Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Caso Joelson

Casal é condenado a mais de 27 anos de prisão

A juíza Andréa Lopes Miralha, da 5ª Vara Penal da Comarca de Ananindeua, condenou Savana Nathália Barbosa Cruz e Raimundo Nonato Ferreira dos Santos, a 27 anos e oito meses de reclusão e 27 anos e cinco meses de reclusão, respectivamente, pelo crime de latrocínio praticado contra o vigilante Joelson Ramos de Souza, ocorrido em 10 de julho deste ano de 2011. A magistrada acatou parcialmente a denúncia oferecida pelo Ministério Público, condenando os réus também pelos crimes de destruição, subtração e ocultação de cadáver. Ela encaminhou para a Comarca de Novo Repartimento a acusação contra Raimundo Nonato de uso de documentos falsos, e para a Comarca de Belém a acusação contra ambos de prática de estelionato. De acordo com a sentença, a magistrada aplicou o agravante de uso de recurso que impossibilitou a defesa da vítima, que, de acordo com os laudos sobre o local do crime e condições do cadáver, dentre outros, foi atacada de forma inesperada. Como atenuante, no caso de Raimundo, a

Matadores de Joelson são ouvidos pela Justiça

A Justiça começa, nesta quinta-feira (28), a fase de instrução processual do caso do assassinato do vigilante Joelson Sousa Ramos, 32 anos, morto dentro de um motel, em Ananindeua, na região metropolitana de Belém, em julho deste ano. A vítima foi esquartejada e teve a cabeça cortada. Savana Nathália Barbosa Cruz e Raimundo Nonato Ferreira dos Santos são acusados do crime. A audiência acontece no Fórum de Ananindeua, sob a presidência da juíza da 5ª Vara Criminal, Andréa Miralha. Na primeira audiência serão ouvidos os acusados, além de sete testemunhas de acusação, requisitadas pelo Ministério Público. A defesa não apresentou nenhuma testemunha.

Caso Joelson: polícia divulga cronologia do crime

As informações são do portal ORM O casal apontado como autor do assassinato do vigilante Joelson Sousa Ramos foi apresentado à imprensa, na noite desta quinta-feira (11), durante entrevista coletiva. Raimundo Nonato Ferreira dos Santos, de 32 anos, foi preso em uma zona rural localizada a 30 km do município de Novo Repartimento. Já Savana Nathália Barbosa Cruz foi presa ao chegar em um porto, no município de Almerim. Durante a entrevista coletiva, a Polícia Civil mostrou toda a cronologia do crime, desde o momento em que a acusada ligou para Joelson e marcou um encontro no motel, no bairro da Guanabara, em Ananindeua, no dia 10 de julho, até o momento da prisão. De acordo com o delegado Luiz Xavier, responsável pela prisão de Raimundo Nonato, uma equipe da polícia, composta por 12 homens, estava de 'campana' no local onde o acusado estava escondido. 'Ele estava em uma área rural, afastada de Novo Repartimento. Era uma zona pesqueira', explica o delegado. Raimund