Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Davi Silva Amaral

Preso principal suspeito de espancar Davi Amaral

A rison Sá se entregou à polícia nesta quarta-feira. Arisson Sá Pedro, 24 anos, principal suspeito de espancar Davi Silva Amaral, se entregou à polícia na manhã desta quarta-feira (20). Acompanhado de parentes, o rapaz foi apresentado na 16ª Seccional Urbana de Polícia Civil, em Santarém, no oeste do Pará. Neste momento, ele presta depoimento ao delegado da Especializada em Homicídios, Dmitri Teles, que deve falar com a imprensa ainda nesta manhã repassar informações sobre os motivos que levaram Arisson espancar Davi, que teve morte encefálica confirmada no último domingo (17). O corpo da vítima foi sepultado na tarde de ontem, no cemitério dos Mártires, no centro da cidade. A Justiça decretou a prisão temporária de Arisson Sá por 30 dias. Davi Silva Amaral foi vítima de espancamento, na madrugada do último dia 14. Ele foi encontrado desacordado, seminu, jogado em terreno baldio no bairro Livramento. Na noite anterior, a vítima estava em um bar, acompanhado de um advogado e um rap

Decretada prisão temporária do principal suspeito da morte do jovem Davi Amaral

O juiz Gabriel Veloso acatou o pedido da Polícia Civil e expediu o mandado de prisão contra Arrisson Sá Pedroso, principal suspeito de matar o jovem Davi Silva Amaral. Segundo a assessoria do Fórum da Comarca de Santarém, por volta das 11h42 desta terça-feira (19), a 3ª Vara Criminal recebeu o pedido da autoridade policial de decretação da prisão temporária do acusado, pedido atendido de imediato pelo juiz Gabriel Veloso.

Confirmada morte encefálica de jovem espancado no bairro Livramento, em Santarém

Na noite deste domingo (17), a direção do Hospital Municipal Dr. Alberto Toletino Sotelo, confirmou a morte encefálica (ME) do jovem Davi Silva Amaral, 18 anos. O protocolo de ME iniciou na última sexta-feira (15), só ao final de todos os exames exigidos pelo protocolo que é possível oficializar a morte cerebral. A família já foi comunicada irá decidir pela doação de órgãos. Davi Silva Amaral foi vítima de um crime covarde, na madrugada do último dia 14. Ele foi encontrado desacordado em um terreno baldio, no bairro Livramento, em Santarém, no oeste do Pará. Na noite anterior, ele estava em um bar, acompanhado de amigos. O jovem foi achado seminu, com marcas de agressão pelo corpo e fraturas na cabeça. A polícia continua investigando o caso e a principal suspeita é que ele teria sido vítima de homofobia.