Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo De olho no coronavírus

Santarém não registra casos de Covid-19 há dois dias

Subiu para 165, o número de casos confirmados do novo coronavírus no Pará. Os novos registros da doença foram divulgados no boletim da Secretaria de Estado de Saúde (Sespa), nesta quarta-feira (8). Todos os 11 casos confirmados pela Sespa foram registrados em Belém, que segue liderando os números da doença no Estado. As novas vítimas da Covid-19 são sete homens e quatro mulheres, com idade entre 27 a 84 anos. Em Santarém, não há registro da doença desde o dia 6 de abril, quando foram notificados cinco casos. No município, são 10 casos confirmados, uma morte, 29 casos negativos e 18 em análise. Para manter a cidade livre da doença, a Prefeitura baixou decretou toque de recolher, a partir desta quinta-feira (9), até o dia 19, no horário das 21h às 5h. Além disso, tornou obrigatório o uso de máscara nas feiras e mercados da cidade. Também está proibido o transporte intermunicipal de passageiros na região. As medidas são para conter a disseminação da doença nos municípios do oeste parae

Pará registra 18 casos de Covid-19; cortes de energia elétrica estão suspensos no estado

O estado registra 18 casos positivos da doença. Neste sábado (28), A Secretaria de Estado de Saúde pública (Sespa), confirmou mais um caso. A paciente é uma mulher de 42 anos, de Belém. Ela esteve em contato com um paciente de Belém que testou positivo para o Novo Coronavírus. Em todo o Brasil já são 111, o total de mortos pela doença. Em um dia, foram registradas 19 mortes. Cortes de energia suspensos  A empresa concessionária de energia elétrica não poderá cortar o fornecimento de energia elétrica do consumidor paraense pelos próximos meses. Um acordo firmado entre entre o governador Helder Barbalho e o presidente da Equatorial Energia, Augusto Miranda, suspende os cortes neste período. É mais uma medida na luta do Pará contra o novo coronavírus. A medida foi tomada durante uma videoconferência entre o chefe do Executivo Estadual e o presidente da concessionária. O objetivo do governo é reduzir os prejuízos à população durante a pandemia do novo coronavírus no Pará. Est

Portaria da Polícia Civil suspende o licenciamento para eventos no Pará

A Polícia Civil do Pará informou, na noite desta sexta-feira (27), que já identificou um dos organizadores da carreata marcada para o próximo domingo (29), mesmo sem ter autorização para ser realizada. Um Inquérito Policial será instaurado para identificar, indiciar e intimar os outros envolvidos na organização do evento. A medida visa dar cumprimento à Portaria 121/2020, da Diretoria de Polícia Administrativa, da Polícia Civil do Pará (DPA), publicada no boletim interno da instituição, em cumprimento ao decreto estadual publicado no Diário Oficial do Estado desta sexta-feira (27), o qual determina a suspensão do licenciamento e/ou autorização para eventos, reuniões, manifestações, carreatas, e/ou passeatas, de caráter público ou privado e de qualquer espécie, a fim de evitar aglomeração e, consequentemente, os riscos de disseminação do novo Coronavírus. A Portaria também suspende o licenciamento de trios elétricos, minitrios e carretinhas para participação nesses eventos, e dete

Novo horário de funcionamento de postos de combustíveis começa hoje

Já está valendo a determinação da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) regulamentando a redução no horário de funcionamento dos postos de combustíveis e os de revendas gás liquefeito de petróleo (GLP). Os revendedores de combustíveis automotivos em todo o país passam a funcionar, no mínimo, de segunda-feira a sábado, das 7h às 19h. Até então, o horário mínimo de funcionamento era das 6h às 20h. A medida foi tomada em razão da pandemia do novo coronavírus (covid-19). "As medidas reforçam o cuidado com a garantia do abastecimento nacional e flexibilizam algumas obrigações, entre elas o horário de funcionamento dos postos de combustíveis", informou a agência. A resolução determina ainda que os representantes dos operadores de terminais e dutos de petróleo, dos transportadores de gás natural, distribuidores de GLP, de postos revendedores de combustíveis automotivos deverão informar à ANP "quaisquer alterações nas rotinas operacionais que poss

Editorial: Jornalistas no front da batalha contra o Coronavírus

Nos últimos dias, nunca se falou tanto em prevenção como agora. A pandemia do Coronavírus, que assola o mundo inteiro, assusta. E são estarrecedores, os números de mortos e infectados, a cada atualização feita pela imprensa, com base nos dados dos órgãos oficiais. Em todo o mundo, a Covid-19 já matou mais de 11 mil pessoas. Aqui no Brasil, são 12 o total de mortes e quase mil, o número de infectados. No Pará, esta semana, foram registrados dois casos. O suficiente para que o governador decretasse estado de emergência e adotasse medidas drásticas como forma de prevenção para evitar o contágio dos paraenses. Aqui em Santarém, até o momento não existe caso confirmado. Mas pelo menos 11 são suspeitos e 10 casos estão em análise e um já foi descartado. As medidas de enfrentamento ao Coronavírus tomadas pela Prefeitura são para evitar a disseminação da doença. Eventos foram cancelados, aulas suspensas e as fronteiras do município estão fechadas. A ordem é para que as pessoas fiquem em cas

Prefeitura de Santarém divulga decreto com atos de prevenção ao coronavírus

Foi publicado no Diário Oficial dos Municípios, o decreto nº 095/2020, assinado pelo prefeito de Santarém, Nélio Aguiar (DEM), regulamentando medidas temporárias para o enfrentamento da emergência de saúde pública em decorrente do novo coronavírus, conforme estabelece a Lei Federal nº 13.979/2020. O decreto proíbe, entre outras coisas, a realização de eventos públicos com público superior a 300 pessoas em locais fechados pelo prazo de 30 dias. O decreto atende ao Estado de Emergência em Saúde Pública de importância Nacional decretado pelo Ministério da Saúde em virtude da disseminação global da infecção pelo novo coronavírus (Covid-19). Nesta quarta-feira (18), foi confirmado o primeiro caso da doença no estado do Pará. Medidas drásticas estão sendo adotadas tanto pelo governo estadual quanto pelo municipal. Entre as decisões administrativas estão a suspensão das aulas na rede pública de ensino. Órgãos públicos das três esferas também seguem paralisando suas atividades, ou suspend

Confirmado o primeiro caso de Covid-19 no Pará

O Governo do Estado e a Secretaria de Estado de Saúde (Sespa) confirmam o registro do primeiro caso do novo Coronavírus (Covid-19) no Pará. O paciente P.R.O. tem 37 anos de idade e é do sexo masculino e está em isolamento domiciliar. Seu estado de saúde é estável. Logo mais, às 15h, o governador Helder Barbalho concede coletiva de imprensa no Palácio dos Despachos para dar mais informações sobre o caso, o estado de saúde do paciente e ainda sobre as ações de combate que serão adotadas e/ou reforçadas a partir deste cenário. Desde o início da semana, por meio de decretos governamentais, Helder Barbalho vem determinando medidas no sentido de proteger a população e evitar a proliferação da doença em todo o Estado. As informações são da Agência Pará

Aulas na rede municipal serão suspensas em Santarém (PA)

As aulas da rede municipal de ensino em Santarém, no oeste do Pará, serão suspensas a partir da próxima segunda-feira (23), anunciou na noite desta terça-feira (17), o prefeito Nélio Aguiar, em vídeo divulgado em suas redes sociais. A medida é mais uma forma de prevenção contra o novo coronavírus. Apesar de não ter sido registrado nenhum caso no município, a Prefeitura achou por bem suspender as atividades nas escolas públicas, creches, CRAS e no Centro de Convivência do Idoso, também a partir do dia 23. Nélio anunciou ainda, a proibição de eventos com público superior a 500 pessoas. “São medidas drásticas, mas extremamente necessárias”, justificou o prefeito de Santarém. A intenção é evitar aglomerações e garantir que a população se mantenha livre do Covid-19. Pela determinação do gestor municipal, as aulas só retornam no dia 5 de abril. Rede estadual de ensino Logo cedo, em Belém, o governador do Estado, Helder Barbalho, anunciou a suspensão já a partir desta quarta-feira (18), da

Alcoa adota plano externo na Mina de Juruti

A Alcoa divulgou comunicando informando que adotou medidas indicadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS) e pelo Ministério da Saúde, com o objetivo de proteger seus funcionários, colaboradores e a comunidade de Juruti, no oeste do Pará. Confira a nota na íntegra: A Alcoa implementou um plano extenso para proteger nossas pessoas e nossa comunidade da ameaça do COVID-19, de acordo com todas as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e o Ministério da Saúde.  Cuidar das Pessoas é o valor da Alcoa que impulsiona a total colaboração da companhia no combate à disseminação deste vírus. O zelo com a saúde é uma prática constante e permanente da Alcoa e se entende a todos os colaboradores diretos, indiretos, parceiros e comunidade onde atuamos. Estamos mantendo as recomendações para que viajantes internacionais que cheguem ao Brasil fiquem em isolamento domiciliar por 7 dias mesmo que não tenham sintomas de COVID-19 e para todos que retornem de viagens a regiões com

Brasil tem 200 casos de coronavírus confirmados

Em um intervalo de apenas 24 horas, o Brasil registrou um crescimento de 65% no número de casos confirmados de infecção pelo coronavírus, com um total que passou de 121 para 200, de acordo com balanço divulgado na tarde deste domingo, 15, pelo Ministério da Saúde. A América Latina já soma ao menos 612 registros, e países como Argentina e Colômbia anunciaram fechamento de fronteiras. No Brasil, São Paulo e Rio são os Estados onde há transmissão comunitária do vírus - ou seja, ele já circula nessas regiões. Eles têm 136 e 24 casos da doença, respectivamente, sem nenhuma morte. Distrito Federal (com 8 casos), Paraná (6), Rio Grande do Sul (6), Santa Catarina (6), Goiás (3), Minas Gerais (2), Espírito Santo (1), Rio Grande do Norte (1), Bahia (2), Pernambuco (2), Alagoas (1), Sergipe (1) e Amazonas (1) têm casos importados, de pessoas que contraíram a covid-19 em outras regiões. Autoridades médicas estaduais ainda investigam 1.915 casos suspeitos da doença, segundo os dados do minis

Organização Mundial da Saúde declara pandemia de coronavírus

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom, declarou hoje (11) que a organização elevou o estado da contaminação pelo novo coronavírus como pandemia. A mudança de classificação não se deve à gravidade da doença, e sim à disseminação geográfica rápida que o Covid-19 tem apresentado. "A OMS tem tratado da disseminação [do Covid-19] em uma escala de tempo muito curta, e estamos muito preocupados com os níveis alarmantes de contaminação e, também, de falta de ação [dos governos]", afirmou Adhanom no painel que trata das atualizações diárias sobre a doença. O Ministério da Saúde marcou para as 14h o início da divulgação do boletim diário de atualização sobre o coronavírus. No Brasil Na Câmara dos Deputados, o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, disse que a declaração de pandemia não muda as medidas no Brasil. O país continua com o monitoramento das áreas atingidas e com as iniciativas e protocolos já anunciados. Hoje, o titular da pasta vai pa

Brasil confirma primeiro caso do novo coronavírus

Está confirmado o primeiro caso de coronavírus no Brasil. O resultado da contraprova deu positivo para um paciente de 61 anos, residente em São Paulo, com histórico de viagem para a Itália, na região norte do país, no período de 9 a 21 deste mês. O paciente, um homem, está bem, segundo o Ministério da Saúde, e ficará mantido em isolamento respiratório domiciliar. O homem foi submetido ao teste de contraprova no Instituto Adolfo Lutz e o resultado deve ser anunciado hoje pelo MS. A doença já matou 2.708 pessoas em todo o mundo. O Brasil é o primeiro país latino-americano a confirmar um caso do novo vírus. A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), informou, por meio de nota, que solicitou da companhia aérea, a lista de passageiros do voo que trouxe o paciente ao Brasil. O monitoramento dos voos internacionais vindos de países onde há casos confirmados da doença aumentou, informou a Anvisa. No Brasil, está sendo monitorados 02 casos suspeitos em Espírito Santo e Pernambuco

Teste para coronavírus dá positivo em homem que mora em São Paulo

Um homem de 61 anos teve seu teste para coronavírus atestado positivo neste terça-feira (25). Agora, Ministério da Saúde, em conjunto com as secretarias estadual e municipal de São Paulo, investigam o possível caso positivo mas aguardam a contraprova do exame, que será feito pelo Instituto Adolfo Lutz. O Hospital Albert Einstein, na Zona Sul da capital paulista, registrou em 25 de fevereiro a notificação do caso suspeito de um homem de 61 anos, que viajou para o norte da Itália entre 9 e 21 de fevereiro. O paciente tem sinais brandos da doença, como tosse, e está internado no hospital. O processo de validação dos resultados está em curso e o Ministério da Saúde divulgará o laudo final da investigação oportunamente. A pasta recomenda, portanto, cautela sobre quaisquer informações que não sejam as oficiais, uma vez que a investigação não está concluída. Dicas de Prevenção ► Cobrir a boca e nariz ao tossir ou espirrar; ► Utilizar lenço descartável para higiene nasal; ► Evitar tocar

Brasileiros resgatados na China chegam à Base Aérea de Anápolis (GO)

  Os 34 brasileiros resgatados na China chegaram à Base Aérea de Anápolis, em Goiás, na manhã deste domingo (9). Eles vieram em dois aviões da Força Aérea Brasileira (FAB) enviados ao país asiático na última quarta-feira (5). As aeronaves pousaram às 6h05 e 6h12 vindas de Fortaleza, última escala técnica no trajeto da chamada Operação Regresso. O resgate foi feito na cidade chinesa de Wuhan, epicentro do surto mundial do coronavírus. As aeronaves também trouxeram quatro poloneses e um chinês que desembarcaram em Varsóvia, na Polônia, um dos locais de escala para abastecimento. Os repatriados vão permanecer em quarentena por 18 dias, no hotel de trânsito da Base Aérea de Anápolis, que foi especialmente preparado para essa operação. A tripulação –médicos, pilotos, enfermeiros, etc... – que participou do resgate também vai cumprir período de quarentena. Todos ficarão em apartamentos individuais ou, no caso dos que são pais ou mães de crianças menores, poderão ficar no mesmo quarto. O

Ministério da Saúde, estados e municípios planejam ações para enfrentamento do novo coronavírus

O diálogo e a articulação entre os entes gestores do Sistema Único de Saúde e demais atores do setor no país tem marcado a atuação do Brasil no que diz respeito ao novo coronavírus. Na quinta-feira (6), durante a primeira reunião da Comissão Intergestores Tripartite (CIT) de 2020 - dedicada exclusivamente às ações relacionadas ao novo coronavírus - governo federal, estados e municípios alinharam a atuação do SUS diante da iminência da chegada do vírus ao país. O encontro foi transmitido ao vivo e contou com a participação maciça da imprensa, para a qual os gestores enfatizaram a importância da informação e do reforço das ações de comunicação para o devido entendimento dos cidadãos a respeito da situação. O presidente do Conass e secretário de saúde do Pará, Alberto Beltrame, destacou o apoio e o alinhamento entre o Ministério da Saúde e os estados na condução da situação atual, em que não há casos confirmados e que o enfoque é na prevenção e na vigilância, além da organização da ate