Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens com o rótulo falta de energia

Justiça Federal defere parcialmente liminares em ACP contra a Celpa

Em Santarém, a Justiça Federal determinou à Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) o envio de dois técnicos para fiscalizar os equipamentos locais da Rede Celpa, em atenção a um dos pedidos liminares requeridos pelo Ministério Público Federal (MPF) e Ministério Público Estadual (MPE) em ação civil pública contra a Rede Celpa e a União, por conta da má qualidade dos serviços de energia elétrica no município. O juiz federal Pablo Zuniga Dourado deferiu parcialmente os pedidos do MP.  O juiz deferiu também a elaboração de relatório circunstanciado sobre a qualidade dos serviços, após a fiscalização. Assinaram a ACP os procuradores da república Ticiana Andrea Sales Nogueira, Luiz Eduardo Camargo Outeiro Hernandes, Carlos Eduardo Raddatz Cruz, pelo MPF, e o promotor de justiça Tulio Chaves Novaes, pelo MPE.  O prazo para a vinda dos técnicos é de 15 dias e, para a produção do relatório, de 45 dias, contados a partir da intimação dos réus para cumprir a decisão. Em caso de descump

Nélio Aguiar reclama da falta de energia ao presidente da Celpa

O deputado Nélio Aguiar (DEM) esteve com o presidente da Rede Celpa, Raimundo Nonato Castro, na Assembleia Legislativa do Estado do Pará (Alepa), nesta quarta-feira (7), para reclamar das constantes falta de energia no Oeste do Pará, inclusive em Santarém. “As interrupções tem causado um enorme transtorno e grandes prejuízos para a população e precisa de solução urgente. Além disso, também cobrei mais investimentos da Celpa na região para garantir maior qualidade no fornecimento de energia elétrica e evitar as oscilações e apagões constantes”, pontuou Nélio. O presidente da Rede Celpa garantiu que até o próximo dia 16 estará colocando em funcionamento dois potentes transformadores na subestação de Santarém, com regulação automática de voltagem, evitando assim as oscilações. “Ele justificou, no entanto, que o problema da falta de energia nos últimos dias deve-se ao fato da Eletronorte estar disponibilizando energia para Manaus”, disse o parlamentar. Luz para Todos - Durante a reuni

Nove municípios da região ficarão sem energia nesta sexta-feira

Nesta sexta-feira (28), nove municípios da região Oeste do Pará passarão por uma interrupção de fornecimento programada entre 06 horas e 06h02 em função de uma manutenção na Subestação da Eletronorte. Os municípios (área urbanas e rurais) são Santarém, Belterra, Mojuí dos Campos, Medicilândia, Uruará, Rurópolis, Itaituba e Trairão. O desligamento na subestação da Eletronorte será necessário para melhorar o nível de tensão na Subestação Rurópolis. Esse serviço de manutenção, em caráter emergencial, visa aumentar a capacidade da oferta de energia à Celpa, permitindo que concessionária forneça energia de melhor qualidade aos seus clientes. Ainda em Santarém nesta sexta-feira, das 08h20 às 11h40, acontece um desligamento programado para manutenção de rede, no bairro Santarenzinho, nas travessas Santa Luzia, entre as avenidas Tomé de Souza e Nossa Senhora do Rosário e rua São Jorge, em frente à Escola Dom Tiago Ryan. Fonte: Temple Comunicação

População ficou quase dez horas sem energia

Somente após às 17 horas, a Celpa restabeleceu o fornecimento de energia em diversos bairros de Santarém. O desligamento ocorreu por volta das 9 horas desde domingo, quando a concessionária deu início à manutenção da subestação no município para a execução de serviços de melhoria na rede elétrica da cidade.  15 bairros ficaram sem energia durante quase dez horas.

Bairros em Santarém ficarão sem energia no sábado e domingo

Neste final de semana, a Celpa fará manutenções da subestação de Santarém, para execução de serviços de melhoria na rede elétrica da cidade. Com isso, haverá desligamento programado em alguns pontos de Santarém, conforme horários e locais abaixo: Sábado, das 05h30 às 09h00 da manhã · Bairros Aparecida e Jardim Santarém · Rodovia PA-370 – Santarém/Curuá-Una do Km 12 até o Km 45 · Comunidades Estrada Nova, Cristo Rei, Perema, São Raimundo da Palestina, Boa Fé, Bom Jardim, Jacamin, Tipizal, Poço das Antas, Murumurutba, São Jorge, Santa Rosa, Secretaria, Curupira e Boa Esperança. Domingo, 09h30 da manhã às 15h00 · Nos bairros Aeroporto Velho, Aldeia, Área Verde, Caranazal, Cohab, Fátima, Interventoria, Laguinho, Liberdade, Livramento, Mapiri, Prainha, Salé, Santíssimo e Uruará Ana Tereza Leal - Celpa

Distribuidoras pagaram R$ 163,77 milhões a consumidores por interrupções no fornecimento de energia

As compensações por interrupções no fornecimento de energia elétrica pagas aos consumidores somaram R$ 163,77 milhões no primeiro semestre de 2011. Segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), o valor foi 7,43% superior ao pago no mesmo período de 2010. No total, foram pagas 41 milhões de compensações pelo descumprimento de indicadores de duração e de frequência da interrupção. Os dados foram encaminhados à Aneel por 61 concessionárias de distribuição do país e ainda serão verificados pela Superintendência de Fiscalização dos Serviços de Eletricidade (SFE). O Sudeste foi a região onde o valor das compensações foi maior, com R$ 61,68 milhões. A Região Norte ficou em segundo lugar, com R$ 44,66 milhões em pagamentos, seguida do Nordeste, com R$ 27,28 milhões, e do Sul, com R$ 17,54 milhões. Na Região Centro-Oeste foram pagos R$ 12,59 milhões. A compensação deve ser creditada na fatura do consumidor em até dois meses após o período de apuração, que corresponde ao mês no qual

NOTA DE ESCLARECIMENTO

UTILIDADE PÚBLICA Uma pane em um dos equipamentos da Subestação Santarém, interrompeu o fornecimento de energia elétrica em Santarém, às 10h35, desta segunda-feira, 10. Os técnicos conseguiram normalizar o fornecimento no centro comercial e parte da cidade, às 10h50. Devido o ocorrido, o equipamento está passando por ajustes necessários, e alguns bairros da cidade estão sem energia, com previsão de retorno às 18h: Liberdade, Mapiri, Salé, Livramento, Área Verde, Uruará, Prainha (parcial).  Também sofrerão interrupção as comunidades da Santarém Curua-Una, do KM 12 até o 45 e Mojui dos Campos, a partir das 18h. Leíria Rodrigues | Comunicação |Celpa

Celpa substitui os isoladores danificados na Linha Rurópolis Tapajós‏

Sobre o fornecimento de energia em Santarém, a Celpa esclarece que: A Linha de Transmissão Rurópolis Tapajós, de 138 KV, foi desligada novamente nesta terça-feira, 06, às 17h37. No domingo, 04, um temporal com descargas atmosféricas, no Ramal do Jabuti, região do planalto, atingiu 12 isoladores de duas Torres de Transmissão da Linha, que possui 205 km de extensão. O que provocou o seu desligamento e interrompeu o fornecimento em Santarém, Belterra e Mojui dos Campos. Os isoladores, que foram totalmente danificados, iriam ser substituídos, amanhã, 07, de 6h ás 7h, conforme desligamento programado em caráter emergencial. Em virtude do desligamento automático da Linha nesta terça-feira, 06, provocado também por descargas atmosféricas, os engenheiros e técnicos da Celpa seguiram para o local do incidente para realizarem a troca dos 12 isoladores, que têm a função de separar os cabos da alta tensão, evitando curtos circuitos e desligamentos. As duas torres estão localizadas numa área d

Santarém ficará sem energia por uma hora no feriado de 7 de setembro

O apagão ocorrido na noite do último domingo (4), em Santarém, foi provocado por danos causados em 12 isoladores de duas torres de transmissão da linha Rurópolis Tapajós, durante um forte temporal, segundo informou a Celpa. Os isoladores, que têm a função de separar os cabos da alta tensão, evitando curtos circuitos e desligamentos, foram seriamente danificados pelas descargas atmosféricas. O que provocou o desligamento da Linha, interrompendo o fornecimento em Santarém, Belterra e Mojui dos Campos, às 21h23. Por esse motivo, diz a assessoria de imprensa da concessionária, amanhã, feriado de 7 de setembro, haverá necessidade de desligar a linha de transmissão, interrompendo em caráter emergencial, o fornecimento de energia elétrica nas cidades de Santarém, Belterra e Mojui dos Campos, das 6 às 7 horas. No link abaixo, a nota da Celpa na íntegra

Celpa ainda não identificou causa do apagão

Segundo a assessoria de imprensa da Celpa, a concessionária ainda não identificou o problema que causou o desligamento na linha de transmissão Rurópolis/Tapajós, na noite de domingo (4), deixando a cidade no escuro das 21h33 às 2h15. A empresa deve conceder uma entrevista coletiva à imprensa para esclarecer os motivos do blecaute.

Às escuras

Várias cidades da região oeste do Pará ficaram às escuras por quase cinco horas. O apagão teve início por volta das 22 horas de ontem (4). O fornecimento de energia foi restabelecido somente pela madrugada. A Celpa ainda não se pronunciou sobre o apagão, que mais uma vez causou transtornos, prejuízos e aborrecimentos à população.

Nota de esclarecimento

Utilidade Pública Sobre a interrupção no fornecimento de energia elétrica em Santarém, nesta segunda-feira, 29, a Celpa esclarece que:  Um desligamento automático da Linha de Transmissão Rurópolis Santarém, afetou o fornecimento de energia elétrica em Santarém, às 23h33, retornando após alguns minutos. A Causa ainda está sendo apurada pela Celpa. Leíria Rodrigues | Comunicação |Celpa

Deputada requer CPI para investigar denúncias contra a Celpa

A deputada Bernadete fez pronunciamento hoje (23), apresentando na tribuna pedido de instauração de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para investigar as graves denúncias que levaram a Rede Energia – Celpa, concessionária de transmissão de energia elétrica no Estado do Pará, a ser a campeã nacional de reclamações no Procon, em 2010. Bernadete, que esteve na última quinta-feira (18) em audiência pública que tratou da má qualidade do serviço da concessionária de energia, no município de Parauapebas, se disse estarrecida com a situação calamitosa da prestação dos serviços naquele município, o que não difere do restante do estado. As denúncias vão desde interrupções no fornecimento da energia elétrica sem motivos plausíveis à morte de trabalhadores rurais em virtude da má conservação das vias elétricas. “É inadmissível que isso aconteça, ainda mais quando se tem uma tarifa extremamente cara, com reajustes a mais”, desabafou a Deputada. Segundo a Agência Nacional de Energia El

Cidades no oeste do Pará ficarão sem energia nesta terça-feira

Um desligamento emergencial para a manutenção da subestação da Eletronorte, em Altamira, no Oeste do Pará, deixará as cidades de Santarém, Mojui dos Campos, Belterra, Itaituba, Altamira e municípios da Transamazônica sem energia das 4h50 às 5h50, desta terça-feira (23). A informação foi repassada agora a noite pela assessoria de comunicação da Celpa em Santarém . 

Celpa esclarece interrupção de energia

Utilidade Pública NOTA DE ESCLARECIMENTO Sobre a interrupção no fornecimento de energia elétrica em Santarém, nesta terça-feira, 16, a Celpa esclarece que: As cidades de Santarém, Belterra, Mojui dos Campos, Altamira, Vitória do Xingu, Anapu, Brasil Novo, Medicilândia, Itaituba, Uruará, Placas, Trairão e Rurópolis, no Oeste do Pará, ficaram sem energia elétrica, devido a um problema técnico que a Celpa está apurando junto a Eletronorte, na Subestação de Altamira, às 14h08. Leíria Rodrigues | Comunicação |Celpa 

Deputado pede audiência para discutir quedas no fornecimento de energia no Pará

As constantes quedas no fornecimento de energia elétrica no Pará levaram o deputado federal Arnaldo Jordy (PPS-PA) a pedir audiência pública para cobrar esclarecimentos do governo e da própria concessionária (Celpa) sobre o problema que tem atormentado a população do estado. Requerimento, de autoria do parlamentar, foi apresentado na Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara nesta terça-feira (3) e pede que sejam convidados também representantes dos órgãos de defesa do cidadão. Além das oscilações no abastecimento, Jordy quer explicações sobre as altas tarifas cobradas dos consumidores. O deputado também convidou representantes da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) – órgão responsável por autorizar aumento para empresa de enérgica elétrica. Foram convidados ainda membros do Ministério Público e da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

Fornecimento de energia elétrica em Santarém

Utilidade Pública E quipes da Celpa continuam trabalhando para restabelecer o fornecimento de energia em Santarém. O Centro Operacional de Distribuição da Celpa tem registrado mais de 150 ocorrências de interrupções, após o forte temporal na madrugada desta segunda-feira, 25. O temporal provocou sérios prejuízos à rede de distribuição, como rompimento de cabos da alta tensão, transformadores danificados. A Celpa já deslocou equipes para atender a região do planalto, uma das mais afetadas, como ascomunidades Boa Esperança, Mojui dos Campos, Garrafão, Igarapé da Lama, Poço Verde, Lírio do Vale, Jabuti e Morada Nova e trechos de Alter do Chão e Ponta de Pedras.  A Superintendência Regional aumentou o número de equipes para atender também os bairros da cidade, que tiveram cabos rompidos pela queda de árvores na rede elétrica. E alerta a população para os cuidados que deve ter, mantendo distância dos cabos rompidos e que aguarde o serviço da concessionária, que está habilitada para res

Celpa: Nota de Esclarecimento

UTILIDADE PÚBLICA Caiu para 10, o número de ocorrências no Centro Operacional de Distribuição da Celpa. As equipes trabalharam intensamente para normalizar as 80 ocorrências, diárias de interrupções no fornecimento de energia elétrica, após o forte temporal que afetou a zona rural, em Santarém, no último final de semana. O temporal provocou graves danos à rede de distribuição elétrica. No Plantão, 7 novas equipes continuam trabalhando para garantir o fornecimento. Nas comunidades Santa Julia, Mojui dos Pereiras e Tabocal, no Km 23, na BR 163, que foram atingidas pelo temporal e a energia interrompida, o fornecimento foi normalizado. Leíria Rodrigues | Comunicação |Celpa

Celpa esclarece interrupções de energia

UTILIDADE PÚBLICA O Centro Operacional da Celpa tem registrado desde o último final de semana, 80 ocorrências, por dia, de interrupções no fornecimento de energia elétrica, após o forte temporal que afetou a zona rural, em Santarém. O temporal provocou sérios prejuízos à rede de distribuição, como rompimento de cabos da alta tensão, queda de árvores, equipamentos como cruzetas e transformadores danificados. As comunidades Santa Cruz, Murumurutuba, São Raimundo da Palestina, Pedreira, Poço das Antas, Cipoal e Boa Fé, que ficaram sem energia, já foram atendidas pelas equipes do Plantão e a energia foi restabelecida. A Superintendência Regional aumentou o número de equipes técnicas e recebeu carros novos, que já estão em operação há 12 dias em Santarém. No Plantão, 7 novas equipes estão dando suporte para atender as emergências e já estão trabalhando para restabelecer a energia nas comunidades Santa Julia, Mojui dos Pereiras e Tabocal, no Km 23, na BR 163. Na cidade, a mai