Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2019

São Raimundo vence Manaus com de pênalti e larga na frente nas oitavas de final

O São Raimundo venceu o Manaus (AM), na primeira partida das oitavas de final da Série D do Campeonato Brasileiro. Além de largar na frente na briga por uma vaga na próxima fase da competição, o Pantera ainda quebrou a invencibilidade do time amazonense que estava 21 jogos sem perder. O jogo foi realizado neste domingo (30), no estádio Colosso do Tapajós, em Santarém, no oeste do Pará. O único gol da partida foi marcado pelo meia Wendell, aos 11 minutos do segundo tempo.  O próximo confronto entre as duas equipes será na capital Baré, no dia 6, na Arena da Amazônia. O time santareno joga pelo empate.  O Gavião do Norte precisa vencer por dois ou mais gols de diferença para ficar coma vaga. Se o jogo terminar com a vitória dos amazonenses por um a zero, a decisão será por pênaltis.  Fonte: GE/Santarém

Pesquisa da Ufopa indica que criadores de búfalos em Santarém devem intensificar controle da brucelose P

Um estudo desenvolvido em 2016 pelo Laboratório de Sanidade Animal (Larsana) da Ufopa acaba de ser publicado numa das revistas científicas de maior impacto mundial na área da Medicina Veterinária. O artigo foi publicado no último dia 24 de junho de 2019 na versão online da revista Transboundary and Emerging Diseases. A publicação envolve um time de alunos e professores da Ufopa. A autoria conta com a assinatura de aluno e egresso do curso de Zootecnia, um egresso do mestrado em Biociências, dois doutorandos do Programa de Pós-Graduação em Sociedade, Natureza e Desenvolvimento (PPGSND) e três professores do Instituto de Biodiversidade e Florestas (Ibef): o coordenador do Larsana, Prof. Antonio Humberto Minervino, e os docentes Kedson Neves e Adriana Morini. O estudo publicado analisou fatores associados à prevalência de brucelose em búfalos criados em Santarém. A brucelose é uma doença infecciosa de animais e do homem, uma zoonose de relevância mundial, causada pela bactéria Brucella

Justiça volta a negar pedido de fazendeiros para intervirem em ação que cobra estudos de terra indígena no Pará

O Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), em Brasília (DF), negou pedido de fazendeiros do agronegócio que solicitaram serem incluídos como réus em processo em que o Ministério Público Federal (MPF) pede à Justiça que a Fundação Nacional do Índio (Funai) seja obrigada a realizar os estudos de identificação e delimitação de território reivindicado pelos povos indígenas Munduruku e Apiaká na área conhecida como planalto santareno, em Santarém, no oeste do Pará. Oficialmente comunicada ao MPF na quarta-feira (26), a decisão, do desembargador federal Jirair Meguerian, foi publicada em processo aberto no tribunal a partir de recurso dos fazendeiros contra uma primeira decisão que também havia negado o mesmo pedido, assinada em setembro de 2018 pelo juiz federal Domingos Daniel Moutinho, de Santarém. “Inexiste interesse jurídico ou mesmo puramente econômico no pedido de ingresso no feito, pois não se pretende na ação civil pública o reconhecimento da área como indígena, mas sim qu

Plenário aprova medidas contra corrupção com punição para abuso

O Plenário do Senado aprovou nesta quarta-feira (26) o projeto de lei de iniciativa popular conhecido como Dez Medidas contra a Corrupção, que prevê também a criminalização do abuso de autoridade cometido por magistrados e membros do Ministério Público ( PLC 27/2017 ). O texto retorna à Câmara para análise. Principais pontos Crimes contra a administração pública - Quais são: Corrupção ativa e passiva Peculato: quando o servidor público se apropriar de dinheiro ou outro bem material com o qual teve contato em razão do cargo Concussão: quando o servidor público exige vantagem indevida em razão do cargo Excesso de exação: quando o servidor público exige pagamento de um tributo que não é devido ou cobra um tributo devido de forma vexatória Inserção de dados falsos em sistemas de informação - As penas-base são elevadas para de 4 a 12 anos de prisão. A multa será proporcional ao prejuízo aos cofres públicos, e será obrigatória a prestação de serviços comunitários - Serão considerados hedi

Nova lei de terras do Pará permite “requentar” títulos podres e favorece grileiros

A Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa) aprovou no último dia 17 o projeto de lei 129/2019, que institui novas regras para a regularização de terras. Encaminhado à casa pelo governo do estado, a lei tem o pretexto de “agilizar” e “desburocratizar” os processos de concessão de terras públicas paraenses e tramitou em apenas 33 dias, aguardando agora a sanção do governador Helder Barbalho (MDB). Especialistas na questão fundiária, ambientalistas, movimentos populares e partidos de oposição têm criticado duramente a nova lei de terras. Se aprovada, argumentam, a legislação pode facilitar a grilagem e a privatização de florestas públicas. A lei também preocupa por criminalizar a atuação de movimentos populares e pelo potencial de aumentar o número de conflitos no campo. Em 2017, ano da chacina policial de Pau D’Arco, 21 pessoas morreram por conta da disputa de terras no estado, e o Pará é o campeão em número de mortes em conflitos agrários. Trechos questionados O artigo 7º do

Juruti recebe exposição internacional sobre Cultura de Paz

A mostra recebeu cerca de 2300 visitações em Santarém e Oriximiná, e provoca reflexões sobre a segurança humana Foi realizada nesta manhã (25), a solenidade de abertura da exposição “Da Cultura de Violência para a Cultura de Paz”, idealizada pela organização não-governamental Soka Gakkai Internacional (SGI), na Arena Cultural da Praça da República no município de Juruti. A mostra estará em exibição na cidade a partir de hoje até a quinta (27). A iniciativa marca as comemorações dos 50 anos de atividades da SGI na Amazônia e os 71 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos. A exposição, que é gratuita e aberta ao público, é uma realização da SGI e tem o apoio institucional da Carta da Terra Internacional, Tribunal de Justiça, Universidade Federal do Oeste do Pará (UFOPA) – Campus Juruti, Instituto Juruti Sustentável (IJUS), Câmara Municipal de Juruti e Prefeitura de Juruti. A mostra é composta por quatro alas e um total de 37 painéis, e tem o objetivo de promover

Madeireiro é condenado por grilagem de assentamento em Prainha (PA)

Justiça Federal condenou César Pena Fernandes, denunciado pelo MPF por invasão de 4,5 mil hectares do assentamento Curuá II A Justiça Federal condenou o madeireiro César Pena Fernandes por invasão 4,5 mil hectares de terras públicas do projeto de assentamento agroextrativista Curuá II, em Prainha, no oeste do Pará. Denunciado pelo Ministério Público Federal (MPF), o condenado foi sentenciado a dois anos e quatro meses de detenção. A sentença, do juiz federal Domingos Daniel Moutinho, que atua em Santarém, foi assinada no último dia 19. No documento, o juiz federal destaca que, para cometer o crime, César Pena Fernandes cometeu diversas fraudes, incluindo a de lotear a área grilada em nome de empregados ‘laranjas’ (pessoas que servem como intermediárias em negócios fraudulentos). O loteamento grileiro ficou conhecido entre os assentados e seus vizinhos como “Laranjal do Pena”. Na área invadida, o condenado promovia crimes ambientais – principalmente a retirada irregular de madeira pa

Um em cada cinco brasileiros usa o celular enquanto dirige

19,3% da população das capitais brasileiras usam o celular enquanto dirigem. Os dados foram divulgados pelo  Ministério da Saúde e revelaram que  de cada cinco pessoas, uma afirmou que comete esse ato. A informação é do Sistema de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel) de 2018, divulgada hoje (24). O ministério alertou ainda que os acidentes de trânsito são a segunda maior causa de mortes externas no país. A pesquisa também mostrou que as pessoas com idades entre 25 e 34 anos (25%) e com maior escolaridade (26,1%), com 12 anos de estudo ou mais, são as que mais assumem esse comportamento de risco. Os motoristas com nível superior também são os que mais recebem multas por excesso de velocidade e que associam o consumo de bebida alcoólica e direção. O Vigitel é uma pesquisa realizada pelo Ministério da Saúde que, desde 2006, monitora diversos fatores de risco e proteção relacionados à saúde, incluindo a temática de trânsito n

Iphan quer forró como patrimônio imaterial

O forró pode ser declarado como patrimônio imaterial do Brasil até meados de 2020. O Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) iniciou pesquisa nos nove estados do Nordeste, mais o Distrito Federal, Rio de Janeiro e São Paulo para identificar a forma de expressão que além de gêneros musicais diz respeito a festas e interações sociais ao som da sanfona, zabumba e do triângulo. A iniciativa foi bem acolhida entre os músicos como o maestro Marcos Farias, filho da cantora Marinês (1935-2007) e afilhado de Luiz Gonzaga (1912-1989), o Rei do Baião. Segundo ele, muitos grupos e artistas que se denominam “de forró” fazem adaptações de cumbia e zouk (de países hispânicos sul-americanos e caribenhos). “Tiraram o nosso nome. A gente foi usurpado do título e jogado para essas músicas de características latinas”, reclama. Conforme Farias, o que ocorre é “apropriação indevida”, e esses grupos fazem “oxente music”, brinca. De acordo com Hermano Queiroz, diretor do Departamento

Junho já registra mais de 400 casos de falta de energia causados por pipas

De acordo com os dados da Celpa, nos primeiros quinze dias de junho deste ano, já foram registrados 479 casos de interrupções no fornecimento de energia elétrica em todo o Estado em consequência das pipas que ficam enroscadas na fiação. Em todo o ano de 2018, os números de ocorrências ocasionadas por essa prática próxima a rede elétrica impressionam, pois chegaram a 7,9 mil, prejudicando milhares de pessoas. O executivo da área de Segurança da Celpa, Alex Fernandes, alerta para que os cuidados com a segurança sejam redobrados, já que a brincadeira se intensifica com a chegada do mês de julho. "Essa atividade, quando não executada com segurança, pode causar além das interrupções no fornecimento de energia, acidentes graves e até fatais", reforça. Alex também orienta os brincantes a manterem distância da rede elétrica em situações consideradas perigosas. "Quando as pipas ficarem engatadas na fiação elétrica, jamais deve ser feito qualquer esforço para soltá-las, pois

São Raimunda de Santarém empata em Roraima e se classifica na Série D

O São Raimundo de Santarém está classificado para as oitavas de final da Série D do Campeonato Brasileiro. No jogo de volta contra o São Raimundo de Roraima, neste domingo (23), no estádio Ribeirão, em Boa Vista, o alvinegro santareno empatou e garantiu a vaga na próxima fase da competição nacional. O gol do Pantera foi marcado pelo atacante Marcelo Maciel, aos 34 minutos do primeiro tempo, aproveitando uma bola levantada na área. Mesmo sem ângulo, ele conseguiu girar e chutar forte, abrindo o placar para os visitantes. O Mundão chegou ao empate aos 40 minutos ainda na primeira etapa com Yuri Garcia. O próximo adversário do São Raimundo será o Manaus (AM) que goleou o Real Ariquemes (RO), neste domingo, no jogo de volta na capital amazonense. O Manaus chegou a mais uma marca com a vitória deste domingo sobre o Real Ariquemes. Além da classificação para as oitavas da Série D, o time chegou a 21 jogos de invencibilidade na temporada. É a maior do Brasil. Foto: Lucas Luckezie/GE

Doenças cardíacas matam mais que câncer, guerras e álcool

As doenças cardiovasculares são o principal motivo de mortes no mundo todo, de acordo com dados da Organização Mundial da Saúde (OMS). As complicações cardiovasculares lideram na frente de câncer, guerras e álcool. Em contraponto, os avanços tecnológicos têm permitido que médicos e pacientes trabalhem em conjunto para evitar o pior. Continua depois da publicidade No Brasil, de acordo com dados do Ministério da Saúde, em 2018, foram realizadas 83.909 cirurgias cardíacas em adultos. No ano anterior, cerca de 169.557 pessoas morreram por doenças cardiovasculares. Entre as doenças no aparelho circulatório, quatro estão entre as principais causas de óbito: infarto agudo do miocárdio, doenças hipertensivas, insuficiência cardíaca e miocardiopatias. O aposentado Rogério Roscoe, 78 anos, passou recentemente por uma cirurgia de implante de marcapasso. Ele conta que descobriu uma disfunção em um dos ventrículos depois de episódios de desmaio, quando foi internado e realizou a cirurgia. “Foi u

Dívidas viram pesadelo para brasileiros; veja dicas para sair do vermelho

O Brasil tem quase 13 milhões de desempregados. A economia cresce mais lentamente do que o necessário e milhões de brasileiros estão tendo dificuldades financeiras. Quem está com o nome sujo encontra dificuldade para voltar a ter crédito na praça. Um levantamento da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) mostra que, em média, as pessoas demoram 14 meses para quitar as dívidas que levaram à negativação dos CPFs. Na hora de quitar as contas em atraso, os maiores obstáculos foram obter um bom desconto no valor total da dívida (27%) e negociar prazos e formas de pagamento (24%). Dos entrevistados, 19% disseram não ter conseguido renda extra para honrar os compromissos em atraso. Entre os motivos que impossibilitaram o pagamento dessas contas estão a redução da renda (42%), a perda de controle dos gastos (38%) e o surgimento de imprevistos (36%). O desemprego é o principal fator que leva as pessoas a caírem na inadimplência. É

Mais que estresse: conheça a síndrome de Burnout

Sentir-se cansado depois de um dia de trabalho é normal, contar os dias para as férias e aproveitar o fim de semana ao máximo, também. Mas esse cansaço tem um limite. Quando ir ao trabalho vira uma atividade insuportável, acompanhada de dores físicas, crises de pânico e ansiedade, alguma coisa não está certa. A síndrome de Burnout, termo cunhado na década de 1970, é um conjunto de sintomas relacionados ao mal-estar no trabalho. “A síndrome vem de um tipo de insatisfação ou pressão no trabalho, em que a pessoa começa a sentir que o esforço que está fazendo não é o suficiente”, explica Ione Vasques de Menezes, professora aposentada do Instituto de Psicologia da Universidade de Brasília (UnB). “Muitas vezes, converso com professores no início do semestre, que já se dizem cansados, sem fôlego para continuar. Isso deveria ser um comportamento apenas de final de período”, exemplifica. Os sintomas variam desde dores no corpo até crises de insônia e instabilidade emocional. Por isso, o diag

Concluída 1ª etapa da revitalização de monumentos históricos em Santarém

No dia 22 de junho, data de aniversário da cidade de Santarém, no oeste do Pará, a Cooperativa Puxirum, em parceria com a Secretaria Municipal de Agricultura e Pesca (Semap) e o Instituto de Estudos Integrados Cidadão da Amazônia (Inea), entregou à população, a primeira etapa do projeto de revitalização dos monumentos históricos localizados na praça Barão de Santarém. A ação fez parte da programação dos 358 anos da Pérola do Tapajós. Os monumentos, autoria dos artistas Laurimar Leal e Renato Sussuarana, estão passando por uma série de ações de restauro. O trabalho é feito por meio da cooperativa com a participação de 21 artesãos, unidos em prol da preservação artística e cultural dessas obras de artes em espaços públicos. Desde o início dos trabalhos, esses monumentos estão passando por um processo de limpeza, pintura e restauro. Nessa primeira etapa, os membros da cooperativa realizaram os trabalhos de limpeza, recomposição das partes quebradas dos monumentos, aplicação de selador

Ao comemorar 358 anos, Santarém recebe mais investimentos do governo estadual

Com a assinatura de uma ordem de serviço, no valor de R$ 10 milhões, para recuperação de vias urbanas, e o anúncio de outras obras essenciais à população, o governo do Estado participou no sábado (22) das comemorações pelos 358 anos de fundação do município de Santarém, a "Pérola do Tapajós" cantada nos versos de Wilson Fonseca (o maestro Isoca), e que ao longo de mais de três séculos se tornou um polo econômico e cultural na região oeste do Pará. "Hoje, vamos liberar mais de R$ 10 milhões para pavimentação de algumas ruas do município, uma solicitação da Prefeitura. Prontamente estamos colaborando, lembrando que outras agendas já estão se consolidando, como a liberação de recursos para a conclusão do hospital materno-infantil e as obras do terminal hidroviário - que devem ficar prontas ainda este ano. Em setembro, nós estaremos inaugurando o ginásio poliesportivo da cidade", anunciou o governador Helder Barbalho, que foi à sede municipal de Santarém participar

Helder Barbalho participa das comemorações pelos 358 anos de Santarém

O governador do Pará, Helder Barbalho, estará em Santarém, na região do Baixo Amazonas, neste sábado (22), para participar das comemorações pelos 358 anos da cidade. Na ocasião, o chefe do Executivo Estadual será homenageado com a medalha Padre Felipe Bettendorf. A condecoração foi instituída através da Lei nº 9.386 de 9 de Julho de 1981 e é conferida anualmente por ocasião do aniversário de fundação da cidade às pessoas que se destacaram em seus campos de atividades no município ou que a este tenham prestado relevantes serviços. Com o tema "Santarém por todos nós" e slogan "Nosso orgulho, nosso amor é Santarém", a programação pelo aniversário da cidade foi aberta oficialmente no dia 14 de junho e segue até o dia 29. As informações são da Agência Pará

Cancelada inauguração da segunda etapa da Praça de Eventos

A inauguração da segunda etapa da Praça de Eventos, que foi anunciada pelo prefeito Nélio Aguiar, como parte da programação de aniversário de Santarém, no oeste do Pará, foi cancelada. A entrega seria feita nesta sexta-feira, mas a empresa responsável pelo serviço não concluiu a obra. A data de inauguração foi adiada para o mês de julho, porém, a assessoria de comunicação do governo municipal não informou a data que ela será entregue, enfim, à população.  Por meio de nota, a Prefeitura, informa que finalizou a instalação de luminárias de LED e está trabalhando no calçamento até a Avenida Sérgio Henn. Foto: Ascom/PMS

Prazo para sacar o PIS termina na próxima sexta (28)

Termina na próxima sexta-feira (28) o prazo para sacar o abono salarial do PIS/Pasep para quem trabalhou em 2017. O valor varia de R$ 84 a R$ 998, de acordo com o tempo trabalhado naquele ano. Quem não fizer o saque perderá o direito ao benefício. Quem tem direito a sacar o abono? - quem trabalhou com carteira assinada por pelo menos 30 dias em 2017 - ganhou, no máximo, dois salários mínimos, em média, por mês - está inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos - é preciso que a empresa onde trabalhava tenha informado os dados corretamente ao governo Como saber se tenho direito? Para saber se tem direito ao abono salarial, é possível fazer a consulta das seguintes maneiras: PIS (trabalhador de empresa privada): - no Aplicativo Caixa Trabalhador - no site da Caixa , clique em "Consultar pagamento" - pelo telefone de atendimento da Caixa: 0800 726 0207 Pasep (servidor público): - pelos telefones da central de atendimento do Banco do Brasil: 4004-0001 (capitais e regiões metr

Embarcação naufraga no interior do Amazonas

Uma embarcação naufragou ontem (20) na cidade de Carauari, no oeste do estado do Amazonas. O barco, utilizado no transporte de passageiros, afundou próximo a uma comunidade denominada Bacaba. Até o início da manhã de hoje (21), não havia confirmação de mortos ou desaparecidos no episódio. A informação foi fornecida em comunicado divulgado pelo Comando do 9o Distrito Naval da Marinha do Brasil, que acompanha o caso. Uma aeronave do 3o Esquadrão de Helicópteros de Emprego Geral foi enviada ao local para auxiliar nos trabalhos de busca e salvamento. A previsão é que os responsáveis pela operação no 9o Distrito Naval divulguem, ainda na manhã de hoje, novas informações sobre a situação no local do acidente. (ABr)

Governo vai sancionar lei que facilita regularização fundiária no Pará

O governador Helder Barbalho sancionará, em breve, a lei que transfere terras do Estado para a ocupação produtiva em áreas rurais e urbanas do Pará. Em parágrafo único, a lei prevê que a destinação das terras públicas rurais e não rurais do Estado será compatibilizada com as políticas agrícola, ambiental, agrária, extrativista florestal, extrativista de produtos florestais não madeireiros, de desenvolvimento urbano, fundiário e industrial. A lei vai acabar com uma década sem a devida atualização da legislação do setor fundiário e facilitará o acesso às terras, com o objetivo de colaborar socialmente, garantir a segurança jurídica e o direito à propriedade. O Pará vai se tornar um Estado que oferece a devida segurança a todos os produtores, dando condições e amparo legal para consolidarem seus empreendimentos. A lei estabelece a distinção entre áreas rurais e urbanas, e deve contemplar todos os tipos de empresas. Bruno Kono, presidente do Instituto de Terras do Pará (Iterpa), explico