Últimas Notícias

Avança proposta de parceria entre IJUS e Prefeitura de Juruti na gestão dos recursos da CFEM


Foi aprovada nesta sexta-feira (27), a proposta inicial apresentada pelo Instituto Juruti Sustentável (IJUS) para atender ao plano de parceria entre o Instituto e a Prefeitura Municipal de Juruti para a utilização da Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM). Esta foi a segunda reunião entre as secretarias municipais, prefeito de Juruti, Manoel Henrique Gomes Costa, e lideranças do IJUS.

O Instituto apresentou o formato potencial da parceria, onde deverá ser criada uma pasta específica para a finalidade do recebimento dos recursos da CFEM no Fundo Juruti Sustentável (FUNJUS), assegurando que a verba seja gerenciada separadamente. O IJUS apresentou como proposta, ainda, a obrigatoriedade de haver um manual operativo, incluindo gestão financeira, entre as quais a internalização e destinação de recursos, e monitoramento. A gestão deverá ser compartilhada entre integrantes da Prefeitura e membros do IJUS.

Este é o formato que o Instituto já trabalha há mais de 10 anos e garante total transparência e eficiência na utilização do Fundo Juruti Sustentável, que é um instrumento financeiro para investimentos efetivos na concretização de ações que promovem a sustentabilidade de Juruti e entorno.

Projeto de Lei

Agora, a proposta será analisada pelo jurídico da Prefeitura. Após definido o formato final da proposta, será criado um projeto de Lei para aprovação na Câmara dos Vereadores. Em paralelo, a população será consultada para contribuir com o direcionamento das áreas prioritárias para investimentos.

“A Prefeitura de Juruti já tem o entendimento de que é importante ter uma destinação específica de parte do recurso da CFEM no empreendedorismo ou por meio da criação de um fundo ou potencializando o que o IJUS já desenvolve no município”, falou José Maria Melo, Secretário de Governo de Juruti. “A proposta que o IJUS vem trabalhando atende a expectativa da Prefeitura. Daqui pra frente, é chegar numa proposta que o objetivo seja o uso específico para empreender atividades econômicas, visando o bem da população de Juruti”, completa.

O que o município ganha?
O IJUS é uma organização que tem grande experiência na destinação adequada de recursos em projetos. Executou mais de 50 projetos diretamente em Juruti e entorno, e vem trabalhando com vários parceiros de referência nacional e internacional. Beneficiou mais de 10 mil pessoas, chegando em 138 comunidades de Juruti até o momento.

“O IJUS tem uma trajetória de transparência na gestão do fundo, contando com ótima capacidade gerencial e de execução de projetos de real impacto e valor para a sociedade. Juruti só tem a ganhar com esta parceria. Temos orgulho de nosso trabalho, porque os resultados são concretos a todos”, afirmou Bárbara Espínola, secretária executiva do IJUS.

Em 2008, pelo Ministério da Justiça, o IJUS foi certificado como Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), sendo, neste ano, ratificado pelo Governo do Estado do Pará como organização de interesse público.

Conheça o IJUS, acesse www.ijus.org.br Apoie ações pela sustentabilidade na região oeste do Pará.

Fonte: Divulgação I IJUS

Postar um comentário

0 Comentários