Últimas Notícias

20 organizações, entre Associações, Cooperativas e Grupos, receberão apoio técnico se regularizando através de Edital em Juruti


Juruti é um município com muitas instituições que fazem um trabalho filantrópico importante, seja na proteção do meio ambiente, na cultura, saúde e direitos civis, por exemplo. Mas todas conseguem desempenhar seu papel em plenitude?

Muitas vezes a vontade de contribuir, cumprir a missão da organização, esbarra em desafios, como falta de profissionalismo, falta de conhecimento técnico, para uma boa gestão, passando por irregularidade de atividades oferecidas a inadimplência no campo fiscal. Isso tudo vem a “fechar as portas” no momento de buscar apoio ou participar de editais e financiamentos.

Sabendo de todos esses dilemas locais, o Instituto Juruti Sustentável (IJUS), dedica exclusivamente um edital pela primeira vez para a boa governança das entidades.

Ontem (13), na sede do sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (STTR) de Juruti, foi lançado o edital 2019 “Seleção para o Projeto Fortalecendo a Gestão e Governança Corporativa de Empreendimentos da Sociedade Civil em Juruti EDITAL 2019”. Edital apoiado financeiramente pelo Instituto Alcoa. Estavam presentes instituições locais e autoridades.

O município tem um grande número de associações, cooperativas e grupos que desenvolvem trabalhos em todo o seu território, Sheyla Oliveira, representante do Fundo Juruti Sustentável (FUNJUS) comentou “Muitas vezes as entidades não têm um apoio de gestão. Ao surgir projetos com recursos para acessarem, acabam ficando fora por não terem esse apoio de gestão e também por estarem inadimplentes com o governo muitas vezes. O Projeto do IJUS vem justamente neste ponto, ajudando a legalizar as organizações. Pontuando, como a diretoria pode fazer uma gestão de uma associação”.

Quem pode participar?

Organizações Sociais sem fins lucrativos (cooperativas ou associações) já constituídas juridicamente e Grupos ou Coletivos em processo de constituição ou formalização jurídica, para participarem de seleção para recebimento de apoio através de assessorias técnicas e capacitações no âmbito do projeto.

Serão 15 (quinze) organizações do tipo 1 - Organizações Sociais sem fins lucrativos (cooperativas ou associações) já constituídas juridicamente. E outras 5 (cinco) Organizações do tipo 2 - Grupos e/ou Coletivos em processo de constituição ou formalização jurídica.

Objetivos

· Promover a formação de gestores comunitários voltada para a eficiente gestão institucional e governança das Associações e Cooperativas do Município de Juruti;

· Prestar assessoria para a regularização jurídica, financeira e contábil das organizações;

· Fortalecer o associativismo, autogestão e sustentabilidade administrativa e financeira das organizações.

· Projeto apoiará as instituições com base em um diagnóstico aplicado em cada organização no momento da sua incorporação ao Projeto.

“Este é mais um projeto de grande impacto social positivo que o Instituto Alcoa apoia, pois se multiplicará por meio do fortalecimento dessas organizações. O valor de RS 81 mil do projeto se soma a cerca de R$ 10 milhões já investidos pela empresa por meio do Instituto Alcoa e da Fundação Alcoa no município de Juruti” afirmou Gercilene Silva, representante do Instituto Alcoa na Mina de Bauxita de Juruti.

Para participar:

O edital e todos os formulários para solicitação de inscrição estão disponíveis no site do IJUS (www.ijus.org.br) Menu - Editais & TDRs.

Segundo Carlos Alberto, presidente da Câmara municipal e prefeito em exercício, pontuou resultados concretos da atuação do instituto no território “O IJUS ajuda o município a proporcionar oportunidades”.


Fonte: IJUS

Postar um comentário

0 Comentários