Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo aumento dos combustíveis

Combustível mais caro a partir de 1º de outubro

O Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz), publicou no Diário Oficial da União (DOU), uma nova tabela de preço médio ponderado ao consumidor final (PMPF), de combustível em todo o país. Os valores entrarão em vigor a partir de 1º de outubro. O documento do Confaz traz o preço atualizado de 11 produtos nas 27 unidades da federação e, de acordo com a tabela, a gasolina estará mais cara a partir da próxima quarta-feira (1/ 10), em 18 estados brasileiros. Em 17 estados e no Distrito Federal, o diesel também sofrerá reajuste. Já o gás de cozinha, tem aumento em 14 estados e no DF. A previsão é que o preço dos combustíveis tenha alta na maior parte dos Estados. O DF é a única unidade federativa que teve queda no preço médio da gasolina em comparação com os preços em vigor desde 16 de setembro. Em relação ao diesel, apenas o Maranhão deverá sentir queda no valor. O preço do combustível deverá ser mantido em pelo menos oito estados. Quando se fala em gás de cozinha, a situação é um p

Governo formaliza aumento do percentual de etanol na gasolina a partir de maio

Uma portaria do Conselho Interministerial do Açúcar e do Álcool, publicada hoje (1º) no Diário Oficial da União, formaliza a decisão do governo de aumentar para 25% a quantidade de etanol que é misturada na gasolina, a partir do dia 1º de maio. Para a União da Indústria de Cana-de-Açúcar (Unica), a medida traz tranquilidade para o setor sucroenergético nacional, porque permite que as empresas planejem sua produção e comercialização ao longo da próxima safra. Segundo a entidade, o aumento do percentual de etanol adicionado à gasolina vai possibilitar que a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) defina os níveis de contratação do combustível pelas distribuidoras nas empresas produtoras. Assim, ficam garantidos os volumes de estoque de etanol anidro (o tipo que é misturado à gasolina) para manter estável a oferta durante a entressafra 2013/2014, que ocorre entre dezembro deste ano e março de 2014.