo vai cumprir prisão domiciliar


O juiz Rômulo Nogueira de Brito, da 2ª Vara Criminal de Santarém, no oeste do Pará, mandou soltar o ex-vereador Reginaldo Campos, preso desde o mês de agosto de 2017, apontado como o chefe de uma organização criminosa que fraudou licitações na Câmara de Vereadores Municipal na época em que Campos era o presidente do Poder Legislativo.

Pela decisão do magistrado, proferida nesta terça-feira (2), Reginaldo deve ser solto imediatamente para cumprir prisão domiciliar. O pedido da conversão da prisão foi feito pela defensora pública Jane Amorim.

“(...)Autorizo desde já a saída do acusado de sua residência apenas para comparecer aos chamados da justiça, bem como para tratamento de saúde se for necessário”, determinou Rômulo de Brito.

Postar um comentário

0 Comentários