Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo doação de sangue

Doação de sangue é essencial no tratamento e recuperação do paciente oncológico, reforçam especialistas

Durante o ano de 2021, o Hospital Ophir Loyola, que é o Centro de Alta Complexidade em Oncologia (Cacon) do Pará, registrou 4.500 internações e mais de 2.800 cirurgias de médio e grande porte. A transfusão de sangue salvou uma parcela considerável de pacientes que contaram com um gesto voluntário e generoso de desconhecidos para dar seguimento ao tratamento e estabilizar a situação clínica. A cada mês, são realizadas de 600 a 900 transfusões no hospital. E, em alguns meses, esse quantitativo chegou a mil procedimentos. A necessidade por sangue e hemocomponentes, tais como hemácias, plaquetas e plasma é contínua porque são elementos decisivos para a recuperação dos enfermos. Indispensável à vida, o sangue não pode ser comprado ou produzido. A disponibilidade depende exclusivamente de terceiros, principalmente em se tratando dos pacientes onco-hematológicos, que perdem a capacidade de produzir o próprio sangue. Lívia Ramalho é hematologista e responsável técnica pela Agência Transfusiona

Hospital Regional do Baixo Amazonas promove campanha de doação de sangue

O Comitê Transfusional do Hospital Regional do Baixo Amazonas (HRBA) promove nesta quinta-feira (2), a campanha " O oxigênio que corre nas suas veias pode salvar vidas”. O objetivo é reforçar o estoque da Fundação Centro de Hemoterapia e Hematologia do Pará (Hemopa), em Santarém, no oeste do Pará. O tema deste ano faz referência ao momento de pandemia, onde muitas pessoas sentiram a importância do oxigênio para nos manter vivos. “A hemoglobina, que é uma proteína encontrada em um componente de nosso sangue, é responsável por transportar o oxigênio do nosso pulmão para o restante do corpo, o que nos mantem vivos, respirando”, explica a enfermeira da Agência Transfusional do HRBA, Paula Maia. A campanha será realizada nesta quinta-feira (2/12) das 7h30 às 16h, na Sala do Centro de Estudos e Pesquisa (CEP do HRBA). Colaboradores, acompanhantes de pacientes e demais usuários podem participar. As doações também podem ser feitas o ano todo nas dependências do Hemopa, de segunda a sexta-

Idade máxima para doação de sangue passa para 69 anos

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, anunciou nesta terça-feira (12) a ampliação da idade máxima de doação de sangue para 69 anos. Atualmente, a faixa etária para doação é de 16 a 67 anos.O ministro assinou, também, a portaria que torna obrigatória a realização do Teste de Ácido Nucleico (NAT) em todas as bolsas de sangue coletadas pelos bancos de sangue públicos e privados do país. “Estamos adotando este teste como obrigatório tanto nos bancos de sangue públicos quanto nos privados. [O teste] já acontece em 100% dos bancos públicos brasileiros e agora nos permitir colocar nos bancos privados", disse Padilha. Hoje são coletadas no Brasil 3,6 milhões de bolsas por ano, o que corresponde ao índice de 1,8% do parâmetro estabelecido pela Organização Mundial da Saúde (OMS). O ministro destacou que o objetivo do governo é atingir o parâmetro de 3% de bolsas coletadas ao ano. Ele frisou que o atual parâmetro já está dentro da faixa proposta pela OMS.

Em Santarém, o Hemopa implanta o 'Espaço Criança'

O Hemocentro Regional de Santarém (HRS) implantou o “Espaço Criança”, destinado aos pacientes da pediatria ambulatorial que, assim como os demais, recebem tratamento médico especializado. A unidade foi criada com uma nova concepção, que oferece um ambiente humanizado e descontraído, onde as crianças podem participar de atividades recreativas e educativas enquanto aguardam o atendimento. O pequeno William da Silva Marialva, 5 anos, que recebe atendimento no Hemopa Santarém desde outubro de 2012, foi o primeiro a conferir o espaço. A mãe, Mariane da Silva, contou que ele ficou muito feliz com o novo “cantinho”. Bastante satisfeita com a nova atividade, a gerente administrativa da unidade, Luanna Pontes, acredita que com as novas instalações e o novo conceito de serviço os resultados apresentados pelas crianças durante o tratamento será melhor. O atendimento médico ambulatorial é feito de segunda sexta-feira, das 7h30 às 11h. Serviço O Hemopa Santarém espera por você na Av. Frei Vicente,

Alunos promovem campanha de doação de sangue na Ufopa

Os alunos do curso de Licenciatura Plena em Ciências Biológicas (Turma 2009), da Universidade Federal do Oeste do Pará (Ufopa), promovem amanhã, dia 6 de dezembro de 2011, “O Dia dos Vampiros na UFOPA”, campanha de mobilização que visa convocar os alunos e servidores da UFOPA a doarem sangue. Realizada em parceria com o Hemopa, a campanha de doação de sangue contará com stands informativos, localizados nos campi Tapajós e Rondon, visando ao agendamento dos potenciais doadores. A campanha prossegue no dia 7, quando os alunos da Turma de 2009 estarão, pela manhã, nos dois campi, com transporte disponível para levar os doadores ao HEMOPA. Segundo a aluna Adrielle Nara Serra Bezerra, a ideia da realização da campanha surgiu a partir da disciplina “Hematologia I”, do curso de Licenciatura Plena em Ciências Biológicas, ministrada pelo professor Joacir Storlarz. Comunicação UFOPA

Hemopa passa a adotar a nova legislação para doação de sangue

A partir desta segunda-feira, 4, a Fundação Hemopa passa a receber doações voluntárias de sangue de jovens entre 16 e 17 anos e adultos até 68 anos, atendendo Portaria Ministerial nº 1.353, que estabelece o novo Regulamento Técnico de Procedimentos Hemoterápicos, com novos critérios para a doação de sangue no Brasil. A ampliação da faixa etária apta à doação deve regular do estoque de sangue do hemocentro, que atualmente enfrenta dificuldades com a insuficiência de sangue dos tipos Negativos, interferindo no atendimento satisfatório da demanda transfusional no Estado do Pará. Outra importante medida é a realização da campanha “Verão também é estação do calor humano. Doe sangue”, que começou no último dia 1º e se estenderá até o dia 15 de de julho. A meta é de 300 coletas/dia. A direção do hemocentro também tomou outras medidas para aumentar o número de comparecimento de doadores, como a ampliação do horário de coletas aos sábados, que passou de 7h30 às 17h - antes o atendimento enc