Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo Patrimônio histórico de Santarém

Encontro de eternos alunos reúne gerações do Colégio Santa Clara

Por: Genildo Júnior* O Colégio Santa Clara, mantido pela Rede de Educação SMIC da Congregação das Irmãs Missionárias da Imaculada Conceição da Mãe de Deus, realiza amanhã um encontro de eternos alunos, fazendo parte da programação oficial de seu centenário. A atividade vai reunir gerações que construíram essa história e contribuíram para tornar este educandário referência na formação cristã e humanística. Para a diretora do colégio, Irmã Gizele Marinho-SMIC, este evento é o ponto alto das celebrações neste ano, sendo uma grande reunião entre as pessoas que ajudaram a consolidar este projeto que nasceu do coração de Dom Amando e Madre Imaculada. “Será um encontro certamente marcante e de alegria para aqueles que aprenderam muito neste chão sagrado”, disse a diretora. A programação que inicia às 17 horas está sendo organizada pelo Grupo de Trabalho do Centenário (GT) e o Serviço de Orientação Religiosa (SOR), incluindo uma celebração eucarística que será presidida pelo or

Governo terá mais cautela na liberação de alvará de construção em Santarém

Por: Martha Costa Após as constantes denúncias de que a obra de um luxuoso hotel na orla de Santarém,  no local onde antes existiam dois prédios históricos da cidade,  possivelmente estaria em situação irregular, parece que surtirá algum efeito no poder público municipal que deverá estabelecer critérios mais rigoroso para a liberação de alvará de construção. A informação é do secretário de Planejamento e Desenvolvimento de Santarém, Valdir Matias Júnior, após ser questionado sobre a eminência de riscos oferecidos pela obra no prédio da antiga Lucy e casarão da família Reça. A obra, segundo as inúmeras denúncias, também oferece risco de desmoronamento à um logradouro público existente no local, a Praça do Mirante, e a partir das denúncias, o secretário disse que “nós estamos lamentando isso porque para você alterar um prédio que é do Patrimônio Histórico e Arquitetônico você precisa ter autorização da Secretaria de Cultura do Estado, através do Departamento do Patrimônio Histórico e

Patrimônio histórico de Santarém destruído

Um crime ao patrimônio histórico de Santarém é o que se pode observar nestas duas fotos que ilustram este post. A primeira imagem nos remete à década 80 quando o casarão da família Reça e a padaria Luci, prédios localizados na rua Lameira Bittencourt, faziam parte do passado recente desta cidade.  A imagem abaixo é o retrato do descaso, da irresponsabilidade e da leniência das nossas autoridades. A foto feita do alto do Morro da Fortaleza dá a dimensão do dano causado ao patrimônio histórico. O local que um dia abrigou esses importantes imóveis receberá brevemente um prédio comercial. Do cenário antigo, resta apenas a fachada que possivelmente será mantida em seu aspecto original. Além do dano ao patrimônio histórico, outro fator preocupante é a retirada de parte do Morro da Fortaleza, que ocorre sem fiscalização dos órgãos ambientais. Moradores ouvidos pelo blog temem o risco de um deslize de terra, principalmente neste período de chuvas fortes e intensas. O silêncio coletivo da