Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo 13º salário

Estado começa pagar 13º no dia 14 e injeta mais de R$ 700 milhões na economia

O pagamento do 13º salário dos servidores estaduais injetará, neste final de ano, mais de R$ 700 milhões na economia paraense, informou a secretária de Estado de Administração, Alice Viana, nesta sexta-feira (09). A parcela única será paga pelo governo paraense entre os dias 14 e 20 de dezembro, beneficiando 145 mil servidores públicos ativos e inativos. Na sequência, terá início o pagamento do salário referente ao mês de dezembro. “O pagamento dos salários de dezembro começa no dia 28”, assegurou a secretária. Crise - Três grandes estados brasileiros - Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul e Minas Gerais - decretaram situação de calamidade nas finanças públicas. O agravamento da situação econômica do País, com forte impacto sobre as contas públicas, tem impossibilitado o pagamento em dia dos salários e do décimo terceiro em vários Estados. “No Pará, temos um relativo conforto com as medidas de controle que já vêm sendo exercitadas desde 2015, com a reforma administrativa e um amplo pro

Previdência começa paga a segunda parcela do décimo terceiro

Os segurados da Previdência Social começaram a receber hoje (25) a segunda parcela do décimo terceiro salário. O pagamento está sendo feito na folha de novembro, creditada entre hoje e o dia 6 de dezembro. No total, 26.634.645 de beneficiários terão direito à gratificação natalina. Em todo o Brasil o pagamento do restante do décimo terceiro salário ultrapassará os R$ 13 bilhões. Os depósitos começaram hoje para os segurados que recebem até um salário mínimo e têm cartão com final 1, desconsiderando o dígito. Os aposentados e pensionistas que recebem acima desse valor receberão o benefício a partir do dia 2 de dezembro. De acordo com o Ministério da Previdência Social, a maioria dos aposentados e pensionistas receberá 50% do valor do benefício mensal, mas haverá desconto de Imposto de Renda nesta parcela. A exceção é para quem passou a receber o benefício depois de janeiro de 2013, que terá o valor calculado proporcionalmente. Os segurados que estão recebendo auxílio-doença também rece

13º salário deverá injetar R$ 143 bilhões na economia, diz Dieese

Até dezembro deste ano, o pagamento do 13º salário deverá injetar cerca de R$ 143 bilhões na economia brasileira, segundo estimativas do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese), divulgadas nesta segunda-feira (28). O valor previsto para este ano indica um crescimento de 9,8% frente a 2012 . Cerca de 82,3 milhões de brasileiros serão beneficiados com um rendimento adicional de R$ 1.740, em média. Receberão o 13º salário os trabalhadores do mercado formal, inclusive empregados domésticos; os beneficiários da Previdência Social e os aposentados e beneficiários de pensão da União e dos estados. Dos cerca de 82 milhões de brasileiros que devem ser beneficiados pelo pagamento do 13º salário, perto de 30,76 milhões (37,4%) são aposentados ou pensionistas da Previdência Social. Os empregados formais (50,6 milhões de pessoas) correspondem a 61,4% do total. Dentro desse grupo, os empregados domésticos com carteira de trabalho assinada somam 1,760 milhão (2,

Servidores receberão dois salários em dezembro

O pagamento do 13º salário para os mais de 100 mil servidores públicos do Estado injetará na economia paraense R$ 281 milhões. Somados os pagamentos dos salários de novembro e dezembro e do salário extra, o montante pode chegar a R$ 1 bilhão, o que representa 1,38% do Produto Interno Bruto (PIB) do Estado em 2011, segundo estudos do Instituto de Desenvolvimento Econômico, Social e Ambiental do Pará (Idesp). “É um valor grande, partindo-se do pressuposto que no Brasil o pagamento do 13º salário injeta na economia R$ 118 bilhões. Uma representatividade expressiva em termos de atividade econômica do Estado”, explica a coordenadora do Núcleo de Análise Conjuntural do Idesp, Silvia Nunes. Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) estimam que as vendas no comércio, por exemplo, cresçam 8,64% no Brasil e 10,35% no Pará em dezembro. Os estudos apontam que a maior parte desse dinheiro será destinado aos setores de comércio e serviços, mais especificamente para a área d

Empresa deve pagar parte do 13º salário até quarta

Quarta-feira (30), é o último prazo que as empresas têm para pagar a primeira parcela do 13º salário ao trabalhador. O valor é equivalente a um mês de salário para aqueles que foram registrados na empresa até o dia 16 de janeiro. No caso do trabalhador que foi contratado após essa data, o benefício será proporcional, sendo 1/12 do salário para cada mês trabalhado --lembrando que o período de 15 ou mais dias, pela legislação brasileira, é considerado mês integral. Para saber o valor correto, basta dividir o salário por 12 e multiplicar pelo número de meses trabalhados no ano. Assim, se um trabalhador foi contratado no dia 10 de maio, ele terá direito a 8/12 do salário como 13º.

Primeira parcela do 13º salário deve ser paga até o dia 30 de novembro

Os trabalhadores contratados em regime de CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) devem receber a primeira parcela do 13º salário - correspondente a metade do valor total da gratificação - até o dia 30 de novembro. A segunda parcela deverá ser paga até o dia 20 de dezembro. O 13º salário é um direito garantido pela Constituição Federal de 1988 a todos os profissionais com carteira assinada. O valor da gratificação consiste no pagamento de 1/12 da remuneração devida no mês de dezembro por mês de serviço prestado. Pessoa jurídica ou contratado: o que vale mais a pena? Calcule Como calcular Para saber qual o valor do seu 13º salário basta dividir o salário de dezembro por 12 e multiplicar o resultado pelo número de meses que trabalhou no ano. Neste cálculo, considera-se também como mês integral parcela igual ou superior a 15 (quinze) dias trabalhados no mês. Se o trabalhador está há 10 meses na empresa e ganha R$ 1.500 por mês, ele deverá receber o valor de R$ 1.250 referente ao

INSS: publicado decreto que autoriza antecipação de metade do 13º para agosto

Da Agência Brasil O Diário Oficial da União publica hoje (22) decreto que autoriza a antecipação de metade do décimo terceiro salário em agosto. O crédito para cerca de 24,6 milhões de beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) será depositado entre os cinco últimos dias úteis de agosto e os cinco primeiros dias úteis de setembro. Ano passado, 23,6 milhões de beneficiados receberam a primeira parcela antecipada do décimo terceiro, o que representou uma injeção de recursos de R$ 9 bilhões na economia dos municípios, de acordo com dados do Ministério da Previdência. É a sexta vez que a Previdência paga antecipadamente uma parcela dessa gratificação. A primeira foi em 2006, resultado de acordo firmado entre governo e entidades representativas de aposentados e pensionistas. Os segurados do INSS podem acompanhar o calendário de pagamentos de 2011 pelo site da Previdência Social . Cartazes com o cronograma também foram distribuídos à rede bancária e às agências de P