Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Bosque da Vera Paz em Santarém

Moradores pedem cuidado com o bosque da Vera Paz

O Bosque da Vera Paz foi inaugurado no mês de junho de 2012, ainda no governo da ex-prefeita Maria do Carmo Martins. A obra surgiu da proposta de ofertar à população um local para o lazer e entretenimento das pessoas, com o indicativo de fomentar também o turismo, já que o local está localizado na orla de Santarém, no oeste do Pará. Quatro anos depois, o espaço ainda atrai muita gente. Porém, a falta de cuidado com o lugar preocupa os moradores do bairro Laguinho e também de quem frequenta o bosque, pois o equipamento público está com aparência de abandono, já que o lixo e o mato são predominantes nestes últimos meses. Os moradores reclamam da falta de zelo com o equipamento público. Muita gente utiliza o espaço para fazer caminhadas e atividades físicas, além de passeio com a família. Mas com a quantidade de sujeira ao redor, as pessoas têm receio de frequentar o lugar, principalmente por causa do mal cheiro que exala da água parada que se acumula nos arredores do bosque. O ma

Bosque da Vera Paz tomado pelo lixo em Santarém

Inaugurado em junho do ano passado, o Bosque da Vera Paz, obra de autoria do governo da ex-prefeita Maria do Carmo Martins Lima, encontra-se abandonado pelo Poder Público. O espaço foi criado para fomentar a atividade turística de Santarém, porém, quase um ano depois de sua inauguração, o local está tomado pela sujeira, lixo e mato, tornando aquele ambiente impróprio para o uso da população. Neste período de cheia, a Prefeitura não se preocupou em limpar a área e o matagal tomou conta de todo o lugar. As pessoas que caminham por ali dizem que à noite, a escuridão causa um clima de insegurança e não existe vigia no local, usado também por marginais e viciados. É raro ver um turista usufruindo daquele espaço público. O atual governo também age de maneira negligente no zelo com o Bosque da Vera Paz. Há quem diga que o bosque foi uma obra eleitoreira do governo petista. No período de chuvas intensas, o local fica praticamente debaixo d’água já que não houve cuidado dos engenheiros respo